História NINFOMANÍACA. - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, Justin Bieber, Selena Gomez, Zayn Malik
Personagens Camila Cabello, Justin Bieber, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais, Selena Gomez, Zayn Malik
Tags Camren, Incesto, Romance
Exibições 1.031
Palavras 1.131
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpem por esse capítulo merda, mas ele é necessário...

Capítulo 5 - Castigo.


Fanfic / Fanfiction NINFOMANÍACA. - Capítulo 5 - Castigo.

- Transa comigo papai? 

- O que? você tá maluca camila?
tá querendo levar uma surra? 

- Se for do seu pau, eu aceito com todo o prazer do mundo! 

- Camila, a gente tem que conversar!

- Ótimo, na minha cama ou na sua? 

- Camila!!! - Me repreendeu!  - você tá querendo que eu conte pra sua mãe?

- por mim você conta. Mas só se me comer primeiro!

- Camila!!!

- Qual foi?  Você tá tendo buceta de graça e tá reclamando?  Conheço garotos que dariam tudo pra me ter na cama e você fica recusando? Qual é o seu problema?

- Qual é o seu problema? Você quer ir pro colégio interno? um colégio católico? Eu sou seu pai sua idiota!  - ele gritou!

- Você nunca falou assim comigo! - eu disse meio que arrependida.

- Porque você nunca passou dos limites desse jeito! 

- Desculpa, eu não sei o que deu em mim! - eu disse em tom baixo.

- Mas eu sei o que deu em você, eu sei muito bem.

- Papai, Desculpa, eu não pensei antes de falar essa merda, desculpe!

- Você nunca pensa antes de falar camila. Você tá de castigo, dois meses sem sair, sem ir pra casa da demi.

- Mais pai eu preciso tran...trabalhar no projeto do colégio! 

- Trabalhe sozinha, o problema é todo seu! - ele disse batendo a porta!

- Que droga! - bufei!

Eu sou uma idiota? Talvez sim. Talvez o caralho, eu sou idiota mesmo. Como eu chego no meu pai e peço sexo? Qual é o meu problema? Tudo bem sentir tesão no próprio pai, mas pedir sexo na cara de pau? Eu tenho problemas sérios!

[...]

- Ele me proibiu de ir na sua casa,  aff que idiota!

- Idiota é você camila, como você pede sexo pro seu pai?

- vai me julgar também? Se for me julgar avise e eu desligo o telefone. 

- Não vou te julgar, só vou te avisar que a merda que você tá fazendo é bem séria. 

- O que eu devo fazer?

- Tenta procurar cura, não é normal uma criança ser viciada em sexo.

- Eu não sou uma criança.

- Você tem 14 anos! 

- Foda-se eu não sou uma criança.

- Vou ter que desligar, minha mãe chegou!

- tudo bem, vou tentar fazer meu pai me tirar do castigo! 

- Boa sorte!

- Valeu, boa noite!

Como eu iria ficar dois meses sem sexo?; Como eu iria?;
Talvez a demi tenha razão, talvez eu precise de cura. Talvez eu precise contar isso a Lauren.

Vou em direção a cozinha onde mamãe estava, mas a cena que vi me animou até de mais. Chego na cozinha e Lauren estava de quatro no chão, procurando algo que havia caído.

- Aí meu Deus! - eu disse olhando para a bunda de Lauren que estava de quatro no chão. Seu vestido estava subindo, mostrando a parte de baixo da sua bunda, deixando transparecer sua calcinha branca. Se eu tivesse um pau, certamente ele estaria duro feito pedra agora.

- Aí que susto, vem aqui e me ajuda a procurar meu brinco! - Ela disse sem se tocar que eu estava olhando para ela!

- Qual foi o brinco que você perdeu? 

- O que seu pai me deu no dia do meu aniversário!

- Você perdeu sem brinco de esmeraldas? Considere-se morta, o papai vai te matar.

- Por isso eu preciso achar. Vou pra um jantar na casa de uns amigos e preciso deles. 

- Amigos ricos? Tá querendo impressionar?

- Não, nada de mais. Mas eu preciso deles.

- Tudo bem, vamos procurar direito! 

[...]

É muito estranho, a Lauren nunca usa suas esmeraldas, ela nunca usa aquelas jóias. Ela odeia qualquer coisa que chame atenção de mais, então não vejo motivo dela querer usar essas esmeraldas.
Papai deu as esmeraldas de presente de aniversário porque a cor dos seus olhos são bem parecidos com as esmeraldas, mais eu nunca vi Lauren usando.

Mas o mais estranho foi que ela entrou em desespero quando não conseguiu achar, coisa que nunca aconteceu. Quando ela perde uma jóia ou coisa parecida ela compra outra, nunca entra em pânico. Talvez mamãe esteja escondendo algo.

[...]

Fui em direção ao meu quarto e pensei em escrever um pouco, sempre me alivia. Tentei escrever sobre meu vício, mas resolvi escrever sobre um amor que nunca existiu. Quando eu comecei a "gostar" de uma garotinha na escola, talvez lembrar dela me faça pensar melhor sobre o que eu tô fazendo com a minha vida.

- Eu queria te escrever algo então te fiz uma música, pra falar a verdade te fiz três. Mas eu não tenho coragem de cantar pra você porquê talvez eu saiba que você não preste, talvez eu saiba que nunca nasceu um amor da sua parte. 

Eu solto risos frouxos quando você me manda uma mensagem perguntando se eu estou bem, eu solto risos frouxos quando você de alguma maneira me elogia. Talvez você seja a minha melhor rima e eu sou viciada em fazer canções inspiradas no seu nome, um nome que faz tanto sentido na minha vida. Se você soubesse que a senha do meu celular é o seu nome, talvez ficaria feliz.

Depois de você, eu enlouqueci. Beijei bocas de gente que eu costumava dizer que não me atraia. Fiz sexo com pessoas que eu jurava não gostar. Depois de você eu perdi a sanidade, depois de você eu não acredito mas na verdade, depois de você qualquer saudade me faz chorar.
Sei que você já está namorando outra pessoa, sei que você está feliz sem mim. Mas eu quero que saiba que quero o seu bem mesmo o seu bem sendo com ela. Ela que não sei quem é e sinceramente? Não quero saber. Desejo toda a felicidade do mundo pra vocês, mas desejo do fundo do meu coração que não consiga gozar com ela, que não consiga rir das piadas dela ou das palhaçadas que ela possivelmente fará.

Eu queria que você soubesse que na minha roupa, ainda tem o seu cheiro. Que cada lágrimas que eu derramo por você, vira uma música, transbordo sentimentos. 

Talvez você não saiba, e eu oro para você não descobrir, mas esse texto é pra você. Menina branca dos olhos castanhos, cabelo nos ombros e olhar fulminante. você com certeza é o meu melhor poema.
 
[...]

O que eu tô falando? eu nunca gostei dessa menina. Ela tirava meleca na sala de aula, era nojenta pra caralho, diferente da "RAYANA" que era a maior gostosa, tinha ums peitos perfeitamente lindos. Queria mergulhar naquele mar de peitos.

Rayana é 10/10 Toda gostosa, nunca vi uma mulher tão gostosa na minha vida.


   


Notas Finais


Porque vocês acham que a Lauren queria aquelas jóias?
O que será que ela tá escondendo?

"RAYANA GOSTOSAAAAA"

Façam suas apostas!!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...