História Nos teus olhos - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Shingeki no Kyojin (Attack on Titan)
Personagens Eren Jaeger, Jean Kirschtein, Mikasa Ackerman
Tags Aot, Eremika, Eren Jaeger, Eren X Mikasa, Mikasa Ackerman, Mikasa X Eren, Snk
Visualizações 59
Palavras 591
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bem... Aqui estamos no ova! Lembrem-se que aqui é um final alternativo, no qual para ter um final feliz a(s) personagem(ns) mudaram algumas de suas escolhas, ou conseguiram se dar bem em alguma situação que falharam no bad end, que é o final verdadeiro.
Novamente agradeço o carinho de todos! ♡♡♡

Capítulo 11 - Happy End - Alternative Universe


Fanfic / Fanfiction Nos teus olhos - Capítulo 11 - Happy End - Alternative Universe

New Choices 

Pov. Eren 

Depois de dar dois passos, Mikasa se entregou a dor, caindo no chão. Por minha causa ela tinha que suportar o sofrimento e entre tantas outras coisas. O mínimo que podia fazer para recompensá-la era aguentar a exaustão do meu corpo e encaminhar-me até ela. 

Já ao seu lado, escuto-a dizer belas coisas, sendo honesta com seus sentimentos pela primeira vez desde que a conheci. E em meio aos agradecimentos escuto sua voz serena dizer: 

- Eu te amo Eren! 

A minha vida inteira havia esperado para poder ouvir estas palavras. Eu queria contar que me sentia da mesma forma e a beijá-la, mas o lugar em que estávamos não era propício para isto, afinal aqui havia titãs cercando-nos e ameaçando a segurança da minha querida asiática. Nada é mais importante do que ela, não importa o momento. 

Pensando nisso botei-me a utilizar toda a minha força para segurá-la no colo e correr para um lugar em que as feras não estivessem tão concentradas em grande quantidade. No caminho para o ponto seguro, um cavalo, provavelmente de um soldado já morto, passou na nossa frente, parando ao nos avistar. Com um rápido movimento pus a minha amada em cima do animal, subindo nele e começando a calvagar, seguindo todos os combatentes que batiam em retirada ao ver que eu me encontrava seguro.

Ela segurava firmemente a minha cintura e eu pude sentir sua aflição. Aproveitando a paz repentina, pude falar o segredo que há tanto tempo guardava selado pela minha boca:

- Eu te amo muito mais Mikasa, mas não é apenas como irmão se quer saber.

- Fico feliz que ambos pensamos dessa maneira. 

Assim que viro pra trás após me surpreender com esta frase, consigo ver um largo sorriso que podia aquecer o coração de até a mais fria fera existente no mundo. O sorriso era compatível com a enorme beleza da mulher da minha vida que agora chorava de felicidade, assim como eu.

Durante todo o longo período de viajem, senti as pequenas e macias mãos dela no meu peitoral até entrarmos dentro das muralhas, onde saltei e a ajudei descer. Ela era uma princesa para mim e ninguém podia negar isso. Assim que ambos havíamos descido nos abraçamos felizes ao vermos que o outro estava vivo e totalmente bem, exceto pela costela quebrada de Mikasa que me preocupava muito.

~ Skip Time ~ 

Acordo com um barulho no andar de baixo e decido ver o que era. Aos poucos com os olhos ainda semi cerrados de sono desço os degraus lentamente e encontro Mikasa brincando com nosso querido filho.

Sim, se passaram 3 anos desde nossa declaração e aqui estamos nós casados e começando a constituir uma família, onde esperamos ansiosos pelo nosso segundo filho. 

Assim que a morena me avista logo da um largo sorriso que era contagiante e diz:

- Bom dia darling!

- Bom dia meu amor! - Digo abrindo um grande sorriso também.

Conviver com ela e meu filho torna-me cada vez mais forte e me deixa mais ansioso para voltar pra casa após um expedição e encontrá-los. Mikasa teve de deixar a tropa de exploração por causa da maternidade, por isso fico aliviado já que ela estaria mais segura dentro das muralhas. Eu continuaria a batalhar por ela e no fim conseguiria mostrar todas as terras existentes no mundo para todos que eu amo, assim garantindo-os o melhor futuro possível. Por eles e o amor que eu sentia, nunca desistiria e ficaria cada vez mais forte. Eu seria o herói ideal dos meus filhos, isso eu juro.


Notas Finais


Miga, se você está lendo isso... saiba que eu dei o meu máximo pra postar ontem, mas apenas consegui postar a 00:49. Sorry.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...