História No ritmo de Hoseok - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 47
Palavras 515
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura.


Capitulo *hot*

Capítulo 15 - Capitulo 15


Quando menos me dei conta o maldito folego que faltou nos fez parar o beijo, e me fez perceber que ja estavamos na porta do meu quarto, semi nus. O meu sangue fervia, mas dessa vez não era de raiva, era de desejo, eu queria Jimin. E eu o teria. Antes de eu voltar a ter o bom senso que me faltava o arrastei para o quarto e o joguei na cama, sua cara era de quem estava adorando tudo aquilo, e com certeza ele tambem me desejava. Subi em cima dele, colocando nossas intimidade coladadas uma na outra, e eu podia sentir seu penis pulsando por baixo de sua box preta, louco para me penetrar. Jimin em um instante tomou o controle ficando por cima de mim e me admirando, ele mordia os labios e sorria como um bobo todo safado. Com certeza ele queria aquilo tanto quanto eu. Fomos tirando o resto das vestimentas peça por peça, e ele ainda por cima começou a beijar meu pescoço e sussurar no meu ouvido. 

 _ Eu quero muito saber do que você é capaz, eu vou te mostrar com quem você mexeu Clara. 

 Ele foi descendo seus lábios pelo meu corpo me chupando toda, me fazendo gemer cada vez mais desesperada pra te-lo dentro de mim. Antes que eu notasse ja estava novamente em cima dele, fazendo movimentos de vai e vem, só pra nos assanhar mais antes da penetração, fui descendo com os labios e abocanhei o seu membro, com desejo e vontade de te-lo o mais rapido possivel. 

 _ Vem me mostrar do que você é capaz Jimin, por que eu não espero muito. 

 Ele me jogou para baixo dele novamente e sem aviso enfiou seu membro com tudo na minha intimidade que me fez gemer de prazer e mandar ele parar de enrolar, ele me provocava, me fazia delirar e pedir por mais a cada minuto. Ele sabia do que eu gostava, ele sabia me deixar louca e aquilo para ele era como musica, me ouvir gemer, pedir por mais, pra ir mais forte e me fazer gozar. 

Variamos as posiçoes diversas vezes e entre elas tinha tapas, arranhoes, sussurros que me levaram ao apice junto com ele. Caimos deitados na cama e la repedimos a dose antes de voltar ao nosso juizo perfeito. Aquilo foi perfeito, mas confesso que no final de tudo senti ainda mais raiva dele por ter me feito deseja-lo tanto assim. E se aquilo virasse um vicio? Eu juro que depois dessa quero distancia de Park Jimin para evitar qualquer outra loucura. Mas que isso foi bom, foi. Foi incrivel. Apos alguns minutos deitados ele se levantou rindo. 

 _ Vai Jimin, vai - Ele ria me imitando. 

_ É, não foi tudo aquilo que eu esperava - Mentira, foi sim. 

Ele se vestiu e antes de virar as costas para ir embora ele me roubou um beijo demorado e mais doce do que o primeiro. 

 _ Eu te odeio Clara. - Ele se foi, me deixando la na cama, jogada e pensando no que acabara de acontecer.  



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...