História No control. - Capítulo 31


Escrita por: ~ e ~luana

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Revelaçoes, Romances, Traição
Visualizações 4
Palavras 691
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Festa, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpa postei o capítulo errado antes.. espero que me perdoe.. o capítulo 30 e 31 agora estão normalizados..

Capítulo 31 - Capítulo 31


Abri a porta com cautela enquanto Liam estava no banheiro. Anna já havia decido as escadas e provavelmente estava na cozinha pois ouvi o barulho da torneira.

-Liam.-O chamei da forma mais baixa que consegui. Ele saiu pela porta do banheiro e eu fiz sinal para ele vim pois a barra estava limpa. Ele passou por mim e foi em direção ao banheiro do corredor, mas antes que pudesse fechar a porta do mesmo, ele voltou e me deu um beijo rápido. Fiz cara de repressão pois Anna poderia ver e ele simplesmente rio e entrou no banheiro logo mais ligando o chuveiro.

Suspirei aliviada. Voltei para dentro do quarto para dar uma última analisada diante do espelho, ajeitei meu cabelo novamente e quando ia me afastar do espelho algo chamou minha atenção. Merda.

Haviam duas pequenas manchinhas rochas sobre meus seios. Passei a revirar uma das gavetas do banheiro a procura de minha base e corretivo, eu não poderia sair assim, sem mencionar que eu não tinha outras blusas brancas a não ser regatas.

Passei um pouco de base e depois um pouco de corretivo sobre os ematomas e... Perfeito, ninguém veria nada.

Desci as escadas correndo pois eu já estava mais que atrasada.

-Lily? Já vai? Por acaso você viu o Liam?- Anna chama minha atenção assim que passo pela sala.

-Sim, já devia ter ido.- Mas o seu namorado e eu estávamos nos pegando no andar de cima, daí eu acabei perdendo a hora.-Não, eu não vi ele hoje, mas acho que ele está tomando banho no banheiro do corredor, ouvi barulho de água.-Nem esperei ela dizer mais alguma coisa, saí correndo pois já eram 6:40am.

Atrasada, atrasada, atrasada.

-Angel está esperando a senhora na ala 3.-Disse uma das secretárias quando passei correndo pela recepção do hospital, não olhei para a mulher apenas murmurei um "obrigada" e voei para o local indicado mas antes deixei a bolsa que carregava em minha sala.

Há exatamente um mês eu fui promovida a pediatra pois Suzi, nossa médica infantil sofreu um acidente e acabou sendo suspensa temporariamente para se cuidar.

Eu havia me formado em pediatria a um ano mas nunca cheguei a exercer meu cargo, até agora.

-Oi meu amor.-Disse ao ver Angel.

Angel era uma adorável menina de 6 anos que frequentava o hospital a três meses, ela tinha um nível de alergia muito alto por tanto devia vim ao hospital pelo menos a cada duas semanas.-Já estava com saudade.-Há abracei e há beijei.-Oi mãe.-Sorri para Eva, que agora tinha a filha nos braços.

-Eu ganhei um anel.-Angel disse toda animada me mostrando um pequeno anelzinho de plástico que estava em seu dedo indicador. Ela se aproximou de mim e tampou uma parte de sua boca como se fosse me contar um segredo.-O papai me disse que ele é mágico.-Sussurou. Tampei minha boca com uma das mãos e fiz cara de surpresa.

A pequena fez o mesmo mas na tentativa de esconder seu sorriso.

[...]

Eu estava exausta, parecia que um caminhão havia passado por cima de mim.

Olhei em meu relógio e era exatamente 14:52pm, meu estômago fazia sons bastante encômodos enquanto eu andava de um lado para o outro naquele hospital.

Eu só havia comido um sanduíche natural e um suco de laranja durante praticamente o dia todo, eu poderia desmaiar a qualquer momento de tanta fome.

Fui em direção a minha sala e apanhei minha bolsa, em fim eu iria embora e deitaria na minha cama e só acordaria no dia seguinte.

Não parei um minuto se quer desde que passei por aquela recepção hoje de manhã, eu estava realmente acabada.

Peguei meu celular para ver se havia alguma ligação ou algo do tipo.

Mensagem

Gostoso:

Ei.

Te amo.

Te amo.

Te amo.

Te amo.

Estranhei pois não me lembrava de ter salvado nenhum contato como "gostoso", olhei as mensagens anteriores e ri pelo nariz ao perceber que era Liam, ele havia mudado o nome de seu contato, idiota.

Quando voltei ao mundo real eu estava parada no meio do corredor com um sorriso bobo nos lábios e tendo a atenção de várias pessoas voltadas a mim.

Fingi que nada havia acontecido e continuei andando, quando estava quase chegando na recepção pude ver uma figura um tanto reconhecível debruçada sobre o balcão da recepção.

-Harry?- O chamei.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...