História Nights with you - imagine / história - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Aquelamalucaimagina
Visualizações 28
Palavras 2.466
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oiiie ^^ Voltei rapidinho com um capítulo novo pra vocês jausjj me desculpem a demora esses dias

Capítulo 21 - A chegada de Tália


Fanfic / Fanfiction Nights with you - imagine / história - Capítulo 21 - A chegada de Tália

-Vem comigo - Derek diz e segura minha mão me levando para algum lugar

Ele me levou até a pequena sala que sempre ficamos. Derek abriu a porta e tirou o palito de seu terno ficando somente com a camisa social, e logo me apróximou novamente para um beijo intenso

-Espera... - digo arfa

-Por que? - Derek diz ao beijar meu pescoço

-Por que a gente tá no colégio e...k

-Pensei que quisesse fazer rm lugares inusitados - Derek diz sorrindo, ele quer me manipular com minhas próprias palavras

-Eu disse isso a meses!

-Mas! Eu me lembro - Derek diz com um sorriso malicioso e toca em minha intimitade para me provocar, ele faz um carinha de cão abandonado

-Tira essa carinha de cachorro - digo e ponho a mão em seu rosto o mesmo lhe dá uma mordida de leve -Nossa, o cãozinho também morde? Tá precisando ser adestrado

-Me adestra... - Derek diz olhando para minha boca

-Já é a segunda vez que você fala isso

-É porque minha dona não me adestra direito - Derek

-Se adestre sozinho

-Ok - Derek diz dando de ombros e avança seus beijos em meu pescoço

-C-chega... - digo ao desejar que continue

-Vai me adestra? - ele diz sorrindo e morde minha cravícula

-Sim...

-Ok - ele para e começa a me olhar

-Eu mereço - digo sorrindo e reviro os olhos. Abrindo o ziper de meu vestido e o tirando, me sento em um pequeno balcão -Vem aqui... - digo meiga e ele vem

-Acho que vai ser divertido - Derek diz com um sorriso malicioso e mordendo seu lábio. Se apróximou de mim e se encachou entre minhas pernas -Você está usando aquela lingerie, pensei que não fosse usar pra mim... - ele diz deslizando sua mão em minha perna -Eu... - Derek ia dizendo mas, antes que terminasse sua frase eu o calei encostando meu dedo indicador em seus lábios

-Você vai calar a boca ou não? - digo irônica

-Ok - pausa - mandona... - Derek resmunga

-.........- fico quieta apenas o fuxilanfo com os olhos. Em um puxão eu abro sua camisa fazendo alguns botões quebrarem -Ops!

-Caralho! Sua... - Derek diz sorrindo mas dúvido muito que me xingaria

-Vadia?

-No máximo eu ia dizer "bruxa". Nunca falaria isso de você - Derek diz enrolando seu dedo em um cacho de cabelo meu

-E se eu quisesse escutar?

-Por que iria querer escutar isso? - Derek

-Talvez eu quisesse algo novo! - faço beicinho

-Eu mereço... - Derek diz com um sorriso meigo. O fechei entre minhas pernas e chego perto de sua orelha

-Fode comigo?... - sussuro em seu ouvido

-Quem é você? E o que fez com a minha namorada romântica? - Derek diz rindo, eu também ri não acredito que fiz o que a Spencer falou. Ele parou de rir e me deu um selinho calmo e suave e levando seus lábios a minha orelha -Eu fodo você... - ele sussuro, de alguma forma essa frase pevertida me vez querer mais

Ele se afastou um pouco e ficou somente a me olhar, eu o beijo e desço meus beijos pelo seu pescoço o fazendo arfa, deslizando minha mão em seu abdômen, sinto seu pênis sobre minha perna, apróximo minha intimidade da sua deixando elas roçarem uma na outra

Duas pessoaa entram na sala "se pegando", eu e Derek rimos quando percebemos que eram Cler e Bryce. Eu cheguei meu corpo bem perto do de Derek para esconder meu corpo apesar de está de lingerie. Durou um tempo até eles perceberem que já estavamos lá

- ----? - Cler abre os olhos por um segundo e percebe

-Oi - Derek diz rimdo

-Então, quando isso começou? - digo tentando não rir

-Shiu! - Cler diz sorrindo -Vamos sair Bryce

-Ok - pausa - Gostei da lingerie ---- - Bryce diz irônico e Cler lhe deu um pequeno tapa na cabeça

-Tchau! - digo e eles saíram da sala -Fecha a porta - digo e Derek saí de perto e fechou a porta

-Aprendeu a lição de fechar a porta? - digo rindo de sua expressão sorridente

-Essa eu aprendi - ele diz e se apróxima novamente -Porém...não é o que eu quero aprender com você... - ele diz respirando forte em minha orelha

-Você já teve várias lições

-Não prestei atenção na aula... - Derek diz colocando a mão em minha intimidade

-Desgraçado - digo sorrindo

-Sempre tão má comigo - Derek está a olhar meu rosto um tanto quanto desejando algo

-Quer que eu seja delicada? - digo irônica

-Quero que seja verdadeira comigo - Derek me diz e eu estranho

-O que quer dizer com isso? - digo alterada

-Nada - Derek foi direto

-Acho que eu to fingindo algo?

-Calma! Eu não to dizendo isso, você tá muito alterada - Derek diz tentando me deixar calma

-Sinto que tem algo te encomodando esses meses

-Não tem... - Derek

-Fala Derek! - o imterrompo

-O que quer que eu fale?! - Derek diz e sem querer deixei ele alterado

-Não sei! Eu to cansada de ter que adivinhar o que se passa na sua mente! Eu to cansada de vo...

-De mim? - Derek diz e eu noto o que eu ia dizer pra ele

-Não...D-Derek eu...

-Por que você fala uma coisa e depois desmente ela? É por isso que quero que você seja sincera comigo, você sempre diz que eu tenho culpa de algo. Diga o que pensa, por favor, minha paciência está acabando - Derek

-O que quer dizer com isso? - digo e olho séria e ao mesmo tempo triste

-..........- Derek ficou em silêncio durante um tempo, depois ele abotoou seu camisa e pegou o casaco de seu terno -É melhor se vestir, não quer que eles te vejam semi-nua - ele diz e saíu pela porta

-O que eu disse... Porra... - digo e coloca novamente meu vestido

Saí da sala e fiquei reparando todos animados e eu apenas...ali

- ----! - Spencer vem até mim animada junto com Chris

-Cade o Derek? - Chris

-Ele saíu de perto de mim por um minuto, não deve demorar - menti

-Então você vai esperar ele ou vai vim se diverti com a gente? - Spencer

-Eu...quero me diverti hoje

-Então vamos! - Spencer e me puxe para onde todos estavam

Eu comecei a pular e dançar loucamente, Spencer chegou perto de mim e começou a dançar junto comigo, ela envolveu seus braços emvolta de mim

-O que você tá fazendo?! - digo um pouco alto para ela por causa do barulho

-Eu vi como o Derek saíu daquela sala! Então, eu preciso provocar o Chris e você o Derek! Vamos nos ajudar aqui! - ela diz e olho em volta e vejo Derek parado encostado na parede olhando pra mim -Topa ou não?

-Pode ser - digo sorrindo e noto a música ficar mais alta (don't threaten me with a good time - Panic! At the disco) segurei na cintura dela e lancei um olhar provocador em Derek e dancei com Spencer

Alright, alright It's a hell of a feeling though It's a hell of a feeling though Alright, alright It's a hell of a feeling though It's a hell of a feeling though

Champagne, cocaine, gasoline And most things in between I rode the city in a shopping cart A pack of camels and a smoke alarm

This night is heating up Raise hell and turn it up Saying "If you go out you might pass out in a drain pipe" Oh yeah Don't threaten me with a good time

-Quem diria ela sabe provocar! - Spencer diz irônica

-Fica quieta! - digo sorrindo e me afastando um pouco dela

-Vem comigo! - Spencer novamente puxando meu braço. Paramos em uma mesa, ela me deu disfarçadamente uma bebida

-Onde conseguiu?...Ah! Claro, Cler

-Quem mais? - ela diz sorrindo, eu peguei a bebida e tomei um cole -Ah! Assim não vale! Bebi mais! Ou você não aguen...

-Ei Spencer - Chris chega perto dela -Quer dançar? - nesse momento ela olhou para mim com uma cara de "nossa! Deu certo mesmo" e foi dançar com ele

Quando viro meu rosto vejo Derek vindo em minha direção

-Oi - ele diz tímido

-Oi - depois disso ficou um silêncio constrangedor -Vem sempre aqui?

-Normalmente quando tem aula - Derek diz e eu riu de leve -Desculpa se eu pareci... - eu dou um beijo rápido o calando

-Não se desculpe, eu estou te confundindo. Sinto muito, te darei todas as resposta e... - Derek me calou com um beijo

-Quando você começa a falar você não para - Derek diz sorrindo

-Isso não é verdade - digo fazendo bico

-Se você acha. Mas eu não quero falar disso - Derek

-Então...

-Você quer dançar? - Derek diz e eu balancei a cabeça como um "sim"

Novamente dançamos uma música lenta, deixando nossos corpos juntos, nos olhamos fixamente até um sorriso ou dois saírem entre nós, os sorrisos são bobos e sem sentindo apenas saem por nada. Eu fiquei envergonhada então, eu o abracei deixando minha mão em seu costas, deitei meu rosto em seu peito, ele me deu um beijo na testa e ficou deslizando os dedos em meu cabelo o que me deu muito vontade de domir ali mesmo

-Derek? - uma garota ruiva chega falando seu nome

-Tália? - Derek diz com sorriso, eu fico um pouco indiferente entre eles

-Quem é? - Tália fala e eu fico a encarando. Como assim "quem é?", ninguém educado chega falando desse jeito

-É minha namorada - Derek diz e olha pra mim com um sorriso. Acho bom mesmo falar na tora pra ela

-Namorada... Ela é bonita - Tália diz sorrindo, não sei dizer se é falso, ela deve ser boa em fingir ou eu possa ter entendi errado

-Meu nome é ----

-Prazer em conhece-la. Me passa seu número? - Tália

-Ãn?

-Tália, para com isso - Derek diz sério

-Foi mal Cute - Tália (que porra de apelido é esse que ela deu pra ele?!!)

-Tália! - Derek

-Você era mais gentil - Tália

-Ai foda-se - digo murmurrando e saíu de perto deles

-Espera! - Derek diz indo em minha direção

Eu tava pegando o ponche irritada

-Você tá... - Derek

-Não!

-Tá - Derek diz levantando as mãos como se estisse se rendendo, ele sorri

-Só...quem é ela, Derek? - digo deixando meu copo de ponche na mesa

-Tália é minha ex-namorada - Derek

-Pensei que você fosse inocente! - digo alterada mas rindo de leve

-Eu era! Mas isso não quer dizer que eu não tenha beijado ninguém antes de você! E a gente já falou sobre isso! - Derek diz rindo

-O que aconteceu com vocês? - digo séria desta vez

-Ela me chutou - Derek

-(Ah! Então se fosse por você ficariam juntos até hoje?!) - penso mas não digo -Por que ela te chutou?

-Ela disse que queria "se descobrir" - Derek diz revirando os olhos

-Quando ela te chutou?

-Foi...no dia de festa em que nós conhecemos - Derek

-Você tava me usando! - digo o empurando

-Você também tava me usando! - Derek

-E você ainda admiti! Seu desgraçado!

-..........- Derek fica em silêncio, ele respirou fundo e mecheu no cabelo o bagunçando -Foi mal...

-Foi péssimo

-..........- um silêncio mortal se fez presente entre nós

- ---- - Spencer chega me chamando -Preciso da sua ajuda - ela diz realmente séria

-O que foi?

-É a Lesly, ela... - Spencer ia dizendo mas eu a corto

-Eu não quero saber da Lesly, Spencer - digo irritada

-Ela tá drogada ----! Alguém pode ser aproveitar, eu quero leva-la para a casa dela mas, eu não sei onde é! Você deve saber, você já foi amiga dela - Spencer

-Você também já foi

-Não tanto quanto você... - Spencer diz e eu sedo

Eu fui com ela até a Lesly e já tinha três caras em volta dela

-Vem comigo - um deles diz pra ela

-Claro... - ela diz tonta a ponto de cair no chão

-Lesly! - digo a puxando pro meu lado

-Legal, sua amiga pedofíla vai vim também - ele diz mordendo o lábio, sinto um nojo dele na hora

-Ela...não é...minha amiga...essa cachorra... - Lesly diz e a tontura está tomando sua mente

-Você vem comigo! - digo a levando a força. O garoto segurou meu braço na hora

-Se sua amiga quer se diverti você não pode leva-la - ele me diz com um olhar de quem ia me bater, eu senti medo mas não tirei a postura

-Ela pode sim! - Chris chega o encarando -Algum problema?

-Sim tem - o garoto o encara se mandendo firme na postura

-Chris... - digo baicinho querendo o impedir de fazer uma burrada

-Pode ir ----, eu fico com esse bunda mole - Chris

-Eu não to sozinho babaca - garoto

-Eu também não filho da puta - Chris diz e seus amigos acenaram com um sorriso

-Foda-se - o garoto murmurra e vai embora

-Valeu Chris...

-De nada - Chris diz sorrindo -Eu posso levar vocês?

-Claro

-Não!!! - Lesly grita alto

-Fica quieta! - digo e tampo sua boca

Levei ela carregada até o carro de Bryce, Chris pegou as chaves com ele. Chris dirigiu até a casa de Lesly, os pais dela ficaram surpresos com seu estado, bom, bem feito pra ela, e sim, eu guardo rancor dela. Dirigindo novamente ao baile, Chris começou a falar

-Por que você e Derek tão estranhos? - Chris diz concentrado no volante

-Uma ex-namorada dele apareceu, e também ultimamente só estamos discutindo

-Que bosta. Ex-namorada? Gostosa? - Chris diz me fazendo rir

-Chris! - digo lhe dando um leve soco no ombro -Ruiva

-Nossa! - Chris diz rindo

-Para de falar assim!

-Ela é ruiva caralho! Sabe como é dificil encontrar uma ruiva gostosa? - Chris

-Vai se fuder Chris! - digo rindo mas também irritada

-Foi mal. Prometo me redimi - ele diz e chegamos no baile do colégio novamente

-Ata sei - digo indo abrir a porta do carro mas, quando tentei estava trancada -Chris... Ta trancada - digo já com medo dele

-Eu sei - Chris diz com um sorriso

-Chris? - digo me afastando

-Até mais ----! - ele diz saindo do carro e me trancando lá

-Chris sua desgraça! - grito mas meu grito e abafado pelo carro -Porra... - resmungo

Segundos depois a porta do carro e aberta

-Porra como você me deixa trancada na merda desse carro sozinha? - digo e depois de um tempo vejo que é Derek -..........- fico quieta na hora

-Olha! Sinto muito por não ter dito sobre a Tália, eu deveria ter falado que teve uma namorada como ela, mas, Tália ter terminado comigo foi a melhor coisa que me aconteceu! - Derek diz rápido quase não o aconpanho nas palavras, eu dei uma leve risada na hora o fazendo ri também

-Eu ter terminado com Chris foi a melhor coisa que eu fiz

-Concordo - Derek diz sorrindo. Chegando perto devagar e iniciando um beijo calmo, coloquei a mão em seu rosto e indo até sua nuca, fazendo daquele beijo um beijo necessitado e intenso. Abrindo caminho para minha intimidade pelo lascado do meu vestido

-Espera... - digo imterrompendo nosso beijo

-O que foi? - Derek diz e eu apenas sorriu e me levanto passando pelos bancos da frente indo para os bancos de trás do carro

-Vem até mim... - digo meiga e ele vem sorrindo em minha direção me beijando novamente

-No carro? - Derek pergunta me tocando levemente

-Sim... - sussuro. Ele apenas sorriu e me beijou ao entrelaçar nossas mãos


Notas Finais


Obrigada por ler ^^
O que achou? Se quiser comente é importante pra mim •3•
Ops: me desculpem os erros


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...