História Noir sur blane, sélection - Interativa - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Seleção
Personagens Personagens Originais
Exibições 44
Palavras 1.630
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Festa, Ficção, Luta, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Boa noite, caras selecionadas, aqui esta mais um capitulo.

Capítulo 10 - IX São Valentim


Fanfic / Fanfiction Noir sur blane, sélection - Interativa - Capítulo 10 - IX São Valentim

O sábado amanheceu mais colorido aos olhos das Selecionadas que esperavam ter o seu momento como o Príncipe mais velho, já que neste mesmo dia era comemorado o dia de São Valentin.

O castelo ganhara uma decoração diferenciada, na esperança de realçar ainda mais o valor da data. E cada Selecionada acabou por ganhar um buquê de rosas vermelhas logo pela manhã, um ato que o Príncipe Marion julgou como romântico e justo para com todas as jovens que disputava o seu coração.

Também foi liberado um pequeno correio amoroso, onde as jovens damas poderiam dizer o que sentia pelo herdeiro, em total sigilo. Estes pequenos cartões correio, tinham formato de coração, dando uma graça ainda maior para o sentimento contido nos bilhetes que iam e vinha pelos corredores, visto que as jovens pediam suas damas de companhia para entregarem.

 

O café da manhã foi ricamente preparado, com excesso em formatos de corações. Ao mesmo tempo em que todos pareciam estar de bom humor. Era incrível como uma data era capaz de alterar todo um ambiente que antes parecia tribulado, para algo interessante e fofo de se ver.

Marion Louis, o herdeiro do trono, acompanhou nesse meio tempo, as noticias do jornal impresso que mostrava alguns pontos turísticos, recebendo variados tipos de casais que esperavam ser abençoados pela data. Viu algumas fotos, enquanto tomava mais um gole do seu suco de laranja, ao mesmo tempo em que pensava no que poderia fazer para a garota que fosse escolhida para passar o dia consigo como sua suposta namorada.

Em verdade, o mesmo ainda não tinha se decidido com relação a quem deveria chamar, mas soube que deveria ser algo especial. Pensou em um piquenique a luz do luar frente ao lago, no entanto, não sabia o que poderia ser considerado romântico e o que poderia fazer ou falar. Optou então, por ter uma conversa em particular com a tutora, visto que essa passava mais tempo com as mesmas.

- Preciso de uma luz.

- Sobre o que necessariamente? _Quis saber a jovem tutora ao se mostrar profissional.

- Sobre um piquenique ao ar livre, beira ao lago.

- Antes de lhe passar as informações necessárias, preciso lhe informar sobre os cuidados a se tomar com relação ao local... _E dizendo isso, a morena começou a dizer varias coisas, na esperança de pode ajudar o seu futuro rei em um dos seus encontros românticos.

 

Nymeria Petro Le Blanc era uma jovem de uma beleza espetacular, digna de fazer vários rapazes se jogarem aos seus pés e pedir-lhe casamento, no entanto, a jovem de 24 anos tinha outro foco em sua frente, se tornar a futura rainha da França. E para isso a mesma usava todo o seu conhecimento de moda para tentar chamar a atenção do Príncipe, porém, o mesmo parecia não nota-la e muito menos interessado em chama-la para um encontro, ao que a dama decidiu que andaria sobre os corredores a procura de uma oportunidade de estar a sós com o mesmo.

Caminhou por uma parte que a levaria para a sala do trono, analisando toda a beleza que compunha as paredes do local. Não conseguia descrever, e ate mesmo crer que havia chegado ate ali, havia sido escolhida, para frequentar um dos locais mais requisitados de seu países, o reino.

- Mademoiselle Le Blanc, o que faz por aqui? _Questionou o Príncipe mais velho, Marion.

Rapidamente a jovem, passou as mãos sobre o cabelo e sobre as roupas que vestia, na esperança de poder alisa-los e ficar mais apresentável.

- Estava caminhado pelo reino. _Decidiu ser sincera.

- Esta parte do castelo não é permitido que transite, a não ser que seja da família real.

- Oh me perdoe, eu não sabia.

- Dessa vez, deixarei passar. No entanto, peço que não sai por ai sem a presença de um dos seus guardas, vistos que o mesmo sabem onde a senhoria pode ou não transitar. Mas já que estamos aqui, que tal fazer um tour?

- Esta me convidando?

- Sim, mas só se quiser.

Houve um pequeno silêncio, onde a jovem pareceu pensar sobre a oportunidade.

-Oui, eu adoraria.

O moreno de rosto severo estendeu o seu braço sugerindo que ela enlaçasse o seu braço ao dele, para que o mesmo pudesse então conduzi-la ao local, ao que ela aceitou e sorriu.

 

Enquanto isso em uma saleta mais afastada da área mais afastada do reino, podia se ver uma das Selecionadas conversando com o Príncipe mais novo.

- Ah mon cher, que bom que aceitou o meu convite. Senti tanto a falta dos seus lábios sobre o meu... _Confessou o moreno com um sorriso safado nos lábios.

- E de quantas outras mais? _Debochou. _Porque não estou a fim de perder o meu tempo com um tipinho feito você que só usa e depois quando se cansa, joga fora. Afinal, para todos os efeitos estou aqui pelo seu irmão e não para o seu imenso prazer.

- Sendo assim, acho que meu convite já elaborado vai ter que ser repassado para outra.

- Convite? _Perguntou já com os olhos acinzentado já brilhando.

- Quero lhe mostrar que esta a competir pelo Príncipe errado.

- E como pode me mostrar isso, se ainda não tenho como o comparar com o outro?

- Depois de mim, não precisara mais de comparação. _Garantiu.

- Você se gaba de mais! _Ela disse ao bater no peito do mesmo.

Maxine puxou os braços da jovem e a trazendo para mais próximo de si, estreitando a distancia. Segundos depois seus lábios estavam colados nos de Charlotte, que retribuía o gesto de forma a acrescentar mais intensidade ao ato.

 

Depois do café da manhã Kathrine se viu voltando para seu quarto, onde encontrou uma figura familiar a sua espera. Correu para abraça-lo logo que o viu, afinal, desde a sua partida não vira nem sinal dele ou de qualquer outro membro de sua família.

- Senti tanto a sua falta, que meu coração chegou a doer. _Ela disse ainda abraçada ao rapaz.

- Como esta sentindo dentro do palácio, minha irmãzinha? _Questionou um rapaz que possuía o mesmo tom de pele oliva e olhos acinzentados, que era no mínimo herança de família. _Estão lhe tratando bem?

- Como se você não soubesse, não é mesmo, Soldado Lion. _Respondeu ao sorrir docemente. _ Fico feliz que tenha escolhido justo a data de hoje para aparecer em meu quarto.

- Mademoiselle, este Soldado adentrou o seu quarto e não mais quis sair. _Disse uma das criadas ao adentrar apressada ao quarto.

- Tudo bem, se acalme. Este Soldado é bem vindo em meu quarto, visto que o mesmo é meu irmão.

- Ah me desculpe, eu não sabia. _Ela se desculpou. _Vou deixa-los a sós.

- Como quiseres.

Após este momento, ambos começaram a conversar, ao mesmo tempo em que o mais velho contava sobre suas aventuras pelo castelo, assim como galanteava as jovens de um jeito que as mesmas acham que o mesmo queria compromisso, quando na verdade era o posto o que ele desejava.

 

Durante todo o dia, Marion se colocou a disposição de ler os diversos bilhetes que recebia enquanto esperava pelo momento em que teria com a sua Selecionada, que esperava que esse momento fosse especial visto que a menina seria a sua namorada ate o fim daquela noite.

Sabia que era muita responsabilidade que teria pelas costas, mas a aceitou de bom grado, no dia em que aceitou a proposta de seu pai referente à Seleção. Sendo assim, o mesmo decidiu que arriscar para achar o verdadeiro “rabo de saia”, como dizia o seu irmão.

No entanto, como não era dado a romances e todas essas coisas de namoro e tudo mais, ficando assim receoso e ate mesmo ansioso com o que viria pela frente. Em verdade, Marion não era totalmente inocente, visto que há algum tempo atrás, ainda quando novo, dera o seu primeiro beijo, e ate chegara a cogitar algo mais, com sua atual amiga, a Princesa da Rússia.

 

Já estava quase escurecendo quando Marion decidiu ir buscar a sua convidada em seu quarto. Bateu a porta e esperou pela mesma, que abriu logo em seguida o caminho.

- Esta pronta?

- Oui, Alteza. _Responde ao concordar com um leve aceno de cabeça.

- Preparei algo especial nos jardins... espero que goste. _Marion media as palavras.

Caminharam lado a lado durante todo o percurso ate o hall de entrada do palácio.

- Se importa se eu venda-la? Quero fazer surpresa!

Eliese Desiré Beaumont trazia uma pele morena que atualmente estava escondida sobre um vestido simples e delicado, que dava destaque aos olhos verde e os lábios rosados que eram bem carnudos e volumosos. Sua bochechas, também rosadas, estavam agora coradas, e seus cabelos castanhos escuros jogado sobre um dos ombros, na esperança de passar uma imagem mais natural.

- Acho que não.

- Terá que confiar em mim.

- Tudo bem, eu vou tentar.

Deixou que o Príncipe tirasse uma venda avermelhada de seu bolso e colocar sobre seus olhos.

- Lhe machuco?

- Não, esta segura, mas não me machuca.

- Ótimo!

 

Luzes estavam espalhadas de uma arvore a outra, dando um ar diferencial ao ambiente que agora já estava preparado para o tal piquenique. Uma toalha xadrez fora estendida sobre o gramado e uma cesta estava posta ao lado, ainda fechada.

- Chegamos. Hora de tirar essa venda, mon cher. _ E dizendo isso, Marion se colocou atrás da jovem e desfez o nó do pano que a impedia de enxergar o local a qual tinha acabado de chegar.

- Esta tudo muito lindo, Alteza.

- Venha vamos nós sentar. _Disse ao estender a mão novamente para a Eliese e conduzi-la ate a toalha xadreza que estava estendida.


Notas Finais


Foto que me inspirou: https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/564x/20/fd/c2/20fdc29ee6fd1a33a1d6e483b3761079.jpg

E ai o que acharam deste capitulo?
Ainda mantenho vagas para o grupo no whats, para as Selecionadas dos Marion.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...