História Nossa História: Passado ou Futuro? - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Kibaneji, Konohana, Leeten, Narusasu
Visualizações 224
Palavras 1.270
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Estupro, Homossexualidade, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi!

Desculpem a demora para atualizar, mas as últimas semanas foram bem corridas lá na minha empresa e eu não tive tempo de entrar no site, vou atualizar todas as minhas histórias aos pouquinhos, começando pelas que já estavam escritas, espero que gostem.

Capítulo 14 - Resultado da Cirurgia


Fanfic / Fanfiction Nossa História: Passado ou Futuro? - Capítulo 14 - Resultado da Cirurgia

Kiba Inuzuka:

 

            O clima estava tenso, todos fitavam apreensivos o médico, aguardando que o mesmo falasse alguma coisa, por pior que fosse o resultado era melhor que a angústia da espera. Kabuto sorriu fazendo-me soltar em alívio a respiração que nem havia percebido que havia prendido.

 

- A cirurgia foi um sucesso, ele está bem e já está no quarto. Podem entrar pra vê-lo se desejarem, mas não podem ficar muito tempo e tem que ser um de cada vez. – ele falou, senti meus olhos lacrimejarem, havia dado certo, agora seria apenas questão de tempo pra que ele se recuperasse.

 

_____     x    _____

 

            O alívio era evidente nos rostos de cada indivíduo que saía daquele quarto, a tia de Neji havia ido embora para casa depois do resultado da cirurgia, Hiashi-san estava tão feliz com o resultado que nem se importou, ele foi o primeiro a entrar no quarto do sobrinho, ficou cerca de dez minutos, em seguida foi Hanabi, que ficou mais ou menos o mesmo tempo do pai, eu fui o último. Cheguei no quarto, sorrindo ao vê-lo dormindo tranquilo, como se nada houvesse acontecido, a única diferença que havia nele é que agora os longos cabelos já não existiam, já que haviam tido que cortá-los e raspar no local da cirurgia, agora ele tinha o cabelo bem curto, mas isso era o de menos, o importante era que ele estava bem.

            Aproximei-me da cama, tocando sua bochecha com as costas da mão, mais precisamente dos dedos, fazendo um carinho na pele macia, ele sorriu em meio ao sono, mas não acordou, meu coração bateu tão rápido que achei que iria sair de meu peito, eu já nem me entendia mais. Aproximei-me mais, depositando um beijo em sua testa.

 

- Vai ficar tudo bem agora. – falei, com a certeza que tudo agora era uma questão de tempo.

 

_____     x    _____

 

            Neji ficou cerca de duas semanas no hospital, se recuperando e fazendo exames para ter certeza que o tumor realmente havia sido completamente retirado, nesse meio tempo Hiashi-san e Hanabi foram visitá-lo todos os dias, eu fiquei como acompanhante, a tia dele foi visitá-lo duas vezes, provavelmente a mando do marido, já Hinata não foi nenhuma vez. Os antigos amigos de Neji de alguma forma acabaram descobrindo sobre a cirurgia, eles foram visitá-lo sete vezes, mas não entraram no quarto em nenhuma delas, provavelmente estavam com receio de que ele se incomodasse com a presença deles lá. Na quarta-feira, estávamos Hiashi-san, Hanabi e eu no quarto do Hyuuga, ele receberia alta hoje, Orochimaru-san estava lá com Kabuto, dando as últimas recomendações, ele teria que fazer fisioterapia para voltar a se movimentar devido ao tempo que havia ficado imóvel e consultar com um fonoaudiólogo para voltar a falar novamente, Orochimaru-san também recomendou que ele consultasse com um psicólogo, para ajudá-lo em todo esse processo, que segundo o médico não seria fácil. Hiashi-san concordou, agendando a primeira consulta pós-operatória do sobrinho, antes de irmos embora.

            Chegamos na mansão, eu o tirei do carro e o coloquei na cadeira de rodas, ele se surpreendeu quando chegou na sala, encontrando a mesma toda enfeitada com balões e uma faixa de boas vindas, todos os empregados correram até o garoto cumprimentando-o, eles pareciam ter um carinho especial por ele e ele acabou se emocionando, sorrindo, com os olhos cheios de lágrimas. Foi uma verdadeira festa, que acabou tendo que ser interrompida quando eu tive que levá-lo para o quarto, afinal ele precisava descansar.

 

- Viu só como você tem vários fãs aqui Neji-kun. – falei brincando e ele sorriu de uma forma que eu nunca havia visto antes, era um sorriso sincero, sem aquela pontada de tristeza que normalmente adornava o seu rosto e acabei paralisando fitando-o, sentindo meu coração acelerar, desviando meus olhos sem graça quando percebi ele corar pelo meu olhar – É... quer tomar um banho antes de deitar? – perguntei sem nem saber porquê estava nervoso, ele assentiu ainda vermelho e eu o peguei no colo, levando-o até o banheiro, sentando-o no seu banquinho, tirando suas roupas receoso, não sabia porquê mas era diferente das outras vezes. Terminei de tirar suas roupas, olhando seu corpo de cima a baixo, ele era tão lindo que eu não conseguia parar de encará-lo, só saí de meu transe quando ouvi a porta do quarto abrir e alguém bater na porta do banheiro, era Hanabi. Coloquei o Hyuuga na banheira com água morninha e abri a porta para a garota entrar.

- Ah eu interrompi? Desculpe. – ela falou, parecendo sem graça, porém não mais que eu, sentia minhas bochechas quentes – O que aconteceu? Vocês dois estão vermelhos. – ela falou, meus olhos arregalaram-se, eu estava vermelho?

- N-não é nada Hanabi-san. – falei nervoso, enquanto passava com cuidado a esponja cheia de espuma no peito do garoto, sentindo minhas bochechas esquentarem mais quando tive que descer a esponja para suas outras “partes”. Ouvi uma risadinha e olhei para o lado, Hanabi-san fitava-nos com um sorriso de lado.

- Vocês são umas graças. – foi tudo o que ela falou antes de sair do banheiro, deixando-nos sozinhos novamente, não sabia onde enfiar minha cara e pior, eu nem sabia porquê estava envergonhado, não era a primeira vez que eu dava banho em Neji, mas essa vez estava sendo diferente e eu nem sabia o porquê.

 

_____     x    _____

 

            No final de semana fui para casa, Inojin chorou no meu colo assim que me viu, eu não havia ido para casa desde que Neji havia sido internado e meu filho sentia minha falta, ele ficou uma hora praticamente agarrado no meu pescoço chorando e meu coração doeu de vê-lo daquele jeito.

 

- Não gosta mais de mim papai? – ele perguntou entre soluços, apertei-o nos meus braços.

- É claro que gosto, papai te ama. – falei, conseguindo finalmente soltá-lo do meu pescoço e depositando um beijo em sua testa, fitando seus olhinhos azuis chorosos – É que o paciente do papai estava doente e eu tive que cuidar dele, você entende, não é amor?

- Ele tava doente? E o papai dele não podia cuidar dele que nem você cuida de mim? – ele perguntou inocente.

- Não amor, o papai e a mamãe dele viraram uma estrelinha que nem a sua mamãe. Mas ele tem um titio bonzinho que nem você tem o titio Naruto. – falei, afagando suas mechas loiras – Um dia o papai vai te apresentar ele, você quer? – perguntei, ele sorriu feliz e balançou a cabecinha positivamente, deitando a cabeça no meu peito, segurando minha blusa com as mãozinhas pequenas, pegando no sono logo em seguida.

 

_____     x    _____

 

            O final de semana passou rápido, Inojin ficou os dois dias que eu estava lá choroso e manhoso, sem desgrudar de mim, tive até que dormir com ele na cama, pois ele não queria me deixar sair do quarto. Quando a segunda-feira chegou, me arrumei e deixei um beijo em sua testa antes de sair, voltando para a mansão Hyuuga.

            Os dias passaram rápido e quando estávamos no meio da semana levamos Neji para sua primeira consulta pós-operatória, Orochimaru-san o examinou, fez alguns exames e o liberou para a fisioterapia. Fomos levados até uma sala, onde o médico de cabelos longos bateu, sendo atendido por um rapaz moreno que eu já havia visto antes, mas não lembrava de onde e meus olhos arregalaram-se quando reconheci quem era, era o meu vizinho, o que havia se mudado a pouco tempo.

 

- Esse é o Neji, seu novo paciente, o tio dele Hiashi e o acompanhante Kiba. – o médico nos apresentou e o moreno assentiu, apresentando-se também.

- Sou Sasuke Uchiha, seu novo fisioterapeuta. 


Notas Finais


Logo continua.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...