História No care. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Daughter
Tags Daughter, Desafio Daughter, No Care
Exibições 9
Palavras 460
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Só mais duas...

Capítulo 1 - Único.


Você está sentado numa das cadeiras de plástico perto dos comes e bebes, no começo era estranho ninguém te chamar para dançar, mas agora já sabe a resposta, talvez você não saiba se mover direito como os outros, talvez sua energia fosse muita para alguém gostar. Mas, incrivelmente, uma pessoa estava te observando desde o início da festa, esperando o momento certo para te levar até a pista de dança.

Sempre acaba errando alguma coisa e pisando no pé do outro, uma música lenta cheia de batidas, o seu corpo parecia querer cair, era como afundar e acabar se afogando sem perceber. Seus braços pareciam mortos ao redor do pescoço dele, não se move, apenas tenta seguir seus passos.

Preferia ficar sentado naquele lugar, firme, um só com a paredes. Não está tomando cuidado, não se importa, não liga, apenas segue o seu ritmo. O próprio ritmo.

Ele sussurra que te ama, enquanto te joga na cama, você está em pânico, nunca tinha feito nada daquele tipo antes. Os beijos eram molhados, viciantes, vocês se encaixavam perfeitamente mesmo não se passando de ferramentas quebradas, mas pelo menos uma vez na vida, não buscavam por reposições.

Naquele momento, longe daquele quarto, pessoas observavam a luz da lua brilhante através das janelas, mas não poderia se importar menos.

Você está muito bêbado para lutar contra os gemidos que escapam da sua boca, arremessando pragas na cara do seu amante, pois apesar de tudo ainda está consciente. E machuca estar apaixonado de novo. Ele beija seu pescoço e acabam brigando, tu diz que não poderá se livrar das marcas, mas não conseguiu nem ouvir direito os argumentos sem-noção do outro.

Brigando por uma coisa besta, bem, você continua sendo uma recompensa barata.

Algum tempo depois, você começa a lembrar da última vez que transaram, era uma péssima recordação da noite daquela festa, como se sua espinha ainda se lembrasse das sensações. No dia seguinte ele disse que se sentiu mal, e você tinha o coração tão pesado, estava deitado de lado com ele, mas não abraçados.

Como gostaria que ele prometesse que faríamos amor, por sentimentos. Mas não era isso e, em vez de reclamar, apenas dormiu.

Era como se sufocar com vidros quebrados, tentando imaginar em como acabar com aquilo, acabar com a história de vocês,  você sentiu que poderia acabar com tudo aquilo. Mas você só dormiu, dormiu.

Não tem nenhum cuidado, seu coração não tem nenhum cuidado no mundo.

Estava muito bêbado para lutar e apenas queria uma promessa de que fariam apenas amor, mas estava lentamente se sufocando, então só dormiu, tentando se esquecer de tudo no dia seguinte.

Mas oh, você acabou de se lembrar que não se importa.

Oh, merda, você não liga.

E nunca vai ligar.

 


Notas Finais


Daughter - No care https://www.youtube.com/watch?v=FZCZG5pwQGk
Espero que tenham gostado <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...