História Nina in London - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Personagens Originais
Tags Harry Styles, Nina Alcântara Cowell, Romance, Simon Cowell
Exibições 191
Palavras 920
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


HAAAYYY!
Feliz dia das crianças!!! (Até pra quem não é mais criança :P)

Capítulo 36 - Christmas


Fanfic / Fanfiction Nina in London - Capítulo 36 - Christmas

Eu ainda vou entender como funciona essa coisa complexa de quando há uma festa. Apesar de que a festa não será aqui em casa, tudo está uma verdadeira loucura. Há pessoas correndo para todos os lados e meu pai está a cada segundo mais atarefado. Pessoas chegam perto de mim para falar comigo sobre como eu vou me arrumar e eu nem sei quem elas são de verdade.

Minha mãe saiu para ir se arrumar num salão no qual ela marcou horário e levou o motorista. Eu queria muito ter ido com ela, mas meu pai me disse que havia contratado pessoas para vir me arrumar, e que minha mãe tinha recusado a gentileza de ser arrumada aqui em casa. E também disse que eu deveria falar para Mari como ela deveria deixar meu quarto, já que Chris, Cloe e Ruth vem dormir aqui em casa hoje.

Noite das garotas.

Enquanto uma mulher mexia no meu cabelo, outra revirava uma revista de maquiagem desesperadamente. Eu realmente não sei o que está acontecendo de verdade. Nós estamos dentro do meu closet, já que Mari está arrumando o meu quarto, e eu estou louca para finalmente ficar pronta e ir para o local da festa.

Às vezes eu acho meio desnecessário meu pai querer que pessoas venham me arrumar. Eu mesma posso me arrumar. Talvez eu demore um pouco mais do que elas, mas eu sei me arrumar bem. Ficar parada as sentindo mexerem no meu cabelo e colocando não sei o que na minha cara, é muito entediante.

Quando elas terminaram seu trabalho, minha mãe já tinha voltado e estava prontíssima (1) apenas me esperando. Peguei o vestido que eu havia separado. O coloquei, calcei meus saltos, e coloquei algumas pulseiras e um brinco e então estou finalmente pronta. (2)

Eu e minha mãe descemos as escadas encontrando o meu pai que disse que a entrada do local onde seria a festa, estava infestada de paparazzi, jornalista e não sei o que. Ele falou que nenhuma de nós duas era para parar para responder alguma coisa.

Entramos dentro do belíssimo e impecável salão com a ajuda de seis seguranças. Poucas pessoas já tinham chegado e eu as cumprimentei, juntamente com meu pai e minha mãe. Quando Harry chegou, eu larguei os dois de mão e fui ficar junto com o meu namorado. Lógico.

Eu sentia as câmeras apontas para nós dois, mas quer saber? Não estou nem aí!

Logo Chris e Cloe chegaram, e ficamos eu, Harry, Chis, Liam, Cloe e Louis conversando. Ruth chegou um tempão depois, e ficou conversando com Niall num canto. Eu e Harry ficamos zoando os dois juntos, de um jeito que logicamente eles não pudessem escutar. Juro. Eu não imagino nem Niall, nem Ruth namorando. Muitos menos juntos.

E eu quase me esqueci de contar. Anteontem, eu acho, Cloe e Louis foram pegos se pegando e todo mundo sabe que há um rolo entre ele. Assim como comigo e com Harry, existem as pessoas que apoiam, e as que não apoiam e nos querem mortas. Eles viram o casal #Clou. Eu adorei o nome desse ship.

A janta começou. A família de Harry, eu e meus pais, sentamos juntos na mesma mesa. Achei super legal, mas ao mesmo tempo estranho. Eu e Harry namoramos há três meses, não somos casados ou algo parecido para as famílias sentarem juntas na mesma mesa.

Porém depois da janta, e da sobremesa que eu admito que repeti de tão gostosa que estava, meu pai convidou minha mãe pra dançar, e foi a cena mais estranha que eu já vi na minha vida. Gemma saiu para paquerar um modelo de não sei onde, que estava na festa, a mãe e o padrasto de Harry foram dançar, e o restante da banda, menos Zayn que decidiu passar o natal com a família no Caribe, juntamente com Chris, Cloe e Ruth, sentaram-se na nossa mesa.

Ficamos conversando um monte de bobagens. Paramos para tirar algumas fotos que jornalistas autorizados estavam pedindo. Eu e Harry respondemos algumas perguntas. É incrível como as pessoas gostam de saber da vida dos outros. Sério, é impressionante.

E eu também preciso ler essa entrevista. Nós não respondemos a entrevista juntos, vieram dois jornalistas para a mesma reportagem.

Depois da entrevista, Harry me levou num jardim que tinha ao lado do salão. Era um lugar incrível. Havia um lado enorme, com uma ponte de madeira, com flores enroladas. Alguns daqueles postes de luz iluminavam o jardim, repleto de flores e verde:

- Esse lugar é muito bonito... – olhei para Harry, que sorria mais do que eu. Coloquei minhas mãos na barra da ponte, com cuidado para não amassar as flores.

- Ano retrasado eu vim numa festa aqui. A música estava quase estourando meus tímpanos... – seus braços rodaram minha cintura, e seu queixo foi pousado em meu ombro – E então eu saí do salão e descobri esse jardim.

- Que sorte... – senti um beijo ser posto no meu ombro.

- Muita sorte. – olhamos um para o outro e sorrimos.

 Aproximamos nossos rostos. Eu já estava sentindo o calor de seus lábios aproximando-se dos meus, quando nos separamos escutando o som da primeira das doze badaladas da noite de Natal. A catedral ficava aqui perto e podíamos escutar o som nitidamente. Quando a décima segunda foi tocada, fogos começaram a surgir, iluminando o céu daquela noite. Harry me virou para ficar de frente para ele:

- Feliz Natal, Nina...

- Feliz Natal, Harry...

E então, nossos lábios se encontraram.


Notas Finais


(1) Roupa da Lara (mãe da Nina): http://www.polyvore.com/cgi/set?.locale=pt-br&id=202451951
(2) Roupa da Nina: http://www.polyvore.com/cgi/set?.locale=pt-br&id=201761485
O local da festa é a capa.

Espero que estejam gostando! <3
Estou escrevendo uma parte da fic onde acabou de ocorrer uma reviravolta! Eu tenho certeza que vocês vão amar, e já vou pedindo para vocês não me matarem numa parte! HAHA
BEIJOS!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...