História No Fundo do Amor - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Gravidez Masculina, Mpreg, Novela Gay, Romance Gay, Sereia, Sobrenatural, Tritão, Yaoi
Visualizações 150
Palavras 858
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishounen, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Fluffy, Lemon, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Suspense, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Capítulo 04


Pov. Jordan

Eu fiquei uma semana voltando naquelas rochas para ver se conseguia achar aquele menino novamente, mas nenhum sinal dele e aquelas coisas que apareceram nas minhas mãos, que descobri ser algum tipo de escamas igual a peixes, continuaram aparecendo sempre que eu tocava na água do mar.

Eu ainda não tinha falado com ninguém sobre isto é isto era o pior, iam me achar maluco, eu estava me achando.

Meu aniversário estava chegando e minha mãe estava pedindo mais minha ajuda para a festa.

- Mãe... Onde... A senhora e o pai, me acharam? - perguntei tremendo magoar ela, nunca tínhamos falado sobre este assunto.

- Bom,... Achamos você perto do mar, tentamos achar alguém, mas não tinha ninguém por perto e ninguém veio nos procurar e acabamos ficando com você - explicou não olhando para mim, só olhou para mim no final com um sorriso.

Acabamos de ver algumas coisas para a festa e foi para a cama, desta vez o sonho tinha sido mais tranquilo.

O rosto de uma mulher apareceu e não sei porque mais me senti seguro e acolhido perto dela, mas de repente a cena mudou e ela parecia desesperada.

Acordei assustado e me levantei indo tomar um banho e me assustei quando aquelas escamas apareceram, saí de baixo do chuveiro assustado

- Falta só quatro dias para o seu aniversário - minha mãe falou animada e dei um sorriso forçado para ela.

Foi para a escola com a Shannon e o Josh me coçando para falar com eles sobre o que estava acontecendo, mas nem sabia como explicar então fiquei quieto.

Na escola me manti o mais longe possível da água e também nos outros três dias.

- Amanhã é o aniversário de alguém - a Shannon disse cantando enquanto saímos da escola, rirmos e fomos para a minha casa ajudar minha mãe na festa, passamos o dia todo ajudando ela.

No dia seguinte acordei com meus pais, o Josh e a Shannon me desejando 'Feliz Aniversário'.

Começamos a fazer as coisas da festa e depois foi surfar um pouco, afinal era o meu aniversário e mais uma vez aquelas escamas apareceram.

De repente uma onda alta apareceu e começou a me sugar para baixo, aquilo não era normal de jeito nenhum, mas quando pensei que já estava morrendo, o garoto apareceu me puxando para cima e a coisa mais louca era que ele tinha um tipo de cauda de peixe.

- Quem é você? - perguntei segurando o braço dele quando me deixou em uma rocha.

- Me chamo Kyle Evan e eu estou aqui pare de ajudar e explicar o que está acontecendo com você - disse se sentando do meu lado e agora, ele tinha pernas também.

- E o que está acontecendo?

- Você já teve ter tido vários sonhos...

- Sim, mas não consegui me lembrar deles.

- Por que seu chamado ainda não está despertado.

- Chamado?

- O modo como os seres marinhos se comunicam.

- Seres marinhos?

- Eu vou contar a história deste o começo. Há 17 anos atrás, o nosso povo vivia em harmonia graças a nossa rainha Serena, ela era uma ótima rainha e todos viviam felizes até que Baltazar apareceu, ele invadiu o castelo destruindo todos que se colocavam no caminho, a rainha vendo isto, entregou seu filho para um velho guarda de sua confiança para manter ele segura enquanto ela tentava parar Baltazar, vendo que a rainha estava perdendo o guarda fugiu com a criança, por que ele sabia que Baltazar ia matar ele, o guarda deixou a criança em um lugar que nem mesmo Baltazar ia conseguir achar, na superfície.

- Espera... Espera, o que isto nem há ver comigo?

- Você é o bebê que o guarda tentou proteger. Você é o filho da rainha Serena, é o príncipe de Atlântica.

- Isso não pode ser verdade.

- Mais é, e você...

- Mas onde você se mete nesta história? 

- A rainha Serena salvou minha vida quando Baltazar atacou e o velho guarda, era meu tio que estava cuidando de mim, ele me contou o que tinha feito com você e me falou o que era para eu fazer depois também.

- O que era para você fazer?

- Quando você estivesse completando 17 anos, o feitiço que ele tinha feito para você se passar por humano ia se desfazer e eu tinha que vim ajudar você e explicar o que aconteceu e quem você é. 

- O que aconteceu com a rainha?

- Ninguém sabe, Baltazar fica de olho em tudo.

- Então como você está aqui?

- Graças a um colar, ele anula qualquer rastreamento.

- Então eu sou um tipo de sereia?

- Um tritão - me corrigiu.

- Mais ainda vou ter minhas pernas?

- Sim, quando estiver seco, mas não é só por isto que vim aqui, você é o único que pode ajudar a salvar Atlântica de Baltazar, você é o nosso príncipe.

- Sinto muito, isto é muito para a minha cabeça - falei me levantando e correndo para casa, mas as palavras dele ficavam ecoando na minha cabeça.

Continua....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...