História Nosso Infinito - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alexandre Nero, Giovana Antonelli
Exibições 102
Palavras 1.414
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Essa é uma história fictícia, e que não tem nada a ver com a vida real.

Capítulo 6 - Primeira vez



Uma semana se passou desde o quase assalto e do almoço super produtivo que tiveram com alguns empresários. Gio e Nero estavam cada vez mais próximos, ele estava a levando todos os dias pra casa e no caminho conversavam sobre tudo, tinham muita coisa em comum, inclusive a paixão por música, se Nero ja estava apaixonado ficou ainda mais quando Gio contou que tocava violão, e com ela nao foi diferente, se encantou ainda mais quando descobriu a paixão dele por música. 

- É eu sei que a gente se conhece a só uma semana, mas queria que fosse comigo num bar de um amigo, ele tem um som bom acho que voce iria gostar. - diz tomando coragem a chamando pra sair.
- É... Nero, eu nao sei. - diz com o rosto corado, nao esperava aquele convite
- Ah por favor, olha você pode levar aquela sua amiga que tem nome de fruta. - diz abrindo um largo sorriso vendo a expressão dela ficar aliviada.
- Bom entao nos vamos nesse tal bar, prometo. - diz sorrindo com a lingua entre os dentes.
- Tudo bem então, busco vocês as 23:00 pode ser ? - diz encarando giovanna
- Pode sim, estaremos prontas. - diz deixando a sala do chefe.
- Assim espero. - disse e soltou um sorriso, aliviado por ela ter aceito seu convite.

Ligação on- O viado, bora la no Rota ? - diz quando Joca atende o celular.
- Oopa o Nero de sempre voltou ? É isso mesmo produção ?? - diz zoando o amigo 
- Engraçadinho você né ? Vou levar a Giovanna pra sair, e de brinde vai uma amiga dela, entao voce também vai. - disse sem dar outra opção pro
Amigo.
- Ja vou te avisar que não vou pegar a amiga da sua princesinha não, tenho meus rolos e voce sabe, mas como quero conhecer a mulher que roubou meu amigo eu vou. - diz bufando do outro lado 
- Sabia que não ia me deixar na mão, passo pegar você e vamos pegar elas. - diz encerrando a chamada.Ligação off

O dia passou arrastado para ambos, Gio nervosa pois nao fazia ideia de que roupa iria usar para impressionar o chefe, e mais nervosa ainda porque iria sair com o homem que habita os seus sonhos todas as noites. Alexandre estava ansioso, iria usar de todas as suas armas para conquistar Giovanna, não via a hora da noite chegar.

Casa da Giovanna
- Amora, Alexandre me convidou pra sair, e você vai junto porque eu disse que se você não for eu nao vou, e eu quero ir, isso significa que você vai nao é ?. - diz rapido deixando a amiga tonta.
- Hoje tu chegou com a macaca, alexandre te chamou pra sair, ook um ponto positivo, agora eu ir junto, dois pontos negativos, pow o cara quer sair com você e nao comigo. - diz pra amiga que começa a luta pra escolher um vestido.
- Amora, eu nao vou sair com ele sozinha, nao mesmo, e relaxa que o alexandre disse que um amigo dele vai também.- diz sorrindo sabendo que a amiga mudaria de ideia.
- Me convenceu, mas so vou fazer esse esforço monxtro porque eu te amo viu. - diz gargalhando 
- Bora me ajuda escolher uma roupa.- diz e ali as duas ficam ate estarem prontas.

Casa do Alexandre
- Porra Nero, tu nao vai casar não, é só um barzinho com a mina cara. - diz impaciente esperando o amigo que arrumava o cabelo no espelho.
- Pronto, agora podemos ir. - diz se olhando uma ultima vez antes de deixar o quarto.
Alexandre vestia uma calça jeans azul um pouco surrada, uma camiseta preta e o cabelo num arrumado bagunçado, estava pronto pra ver sua Giovanna. 
Os dois chegam em frente ao apartamento e ele envia um sms para gio.

" Acabamos de chegar, já estão prontas ?" - Nero

" Estamos descendo" - respondeu giovanna .

Nero e Joca desceram do carro e foram ao encontro das duas. Ficaram paralisados com tanta beleza. Giovanna usava um vestido preto feito exclusivamente para ela, as costas um pouco a mostra, um decote nao muito exagerado, um salto da mesma cor do vestido, o cabelo loiro jogado pro lado e nos labios um batom vermelho, perfeita pensou alexandre. Ja Joca nao tirava os olhos de Amora que caminhava sobre os saltos com uma segurança de dar inveja, vestia um vestido azul, com um decote bem avantajado, o cabelo solto, a maquiagem perfeita. Estavam hipnotizados com a beleza das duas que nem perceberam que elas os chamavam, ate que Gio toca o ombro de Nero o tirando do transe.

- Ta tudo bem Alexandre, parece um pouco perdido. - diz reprimindo um sorriso.
- T.. Ta.. ta tudo ótimo, você esta linda, desculpa, vocês estão lindas, Gio esse é o Joca meu amigo. - diz os apresentando e os vendo se cumprimentar.
- Nero essa é a Amora, e amiga esse é o amigo do Nero. - diz dando espaço pra amora se aproximar.
- Bom entao vamos ? - diz puxando Gio para o banco da frente.

O papo flui muito bem durante todo o caminho, na entrada da balada Gio e Amora atrairam todos os olhares deixando os dois amigos com raiva. Joca foi pegar bebidas e levou Amora com ele. Nero e Gio sentaram em uma mesa enquanto esperavam os amigos.
- Obrigado por ter aceito meu convite.- diz nero segurando-a pela mao.
- Me sinto bem perto de você.- diz e corou na mesma hora quando percebeu o sorriso lindo dele pra ela.
- Eu também me sinto. - diz achando a coisa mais linda do mundo ela estar com vergonha.

Amora e Joca se juntaram a mesa e logo nero e gio perceberam que os dois estavam bem íntimos. O papo tava maravilhoso ate que Amora puxa Giovanna pela mão e sai arrastando pra pista de dança. 
Os dois olhavam admirados as duas dançarem, nero estava apaixonado, e joca nunca se sentiu tao de quatro por uma mulher como estava por amora. Estavam curtindo o show ate que alguns caras se aproximaram despertando o ciumes. 

- Vai deixar o cara se esfregar na tua Gio assim ? - perguntou colocando mais lenha na fogueira.
- Não mesmo. - diz e levantou indo ate ela com passos rápidos, sendo seguido por Joca que pegou Amora e deu "o" beijo na mesma. 

Alexandre saiu arrastando Gio pelo braço ate o estacionamento onde a encostou no carro.
- Você quer me matar ? - diz ofegante olhando pra loira.
- Você é louco, sair me arrastando ate aqui pra que ? Eu nao tava fazendo nada demais. Anda Alexandre, me arrastou ate aqui pra que ?- diz impaciente ja um pouco alta pela quantidade de bebida.
- Ja que não vai dizer nada vou voltar pra la dançar. - diz quando ele permanece em silencio.
Ela estava saindo quando ele a puxa fazendo a mesma se chocar contra seu corpo, os olhares se encontrando, as respirações próximas, Nero leva uma das mãos para os cabelos de giovanna e sente aquele aroma marivilhoso, as bocas vao se aproximando, gio espalma as duas mãos no peitoral de Alexandre, ele a encara mais uma vez e enfim os labios se juntam num só, sentem um choque percorrer todo o corpo com aquele contato, alexandre pede passagem com a lingua e giovanna cede no mesmo instante, entao as linguas se encontram e calmamente iniciam uma batalha deliciosa, lenta e intensa, cada um explorando a boca do outro e se perdem, nao existe mais nada, só os dois e aquele beijo que nao uniu somente os lábios, mas uniu a alma, estavam conectados, estavam apaixonados. Pararam o beijo por falta de ar.

- Nero eu... desculp...- diz sendo interrompida por ele
- Nao, por favor nao me diz que isso não poderia ter acontecido, eu espero por isso desde que nos cruzamos naquele aeroporto, desde que voce apareceu no meu escritório e eu te tirei daqueles caras, entao nao diz que foi um erro. - diz com a testa colada a dela a olhando nos olhos.
- Eu também queria, não consigo mais controlar essa vontade de beijar você.  - diz percorrendo os labios dele com a ponta dos dedos.
- Então me beije Giovanna, porque é recíproco. - diz sorrindo pra ela que o beija novamente.
 


Notas Finais


Perdao pela demora amores, ta ai mais um cap enfim o beijo aconteceu.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...