História Nosso destino em suas mãos - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mitologia Egípcia, Mitologia Grega, Saint Seiya
Personagens Afrodite de Peixes, Aiolia de Leão, Aioros de Sagitário, Aldebaran de Touro, Apolo, Ártemis, Atena (Sasha), Camus de Aquário, Dohko de Libra, Hades, Hyoga de Cisne, Hypnos, Ikki de Fênix, Isaak de Kraken, Kanon de Dragão Marinho, Marin de Águia, Mascára da Morte de Câncer, Minos de Grifon, Miro de Escorpião, Mu de Áries, Pandora, Personagens Originais, Poseidon, Saga de Gêmeos, Saturno, Seiya de Pégaso, Shiryu de Dragão (Shiryu de Libra), Shun de Andrômeda, Thanatos
Tags Hypnos, Romance, Saint Seiya, Thanatos
Exibições 46
Palavras 922
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas da Autora


Vai...podem me apredejar ('___')b
Perdão a demora! Minha vida ta corrida
;-; ate pensei em parar de postar..
Preciso do apoio de vocês nos comentarios!!
Preciso saber se estão a gostar e se eu posso continuar....'-'


Boa leitura ~

Capítulo 11 - Casa de aries


Fanfic / Fanfiction Nosso destino em suas mãos - Capítulo 11 - Casa de aries

O cavaleiro de aries puxava delicadamente a deusa pelo seu pulso sem usar muita força apenas a guiando para a sua casa que fica um pouco mais longe da onde eles se encontravam , mais no caminho todo Aten foi resmungando sobre bebados até as vezes rancandos risadas da deusa , Aten o tempo todo ficou no ombro da deusa que com a cauda levemente enroscada no pescoço da deusa sem fazer muita gorça claro para ele não a machucar

- aquele tal de Milo é sempre assim? - Aten perguntou ao cavaleiro olhando para o mesmo , Mu sorriu discretamente logo respondendo calmamente a cobra curiosa

- quando bebê? Sim , grande maioria das vezes - logo em seguinda de sua fala o cavaleiro começa a andar um pouco mais devagar - perdão pelo o comentario vulgar dele Harumi

A deusa o olhou e percebeu o olhar do mesmo um pouco apreenssivo , numa tentativa de anima-lo a deusa sorri

- tudo bem ! Foi até que engraçado - a deusa terminou a frase com uma risadinha que fez Mu sorri logo parando de andar em frente a uma das doze casas de ouro que lá havia que com certeza seria a casa de aries

- chegamos..bem não deve ser algo que esta acustumada como um templo mais dá para o gasto

Ao ouvir isso Aten se engasgou e olhou para o cavaleiro como se não acreditasse no que o mesmo fala

- ta brincando ? Se eu for comparar é até melhor ! - o cavaleiro sorri a cobra que pela primeira vez fes de que chegou tiverá elogiado algo no local

- obrigado , Aten certo? - a cobra apenas fez um leve aceno com a cabeça e logo encostou a cabeça novamente no ombro da deusa que sorri ao ver o amigo simpatizando com alguém - vamos ?

Harumi apenas concorda com a cabeça começando a seguir o cavaleiro

Eles com passos lentos começam a caminhar dentro da casa de Ariés que é incrivelmente grande aos olhos da deusa . A deusa poderia jurar que a casa de ariés é apenas feita de ouro e prata pelas cores e oque ela pode olhar em volta , não seria exagero dizer que a deusa ficou maravilhada com a casa . No caminho Mu se permite a sorrir quando tepara na deusa quase cair por conta de sua distração e logo em swguida disfarçar e levar uma bronca sem muita disvrição de Aten , o cavaleiro poderia dizer que até mesmo riria mais tem certeza que a deusa se sentiria constrangida então se permitiu a apenas sorrir .

O cavaleiro para em frente a uma porta prateada com alguns desenhos de simbolos de rosas oque agradou demais a deusa . Mu abre a porta do quarto revelando um local aconchegante e encantador com as paredes em colorasão avermelhadas e claras e uma cama bem grande de casal

-se encomodaria se o seu quarto fosse esse ? O meu é bem ao lado - o cavaleiro se pronuncia com um sorriso amigavel a deusa apenas o olhou e sorrio concordando com a cabeça - bem , com licença se não se encomoda irei descansar

- sim !

Logo o deus saio do quarto deixando a deusa sozinha em seu novo quarto , a mesma suspirou fundo e caminhou em direção a sua cama se jogando na mesas e logo fechando os olhos e logo o silêncio reinou no local

- no que está a pensar ? - Aten se pronunciou enquanto rastevaga até a cabeça da deusa ficando em cima da mesma como uma cama

- eu .. foi tudo tão derrepente - a deusa pronunciou num sussurro logo em seguida abrindo os seus olhos mostrando a cor vermelho sangue vivo

- ora , você não desejava isso? - a serpente disse num claro tom de deboche , Harumi poderia jurar imaginar um sorriso sarcastico no rosto dele

- sim mais ..

-nunca imaginou que conseguiria? - Aten completou a frase com um longo suspiro - dorma … precisa descansar

-mais ..

- mais nada - a serpente disse firme e a deusa apenas concordou com a cabeça se ajeitando em sua cama

- vai dormir ai mesmo ? - a deusa perguntou incrédula

- não reclame que eu mordo o traseiro daquele cavaleiro verde ..

- ciúmes ? - a deusa sorriu a imaginar seu amigo com ciúmes de Shun

- dome logo.. - a serpente sussurrou logo fechando os olhos e se enrolando no cabelo da deusa a procura de aconchego , a deusa apenas riu baixo de Aten logo pegando no sono

O sol batia contra o rosto da deusa a fazendo preguiçosamente abrir os olhos logo parando seu olhar ao cavaleiro de áries a sua frente que segura uma banseja com frutas e suco e um sorriso amavel

-dormiu bem ?- Mú a perguntou logo se sentando na berada da cama com um clara respeito , a deusa corou levemente mais logo sorriu

- Sim Senhor…

- Mú - o cavaleiro a interrompeu com um sorriso - por favor , apenas Mú

A deusa sorriu e concordou com a cabeça com gentileza logo começou a desfrutar dos alimentos que o cavaleiro de ouro a havia servido mais logo o silêncio se foi interrompido por uma batida na porta

- quem sera…- mú sussurrou e logo se levantou e com elegancia caminhou até a porta logo a abrindo e logo a pessoa na porta disse :

- mú..



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...