História No control - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Rap Monster, V
Tags Taeseok Vhopefocus Vhope
Visualizações 50
Palavras 1.682
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ai que saudades de escrever fanfic (ou shoot)
Principalmente quando a fanfic é do OTP

Espero que as vhope shippers gostem, eu sei que esse capítulo não é lá essas coisas mas o lemon vai vir. Juro. Bjs leitoras💓

Capítulo 1 - Capítulo 1


Narradorra on*


Jung Hoseok era o típico garoto estudioso e esforçado que faz tudo pra manter suas notas altas e agradar seus pais dando orgulho a família Jung. Ele é filho único mas nunca esteve tão sozinho, seu melhor amigo e vizinho Kim Namjoon sempre esteve presente sendo como um irmão. Ambos estudam na mesma escola, e são líderes de um grupo de leitura formado por eles e tem mais 10 pessoas. Eles mesmo resolveram criar o clube com o intuito de ajudar alguns alunos que não sabiam ler ou tinham dificuldade. Deu um bom resultado e claro, ficaram se sentindo os queridinhos da diretora ou professores em geral mas na verdade não! 

Os professores disseram que não fizeram mais do que a obrigação ajudar outros alunos não tão dotados como Namjoon, palavras da professora Yura. Mas Hoseok ficou puto e xingou a professora e acabou recebendo menos um ponto e meio na matéria dela.

Bom, ele não se preocupa muito se perder um ponto e meio que fosse até porque ele vai recuperar depois contanto que não perca seu posto de líder do clube. Todas as terças e quintas todos se reuniam para ler, praticar e recitar quaisquer se sejam os livros  e Namjoon e Hoseok ajudavam os alunos ali presentes. Mas uma coisa que Jung fazia a mais era bisbilhotar os jogadores de basquete que treinavam no mesmo dia depois da aula. O garoto arrumava desculpas ou fingir ir ao banheiro só pra olhar pela janela pequena que tem na porta do ginásio os garotos jogando. Mas tinha um garoto em especial que ele adorava olhar, ou melhor dizendo, secar seu corpo até não ter uma gota d'agua.

Kim Taehyung.

Um garoto bobo, alegre, tímido -Muito tímido -E totalmente na dele. Não era popular ou algo do tipo como seus dois amigos Jeon Jungkook e Park Jimin que eram da mesma classe e do time de basquete também, ele se achava tímido demais e se julgava o  nerd que ninguém queria. Mal sabia ele que era crush do seu crush. Sim, Kim Taehyung tinham uma queda, melhor, um precipício inteiro pelo Jung Hoseok e sempre que podia olhava ele de soslaio quando ambos estavam do lado do outro. A sorte dos dois era que eles usavam armários próximos então podiam ficar dando olhadas rápidas e fingiam não terem se visto por timidez. Oque era desnecessário.
Com certeza nenhum deles dois sabem que se gostam ou sentem desejos com o outro, para Kim seria muita ilusão da sua mente sonhadora.

"Até parece que um garoto maravilhoso desses poderia gostar de um nerd como eu." 

Tae pensava quase sempre isso, mas se ele soubesse que Jung dá umas escapulidas do seu clube para o ver jogando creio que iria ficar doidinho. Tinha vezes que o garoto esquecia que era líder e ficava tempo demais vendo Taehyung, e recebia mensagens ou ligações do Namjoon perguntando se ele tinha evaporado ou estaria na hora de dar, se é que entendem. Ele pedia desculpa e voltava mas sempre dava uma conferida só pra ver o amado crush. Até que numa terça-feira em que seu amigo estava um pé no saco e brigava com Jung ao telefone pedindo pra que voltasse logo, revolve dar aquela conferida básica pela ultima vez mas viu muito mais do que queria, e sentiu muito mais desejo pelo mais novo.
Taehyung estava sem camisa e para Hoseok aquilo era o paraíso. Não era definido mas também ele não era magro demais. Era o ideal para o mais velho e tudo o que ele queria era dar umas boas chupadas nos mamilos moreninhos que ele exibia e percorrer seu corpo por inteiro. Ficou encantado com a cor levemente bronzeada que ele tinha dava mais charme.


Jung Hoseok é um homem de sorte.


      [...]


Hoseok levantou naquela segunda de manhã disposto a querer dar um murro em alguém. Não era seu melhor dia e vamos concordar que ser acordado por gritos estéricos meio da rua de manhã é o cúmulo de merda no cérebro. Preferiria ser acordado com seu despertador ou até mesmo um balde de água mas com gritos era ridículo.  Foi até o banheiro fazer suas higienes e tomou um banho não muito demorado. Como acordou 15 minutos antes como de costume deu tempo de fazer tudo o que tinha que fazer, desde arrumar seu cabelo até ver se as matérias estavam em dia.

-Ah que ótimo,  esqueci de fazer dois problemas. -Reclamou e pegou sua caneta resolvendo o problema de matemática que pra ele, era tão fácil quanto aprender a assobiar e terminou satisfeito. Guardou os matérias na mochila e desceu para cozinha tomar seu café da manhã.  -Bom dia mãe. -Se dirigiu a mulher que colocava já o café em sua xícara.


-Bom dia filho. Acordou cedo.-Ela sorriu pro filho e retribuindo com um sorriso fechado.

-Mae, posso ir até a biblioteca hoje? Preciso fazer um trabalho e não tem o livro que preciso na escola. -O garoto disse inocente mas é bem óbvio que estudar ele não ia. Tinha em mente um plano pra acabar de vez com sua timidez e finalmente dar uns pegas em seu querido crush gostosão, como o chamava.

-Claro. -Ela respondeu. Ótimo, meio caminho andado. Hoseok acabou descobrindo que Taehyung ia a biblioteca sempre depois da escola, então ele teve a incrível idéia de segui-lo mas não dando muito na cara. Pra ele, seria bom pois poderia talvez puxar assunto como se não quisesse nada. Mesmo os dois nunca terem trocado palavras por mais de 1 minuto já que só se cumprimentavam, ele estava disposto a ter mais do que uma conversa. Queria ter uma chance de conseguir o que queria, mesmo se recebesse um não pelo menos ele iria ter falado com o tão desejado crush.
Saiu em disparada para o ônibus escolar que o aguardava e estava pronto pra colocar seu plano em prática.

[...]


Jung Hoseok On

Eu realmente não sei o que deu na minha cabeça de seguir Tae depois da escola, mas foi uma ótima idéia viu. Digo isso porque é minha chance de descobrir o que ele sente e quem sabe, senti-lo dentro de mim, vocês me entendem né? 

Eu vejo o jeito que me olha e eu o encaro, chega até ser fofo depois quando ele desvia o olhar tão tímido.  Mas aposto que de tímido não tem nada. Ele só tem a cara de Santo mas só isso, pois eu já vi algumas vezes ele dando secadas que me deixavam curioso. Podem me chamar de stalker talvez por perceber esses detalhes ou até mesmo descobrir pra onde ele vai depois da escola, mas eu não me importo, seu corpo me seduz de um jeito totalmente explícito e sua boca parece ser tão gostosa quanto aparenta. Sua bunda era tão linda e eu encara com vontade quando o via jogando basquete. Ah como eu o queria em mim Digo, pra mim...

Não posso deixar de negar que ele era um dos caras mais lindos do time, e quando eu soube que seus treinos eram no mesmo dia que meu clube tentei de algumas formas possíveis vê-lo jogar e quem sabe ter um desculpa pra falar com ele. Mas falhei na segunda opção então só fiquei o olhando mesmo, isso desde o começo do primeiro bimestre agora tô aqui sendo trouxa por que talvez ele não sinta o mesmo que eu, e seus olhares pra mim sao coisas da minha cabeça ou talvez nem os desejos que tenho por ele e nem a vontade de beijar ele tem também. 

Quieto e tímido, era assim que ele era. Mas eu não me importo com isso, sei que no fundo tudo isso era só fachada. Contudo, meuseu sentimentos nao eram recíprocos. 

Cheguei na sala de aula me deparando com o Namjoon sério e chato como sempre e me lembrei da aposta que fizemos. Me sentei na sua frente me virei pra ele.

-Hoje eu vou sair com ele, aposta quanto? -Sussurrei pra ele, que bufou em seguida.

-Não aposto nada. Já perdi daquela vez já. -Revirou os olhos e ri. Ele se refere a uma vez que apostamos que ele pegaria o presidente do grêmio, Kim seokjin do Terceiro ano mas nem isso ele conseguiu. Acabou perdendo de besta.

-Não vamos apostar entao. Mas pode ter certeza que hoje eu e ele vamos sair.- Sorri pra ele e me virei de frente pra lousa. Namjoon sabia do que eu pretendia, afinal ele é meu amigo e irmão. Conto sempre as coisas ele  mesmo me achando babaca mas me apoiava. 

Depois de um tempo da aula, finalmente o intervalo deu as caras e fui refeitório me sentando duas mesas afrente da mesa que Taehyung sentava. Eu tinha uma visão muito ótima e assim eu podia ver seu rosto bonito, seu sorriso quadrado e suas mãos grandes. Eu amava aquelas mãos e as queria me tocando em tudo. Imagino oque ele pode fazer com elas. Eu o encarei e o vi sorrindo lindamente com aquele sorriso quadrado e ele olhou pra mim. Desviei o olhar mas voltei a vê-lo e ele continuou me olhando e piscou pra mim Eu vi direito ou foi coisa da minha mente pervertida e precipitada? Sorriu de lado e voltou a falar com os garotos da mesa. Eu estava tão pasmo que o encarei descaradamente mas ele não voltou a olhar para mim de volta.

Namjoon passou sua mão na frente do meu rosto e me balançou pra eu voltar ao estado normal. Sério, eu não estava bem.


-Hoseok, tá tudo bem? -Falou rindo e o olhei sorrindo.

-Você viu o que aconteceu ?. Perguntei um pouco agitado. Eu tentei ser discreto mas ao mesmo tempo eu queria gritar pra escola inteira que me crush gostosão me notou.  

-Não, o que houve?.- Ele perguntou mas eu respondi com um gesto de "depois te conto". Porra, esse garoto me mata um dia. Agora sim, posso prosseguir com o que pretendia. Me de até força de vontade, uma vontade louca se beijar seu corpo moreno todo ou fode-lo


Continua...


Notas Finais


Se tiver erros, mil perdões 😄💓 até amanhã.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...