História Ninfomaníaca - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Esquadrão Suicida, Jared Leto
Tags Jaredleto, Saharluna, Thejoker
Exibições 45
Palavras 847
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpem os erros e a demora, escola continua foda :(
amo vocês

Capítulo 6 - Trio parada dura


LUNA POV ON *

Fiz o que a voz robótica mandou após esconder minha caixa de doces o máximo possível, eu tinha alguns privilégios, mas não tantos. Ao menos ainda não. Meu coração estremecia e dançava no ritmo de um funk dentro do meu peito, jurava que ele poderia sair por minha boca e meu corpo começou a ficar mole do nada.

Coringa me beijou, mas ele tinha comido apenas alcaçuz, certo ?

E se... Não.

            - Palhaço ordinário – sussurrei a mim mesma enquanto ficava cada vez mais estressada e eufórica por conta do LSD que Joker dividiu comigo sem eu ao menos perceber depois do ultimo beijo que me deu.

Eu ouvia o barulho dos guardas revistando as outras salas dos pacientes e eles literalmente reviravam tudo, eu estava mesmo fodida. Tremi quando se aproximaram do vidro de minha cela e olharam em volta, mas ninguém entrou. Permaneci parada por uns 10 minutos só pra ter certeza de que aquilo já havia acabado e suspirei pesado me jogando na cama, liberdade.

Fechei meus olhos viajando sob o efeito da droga, via cores, enxergava coisa aonde não tinha, poderia jurar que meu pai estava sentado na ponta da cama lendo Harry Potter pra mim e Kira, a cobra que me deram na tentativa de gostar de algo selvagem e durão como eu, sem mata-la, mas não durou uma semana. Matei com uma faca de carnes que roubei da cozinha, no quintal da casa.

Não me lembro bem se dormi ou continuei viajando até um guarda bater na porta e mandar eu sair, ele me escoltou por 10 minutos dentre os corredores até pararmos em frente a uma porta pesada de ferro com uma placa escrito “DR.ARKHAM” na cor preta. E eu que achei que não iria me ferrar.

Entrei na sala encontrando ninguém mais, ninguém menos que o trio parada dura : Sr. Arkham, Gordon e Morcegão.

            - Wow, é realmente uma ocasião especial – murmurei um tanto debochada me sentando na cadeira em que Gordon indicou, ficando de frente para os três homens da lei. – Mas o que foi que eu fiz agora, poxa ? – perguntei fingindo estar ofendida e sorri olhando pra Batman, suas cores, somente as suas, trocavam freneticamente como se fosse uma lanterna neon e estrelinhas voavam em torno daquela mascara rídicula.

            - Sabe porque está aqui, não sabe, Wayne ? – Arkham disparou me encarando totalmente sério – Qual o motivo da amizade repentina com Coringa ?

            - Não entendi aonde quer chegar... Vá direto ao ponto. – exigi sem paciência, eles logo iriam me ameaçar e insinuar besteiras.

            - Ele provavelmente só a quer usar para mais um de seus planos, tenho certeza que você sabe o que aconteceu com sua ultima amante – Batman disse com sua voz rouca forçada, nada sexy.

            - Ele provavelmente deve saber que meu nome é Luna Marie Wayne, não Harley Quinn – proferi sem rodeios e encarei Batman sorrindo, desviando até os outros dois mosqueteiros fracassados – Coringa é só mais um cafetão que tira vantagem por cima de todos, mas ainda sim é desgraçado da cabeça. Ele só se sentou a mesa comigo porque trocamos algumas palavras um dia antes na sala de TV, sabe-se lá o que deu na cabeça do palhaço – menti sobre algumas partes, mas fui verdadeira em grande maioria e tomei ar para continuar.

            - E porque você em plena consciência permitiu tudo isso ? – Gordon despejou seu veneno pensando que eu não iria segurar a marimba.

Gargalhei com o que disse, como esse homem é tão respeitado pelos oficiais de Gotham ?  Ele não leu o letreiro dos portões antes de entrar ?

            - Porque eu, em plena consciência – murmurei da forma mais irônica que pude, juro que senti escorrer pelos poros de minha pele – Estou internada nessa merda de hospício e Coringa é um paciente nível quatro. Nível quatro, Gordon. Eu tenho alguns distúrbios mas não sou idiota – conclui como se explicasse a uma criança e sorri de maneira doce.

            - Escute aqui, garota.. – Gordon parecia buscar pelas palavras corretas. Parece que alguém já foi avisado que eu sou o diamante intocável desse buraco – Você deve respeito as autoridades, podemos aumentar sua pena por desacato e...

            - Ah, ah ah... Eu sei. Mas o que você disse foi extremamente ridículo, olhe aonde eu estou, Gordon. E sei que querem saber se eu sei de algo, mas se eu fosse mais uma louca apaixonada pelo palhaço bizarro, vocês não acham que eu já teria fugido junto ? E ele é retardado, esse trampo é seu, Batman, continue na cola dele, oras.

Os três se olharam e Batman me analisou por longos 3 minutos, como se buscasse por algo que meu corpo entregasse ao qual meus lábios não puderam ter o feito. Dr.Arkham me dispensou após dizer que estavam de olho em mim e que ele via tudo. Coitado, ele já teria que ter demitido dois funcionários bons se realmente visse tudo.

Sai da sala direto ao refeitório pra fazer a terceira melhor coisa do mundo : Comer.

Sexo era a primeira e Drogas a segunda.


Notas Finais


até o próximo <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...