História No ritmo de Hoseok - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 48
Palavras 619
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 16 - Capitulo 16


Depois dessa noite agitada, quase sem dormir, ouço o som do despertador. 

 _ O que? Já é de manhã? - Pego o celular para ver as horas, que marcavam 6:40. 

 Fui ao banheiro para fazer minha rotina matinal e ao me deparar com o espelho vejo algo inusitado, um visivel chupão no meu pescoço. 

Passei quase meia hora ali tentando escorder aquela marca do pecado, mas era quase impossivel, apos fazer de tudo desisto e coloco um cachecol, sem nem estar tão frio la fora.  Hoje era dia de destrancar a faculdade e voltar as aulas, eu estava com saudades confesso. Ao caminho da faculdade e durante todas as aulas só me pego pensando no que havia acontecido. Será que foi tudo real? Eu queria raciocinar tudo mas não conseguia. Eu odiava Park Jimin. Não! Eu odeio Park Jimin. 

Enfim o turno da faculdade acabou e eu pude ir para a cafeteria como de costume. Me sentei, fiz meu pedido e me perdi nos pensamentos, relembrando de tudo que aconteceu ontem pude arrepiar, em instantes fui interrompida com um torpedo. 


Dê: Desconhecido 

 Eu sei o que você fez, sei de tudo. É bom me encontrar daqui 1 hora aqui em casa. Ass: Jin. 


 O que ele quis dizer com isso? Impossivel que... não! Realmente impossivel. Fui para casa as pressas para tentar tirar aquele chupao do pescoço com alguma maquiagem, mas mais uma vez não consegui, o que me fez novamente enrolar aquele cachecol no pescoço e ir para casa dos meninos. Peguei um taxi e em minutos ja estava lá, com o Jin me encarando. 

_ E então Jin. O que quer? - Fui clara. 

_ Sem delongas, eu sei de tudo. - Ele deu um sorriso malicioso. 

_ Sabe de tudo o que abestado? - Começo a me preocupar. 

_ Você e Jimin 

_ O que?! - Grito e por um minuto quase nos entrego. _ Você ta maluco Jin? - Volto a minha voz ao normal. 

_ Quanto mais negar, pior vai ser. Vocês se pegaram. 

_ Só se foi de tapas né? Sabe que eu odeio ele. 

_ Os opostos se atraem não é? O meu silencio pode custar caro. 

_ Não sei do que você esta falando! - Me faço de desentendida mas Jin me arranca o cachecol. 

_ Não esta tão frio aqui.... opa, olha o que eu achei. - Ele da um sorriso malicioso. 

_ Isso não quer dizer nada. O que você quer de mim hein? To pagando pra não entrar em confusão. Mesmo NÃO SENDO VERDADE. - Dou um enfase nas tres ultimas palavras. 

_ Olha, eu ainda não sei. Mas prometo que assim que eu pensar te ligo, ok?

 A conversa não foi nenhum tanto agradavel. Apesar de eu negar até a morte eu tinha um certo medo do que ele poderia fazer, eu nem tinha certeza se ele sabia realmente de algo, mas tudo indica que sim.

 -VERSÃO DO JIN- 

 Aquilo estava tudo muito estranho. O Jimin saiu por volta das 23:20 de casa ontem a noite, e hoje pela manha pude ver arranhoes pelo seu corpo. Mas o que me lembro é dele ter falado com a Clara ao celular minutos antes dele sair, não ouvi a conversa mas pude ouvir o seu nome algumas vezes. Se eu estiver certo, posso ser um filho da puta mas ela esta ferrada nas minhas maos. 

 Marquei um encontro com ela esta tarde e o que tudo indica é que eu esteja certo, ela tinha chupao no pescoço e apesar de negar sempre ela aceitou pagar meu silencio! Basta agora eu pensar no que quero dela, mas tem muitas coisas que eu posso querer. 

 - VERSÃO DO JIN  OFF -  



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...