História Nosso Amor Proibido - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Princesinha Sofia
Personagens Bailleywck, Cedric, o Feiticeiro, Clover, Personagens Originais, Princesa Amber, Princesa Sofia, Príncipe James, Rainha Miranda, Rei Roland II
Tags Amor, Princesinha Sofia, Proibido
Exibições 78
Palavras 928
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oie😀, amores 😍me perdoem✋ por não ter postado na quarta feira, mas foi pq um professor da minha escola faleceu😳 e tal mas o capítulo já estava escrito mas não consegui postar, então eu o uni ao de hoje e aqui está é uma capítulo mediano mas é o início da nossa jornada final, espero que me perdoem pelo atraso e Boa leitura. 📖

Capítulo 12 - Aliada!


Fanfic / Fanfiction Nosso Amor Proibido - Capítulo 12 - Aliada!

LEIAM AS NOTAS INICIAIS.

- Oque ? - ela a olhou incrédula - Você está falando sério ? 

- Sim - Amber andava de um lado para o outro com as mãos passeando nos cabelos nervosa.

- Mas vocês são irmãos, nós somos irmãos - ela gritou segurando Sofia pelos ombros - Você só deve está sob o efeito de algum feitiço, vamos eu lhe levo ao Cedric ele saberá oque fazer.

Amber segurava Sofia pelas mãos e começa a arrastar para fora de seu quarto, Mas Sofia em contradição com sua irmã puxa o braço e permanece no quarto.

- Amber eu não estou sob efeito de nenhum feitiço, na realidade eu nunca me senti tão sã em toda minha vida, e eu não irei mais negar o meu amor pelo James, Eu o amo e sempre o amei - Sofia falou rindo enquanto lágrimas desciam involuntariamente de seus olhos - Mas você acha que eu não sei que esse é um amor proibido? Eu sei que esse é um amor amaldiçoado! Eu não sou tão tola quanto pareceço ser.

A morena caiu de joelhos no chão, Pôs as mãos no rosto e começou a chorar, A loira por sua vez olhava para a morena, seus olhos percebiam a dor que sua irmã estava passando ela sentiu em seu peito a dor que sofria seu coração. Enquanto Sofia chorava, Amber se aproximou dela e a levantou segurando em seus ombros.

- Sofia, Eu nem imagino como você deve está se sentindo, Mas eu sei como é amar alguém e nesse aspecto eu posso te compreender - Ela falou levando a irmã para a a cama a deitando.

- Amber me perdoa, Eu lhe juro que nunca quis lhe magoar com o Hugo e não quero te perder novamente por causa desse amor – Sofia admitiu deixando as lágrimas rolar sobre seu rosto – Se for para não te perder, Eu desisto desse meu amor.

Amber a olhou incrédula mais uma vez sua pequena irmã se mostrava uma mulher, ela se orgulhava muito da irmã e sabia que Sofia não era de mentir, e ela sabia que deveria aceitar esse romance mesmo que não sendo normal, Amber sabia muito bem que James amava Sofia, desde os primeiros anos que a princesa começou a morar no Palácio James sempre a admirava de longe, sempre soltava suspiros atrás de suspiros quando a via passar, E foi nesse momento que Amber se lembrou da conversa que teve com o irmão dias atrás, no dia em que ele resgatou Sofia da chuva.

~Flashback on~

- James oque você esta fazendo ? – perguntou Amber olhando para o irmão acariciando o rosto de Sofia.

- Shiuuuuu! – ele sibilou – Você sabe muitíssimo bem oque estou fazendo!

Ela o olhou sem acreditar, a dias que Amber abordava o irmão para que ele lhe falasse a verdade mas ele nunca lhe respondia e sempre fugia do assunto, mas agora ali na sua frente James a responderia.

- Então você a ama? – ela perguntou olhando fixamente no irmão.

- Sim, eu a amo – ele falou firme e sério.

Um singelo sorriso se formou nos lábios do garoto e então ele suspirou aliviado, ele nunca havia falado aquela frase em voz alta, e era como se ele houvesse se libertado de suas correntes.

- Mas James, nós somos irmãos, não podem fazer Isso, nossos pais nunca aceitariam – Amber falou triste, ela sempre desejou que seu irmão amasse alguém com a índole perfeita, que fosse humilde, fofa, inteligente, séria, sexy sem ser vulgar e que lhe fosse uma amiga, e ninguém melhor do que Sofia. Ela sabia que isso era errado mas ela não podia conter a alegria que cresceu nela.

- Amber entenda eu sei que esse romance é proibido e que se nossos pais descobrirem eu serei levado a Praça pública e serei açoitado por esse pecado, mas por favor não condene esse amor puro e verdadeiro que sinto por ela - ele falou com o coração, A princesa sabia que ele estava sério sobre isso e ela estava feliz mas com medo de perder os dois mas ela não vou outra escolha.

- Está certo James, eu lhe darei uma chance de demonstrar seus sentimentos por ela, se ela corresponde-lo eu serei sua aliada, caso contrário peço para que Cedric apague esse amor de você – ela falou criando um acordo com o irmão, ele esticou sua mão e apertou o da loira.

- Está fechado – ele falou sorrindo.

~ Flashback off ~

Amber soltou um leve suspiro e olhou Sofia bem em seus olhos e se prendeu no mar dos olhos de Sofia, diziam que os olhos são as janelas da alma, agora Amber entendia essa frase, pois ao mergulhar nos olhos de Sofia você sentia uma paz, já que a garota era pura e delicada, ela transmitia uma paz e era isso que a loira admirava na morena.

- Amber o que aconteceu ? – Sofia perguntou olhando para a irmã que estava abobalhada com um sorriso no rosto.

- Nada, então eu serei sua aliada, quero que esse amor floresça e que vocês sejam felizes, Sofia por favor cuide bem do meu irmão – Amber a tratou como amiga se esquecendo dos laços que a tornavam irmãs.

- Obrigada Amber, e eu nunca faria algo para magoá-lo – Sofia falou abraçando a irmã e assim selando o acordo.

Mas o que elas não sabiam era que havia uma pessoa que estava vendo tudo aquilo, Ela só estava esperando pelo momento certo para se revelar e para por um fim a toda essa história, mas quem seria está pessoa?



Notas Finais


Oie eai quem será esse alguém que curia as coisas alheias ein? Até amanhã, sábado tem mais. Beijos de chocolate e Nutella


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...