História No País das Maravilhas - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Alice, Anastasia (Rainha Vermelha/Rainha Branca), Capitão Killian "Gancho" Jones, Cyrus, David Nolan (Príncipe Encantado), Emma Swan, Henry Mills, Lacey (Belle), Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Personagens Originais, Regina Mills (Rainha Malvada), Sr. Gold (Rumplestiltskin), Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Visualizações 11
Palavras 1.011
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hey gente! Tudo bem? Estou trazendo mais um capítulo para vocês, e espero que gostem! Gente, desculpe pelo o atraso da fic, mas é que eu voltei às aulas é tá tudo muitooo difícil. Fiquem ligados nos próximos capítulos tá? Boa Leitura.

Capítulo 9 - Queda


Alice, Zelena, Henry, Gancho, David,  Emma, Branca e Regina caminhavam pelo decadente país das maravilhas. O céu negro e toda a maravilha do mundo subterrâneo estava destruída. O mundo subterrâneo caiu. 

-O que aconteceu nesse lugar?-Branca disse, pegando nas mãos de David e andando até Alice. 

-Foi a maldição. Toda a "muiteza" daqui foi tomada! Temos que quebrar essa maldição, o mais rápido possível!-Alice disse, olhando ao redor e vendo o que seu lar havia se tornado.

Os ruídos de cascos de cavalos batendo no chão, ecoaram e puderam ser ouvidos por todos. A Rainha se aproximava, e as pessoas fugiam. A enorme carruagem se aproximava de Alice e os outros. 

-Escondam-se! Ela está chegando!-Alice disse, levando todos para atrás de um cogumelo gigante. A carruagem parou, e, lentamente, uma mulher desceu. Anastasia. A Rainha Vermelha.

-Quem está chegando?-Zelena perguntou, olhando Alice, que desviou seu olhar para Rainha Vermelha. 

-A Rainha! A Rainha chegou!-Alice sussurrou para os outros, que se assustam com a afirmação. A tenebrosa Anastasia se aproxima de um aldeão do país das maravilhas. 

-Anas-Anastasia!-Ele fez uma reverência a ela, que o observou, enojada. Ela atravessou a mão em seu peito, e arrancou seu coração, que pulsava e brilhava enquanto o homem gritava de dor. 

-É MAJESTADE! Vida longa a Rainha Vermelha! Sua alma é minha agora! E você deve lealdade a mim! Ouviu?!-Ela diz, arrepiando a todos, e apertando lentamente o coração do aldeão. 

-Sim!-S-im eu ouvi!

Ela colocou o coração de volta no peito do homem, e o fez desaparecer em meio a uma nuvem de fumaça vermelha. Ela sobe em um dos cavalos.

-Cavaleiros! Voltem para o castelo! Agora!-Ela diz, direcionando o cavalo para a direção oposta, e voltando para o castelo. Assim que ela e seus cavaleiros desapareceram no meio dos vales, uma onda de luz dourada se espalhou por toda a extensão do país das maravilhas. 

-O que está acontecen...-Henry foi interrompido e ficou paralisado, como se sua vida e seu tempo estivessem parados. Todos se paralisaram. Tudo que ouviam era sua respiração e seus corações. O efeito da magia desapareceu, e todos voltaram ao normal. 

-Vocês viram aquilo? Ela é uma tirana!-Emma disse, apontando na direção que Anastasia fora depois de quase matar um aldeão. 

De repente, um ruído diferente, um urro se ouviu. Sombras e trevas cobriram o céu, e um enorme Dragão negro surgiu, cuspindo fogo e raios de sua boca.

-FUJAM!  É A JAGUADARTE!!-Uma garotinha gritou, correndo e se escondendo atrás de uma árvore. O Dragão destruía casas, árvores, cogumelos e matava várias pessoas queimadas. Ele se dirigiu a Alice e os outros, prontos para destruí-los. 

-Cuidado!!-David gritou, pegando uma espada de uma bainha jogada no chão. Emma, Zelena e Regina acionaram sua magia, Branca pegou uma flecha pronta para atirar, Alice e Gancho empunharam suas espadas. Jaguadarte voou por cima deles, e cuspiu seus raios, mas Emma, Zelena e Regina usaram a magia para protegê-los. Quando Jaguadarte foi embora, Killian tocou o ombro de Alice. 

-Alice o que era aquilo?-Ele disse, se aproximando. 

-Eu...eu não sei!-Ela diz aflita , olhando para o céu, e as casas destruídas e pessoas mortas. 

Eles tinham que descobrir quem lançou a maldição e parar a Rainha Vermelha, o mais rápido possível. 

(...)

Anastasia caminhou pelos corredores solitários do enorme castelo, sentou-se em seu trono dourado, e foi servida por seus criados. 

-Bebida!-Ela diz, pegando a taça com um líquido vermelho claro, e bebendo, quando um enorme peixe falante e andando se aproximou. 

-Onde está o prisioneiro?-Ela sussurra perto do peixe. 

-Está no calabouço, majestade. Ele será julgado? 

-Não, não! Ele será treinado para ser um dos meus cavaleiros! Onde está o resto do valete da Rainha de Copas?-Ela pergunta, se levantando do trono. 

-Perdidos pelo seu reino majestade!

-Como não os acharam?!! Precisamos deles, de todos eles! Rápido! Vão procurá-los!!-Ela grita apontando para as portas do início do corredor, e todos da sala do trono se foram, a deixando só. Ela levanta as mangas do vestido, e olha para sua veias que estavam negras, subindo por todo o braço. 

-Hahahahahahahaha!!-Sua risada sinistra foi escutada por todos no castelo, e as pessoas presas no calabouço se assustaram ao ouví-la.

(...)

Alice e os outros voltaram debaixo da chuva, indo até o esconderijo de Absolem e dos outros rebeldes. A tempestade ficava cada vez mais pesada. Alice desvia seu olhar para o lugar onde Absolem ficava. A névoa e a fumaça pesada a envolveram, e ela começou a tossir.

-A-Absolem?!-Ela caminha lentamente, e tossindo.

-Alice...O que quer?

-Eu...o que era aquele Dragão? De onde ele veio, como? 

-Jaguadarte, não nasceu. Ela foi feita, criada por magia. E ela é muito mais do que só um Dragão!-Ele falou, jogando o oráculo no chão, e o abrindo, parando aonde a história de Jaguadarte foi mostrada.

-Aquilo...Aquilo é uma mulher?!-Alice disse assustada, observando as imagens do Oráculo. 

Emma e Killian estavam sentados em cima de um enorme cogumelo, olhando as estrelas debaixo da chuva. 

-Emma, será que nunca tem um momento em que estamos somente relaxando?-Killian pergunta, olhando para ela. 

-Ah, relaxa Killian. É só mais uma das dificuldades que vamos enfrentar e vencer. É como a minha mãe sempre diz: "Nunca perca a esperança".-Ela diz, deitando sua cabeça no ombro de Killian.-Vai dar tudo certo!-Eles estavam se aproximando, e estavam quase se beijando, mas uma voz os interrompeu.

-Mãe, pode ir lá em baixo por favor?!-Henry grita, interrompendo os dois. 

-Claro filho!

Ela é Killian descem do cogumelo, se reunindo com os outros. 

-Tem algo que a Alice precisa contar!-Regina diz, aproximando-se de Henry. 

-Vocês tem que saber algo sobre a Jaguadarte!-Ela diz olhando todos, e depois olhando para o céu, ouvindo o eco do ruído dela. 

A tempestade ficava mais pesada e o céu mais negro a cada minuto. Anastasia olhava para o país das maravilhas pela varanda do castelo. Uma onda de luz dourada novamente fluiu paralisando a todos. 

Era a maldição. E ela está ficando cada vez mais forte. O tempo está acabando. O tempo dela...está acabando. E não vai sobrar nada, nem ninguém para contar o que aconteceu com os mundos que foram destruídos. Essa é a QUEDA.  




Notas Finais


E aí gentee! Desculpem pela demora, mais é que eu tive um bloqueio criativo por um tempinho, mas hoje deu certo. Espero que tenham gostado e até o próximo capítulo! Bye!☺


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...