História Nobody is like you expected - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Styles
Personagens Harry Styles, Personagens Originais
Tags Chicago Pd, Drama, Harry Styles, Katherine Langford, Policial, Romance
Visualizações 9
Palavras 1.071
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Aqui começa então nossa jornada, espero que gostem e super aceito criticas construtivas.

Capítulo 2 - New beginning


Fanfic / Fanfiction Nobody is like you expected - Capítulo 2 - New beginning

Chelsea POV

Ainda não acredito que finalmente sairei da academia de policia e começarei na inteligência do departamento de policia de Londres, até hoje não sei como agradecer ao Voight por ter me adotado juntamente a Erin e assim como fez com ela, me colocou num caminho que agora sei que é isso que nasci para fazer.

- MEU DEUS SEA! VOCÊ TEM NOÇÃO QUE TRABALHARÁ AO LADO DO JAY? – As vezes acho que meu posto de drama queen deveria ser passado para a Charlie, porque ultimamente anda mais dramática que eu. – Sério preciso entrar na policia para poder desfrutar desses homens maravilhosos que aquela sua unidade oferece.

- Charlie meu amor, lembre-se que Jay namora a Lindsay e que a pessoa que está bem na sua frente não esta nem um pouco interessada em se relacionar agora. – Cadê Summer que não volta do mercado para ver se ela apaga o fogo dessa garota hoje? – Quando a Sum chegar pedirei para ela lhe dar um banho bem gelado para ver se melhora esse seu estado.

- Qual é Sea, então você poderia me apresentar ao irmão bonitão dele né? Qual o nome dele mesmo? – ainda não sei como fui ser amiga dessa atirada, mas morar sozinha com ela e Summer desde que sai da casa de Voight foi uma das melhores decisões que tomei.- Desculpe é que prestei mais atenção na beleza dele do que o nome.

- O nome dele é Will. Will Halstead, Charlie, e você tem a consciência que não tem mais 16/17 anos para estar nesse desespero todo, certo? Minha filha tu já tem 25 anos nas costas e nem parece que só tem 03 anos a mais que eu.

- Sim Sea, tenho plena consciência de meus atos, mas e daí? 25 anos que estou aproveitando muito diga-se de passagem.

- Quem sabe eu faço esse favor a você, hein Charlie? - e quando damos o assunto por encerrado escutamos Summer gritar no andar de baixo.

-MENINAS? VOCÊS ESTÃO AI? - descemos as escadas rapidamente, porque a criatura sai para ir ao mercado, e parece que foi raptada de tanto que demorou. - Chegou comida vocês aparecem hein? O que seria de vocês sem minha humilde pessoa?

- Lembre-se Sum, a comida em primeiro lugar. - Como boa esfomeada que sou e elas sabem já cairam na gargalhada. Não sei o que vocês tanto riem, a comida ficará quase todas para vocês, porque sairei cedo e chegarei tarde.

- Está bem Sea, pelo menos uma ultima refeição decente antes de você começar a sobreviver de fast-foods. - Charlie era sempre implicante com minha alimentação, no entanto sem ela não comeria nada saudável, minha saúde depende dessas duas.

-Então andem, me ajudem a guardar essas coisas para começarmos a preparar a janta. - O bom da Summer, que além de uma amiga para todas as horas, ela é uma mãezona sempre cuidando de quase tudo por ser a mais velha no auge dos seus 29 anos.

Como hoje por um milagre iremos jantar cedo, decidimos por uma lasanha queijo presunto ao molho branco e uma salada básica,todas nos dividimos na cozinha e procuramos o que fazer, enquanto Summer cuidava da lasanha, eu fazia o arroz e a salada, e Charlie arrumava a mesa. Enquanto comíamos sempre surgia assuntos aleatórios que uma vez ou outra dávamos risada.

- Charlie meu amor, lembre-se que a louça de hoje é toda sua viu?

- Poxa Sea, você poderia aproveitar que é seu ultimo dia em casa o dia inteiro e fazer essa força né? - Suspiro com o pedido, mulher mais folgada que essa não existe.

- Beleza eu lavo, mas é melhor você não se acostumar viu?

- Por isso te amo viu Seazinha do meu coração - Além de folgada essa menina é cara de pau.

- Charlie se você não sumir das minhas vistas no próximo segundo, faço você lavar a louça a semana toda, e não te ajudo com o Will.

- Opa é pra já, olha só já to saindo viu, vou aproveitar para tomar banho enquanto vocês organizam a cozinha. - disse ela saindo da cozinha.

- Que história é essa de ajudar a Charlie com Will, Sea, antes de tudo quem é Will? - Lá vem a Sum começar a querer investigar a vida do cara, como uma boa advogada que é.

-Will é irmão do jay da minha unidade, ele é residente de trauma no hospital St.Thomas perto da Westminster Bridge, e como você conhece Charlie tão bem quanto eu já sabe que ela se interessou por ele, após saber que Jay está namorando. - disse enquanto colocava a última panela no escorredor.

-Ah sim, ela não jeito mesmo, mas e você em quesito de namorado? Faz quase um ano que não te vejo com ninguém!

- Você sabe que para mim é complicado Sum, sempre me concentrei mais nos estudos do que em relacionamento, ainda mais com as provas e a academia da polícia, e não estou pronta para me entregar completamente para alguém.

-Sim eu sei, mas você sabe que sempre estarei aqui se precisar né? A Charlie dá uma de louca mas vai estar aqui tbm. - não consigo explicar o amor que tenho por essas meninas.

-Por isso eu amo tanto vocês, agora acaba de guardar essa louça, porque estou afim de fazer uma ultima noite das garotas antes da loucura começar. - dito isso ela rapidamente termina sua tarefa. - Vou ver se a preguiçosa da Charlie não capotou na cama já, você poderia ir escolhendo uma série boa para assistirmos?

-Claro, vai lá.

Subi as escadas e avisei a Sum que por incrivel que pareça não tinha caido no sono que iamos assistir umas séries e que era pra ela descer que eu já ia. Entrei no meu quarto já indo tomar um banho, recebendo de bom grado aquela água quente caindo sobre minha cabeça, mas logo sai porque não queria que as meninas começassem a me gritar para ir logo, coloquei um pijama quentinho porque mesmo dentro de casa o frio estava castigando, deixaria o cabelo secar naturamente porque não ter que secar ele agora, sai do quarto descendo as escadas já vendo trocentas cobertas espalhadas pelo sofá, cheguei já me enfiando no meio das duas pronta para assistir pela milionésima vez Breaking Bad a série favorita da Sum. Quando já estávamos no sétimo pro oitavo episódio eu já estava caindo, não tentei ir contra me deixando tomar pela inconsciência, já que amanhã eu teria um longo dia pela frente.



Notas Finais


Bom, apenas avisando que os meninos não apareceram nos primeiros capítulos.
Muito obrigada por terem chegado até aqui embaixo e espero que aproveitem os próximos que virão.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...