História Nosso segredinho (camren) - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony, Ian Somerhalder, Megan Fox, One Direction, Selena Gomez, Shawn Mendes
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Harry Styles, Ian Somerhalder, Lauren Jauregui, Liam Payne, Megan Fox, Niall Horan, Normani Hamilton, Selena Gomez, Shawn Mendes
Tags Amor, Camren, Ciume, Fifth Harmony, Harry Styles, Hot, Melhores Fanfics, One Direction, Romance, Sexy, Shawn Mendes, Shipper
Exibições 528
Palavras 3.473
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hahaha. Primeiramente obg pelos mais de 100 favoritos vocês são de mais. são lindos, tops, sexys da balada amo muito vocês 😍😍. Agora vão ler.

Capítulo 21 - Primeiro encontro


Fanfic / Fanfiction Nosso segredinho (camren) - Capítulo 21 - Primeiro encontro

            Pov Camila

   Eu acordei com o despertador tocando, me levantei fiz minha higiene matinal olhei no relógio e eram 6:30 da manhã desci até a cozinha e minha mãe e a Sofia estavam lá.

   - Camila - bom dia meus amores.

   - Sinu - bom dia hija.
   -  Sofia - bom dia kaki.

   - Camila - quando o papa vai voltar?

   - Sinu - em três dias.

   - Camila - é pra onde ele foi?

   - Sinu - Paris.

   - Camila - quê? E não me levou? - falei indignada.

   - Sinu - ele foi há trabalho, não a passeio. - ela disse rindo da minha expressão.

   -  Camila - mesmo assim.

   - Sinu - você tem a faculdade.

   - Camila - paris é Paris.

   - Sofia - onde fica isso ai?

   - Camila - na França, minha pequena.

   - Sofia - é muito longe?

   - Camila - bastante.

  Eu tomei meu café junto com minha mãe e a Sofia eu estava radiante pela noite passada depois que terminei peguei meu carro e fui pra faculdade e logo encontrei todo mundo.

    - Camila - bom dia gente.

    - Dinah - bom dia.
    - Harry - bom dia amor.
    - Lauren - ótimo dia.

    - Dinah - a Selena te ligou pra dizer como foi a viagem?

    - Camila - ainda não, depois ela liga.

    - Harry - a Selena e um amor eu adorei ela.

    - Camila - pois é.

    - Lauren - ainda falam dela, pelo amor parem.

    - Harry - tá bom jauregui.

O sinal tocou e eu ia pra minha sala de aula quando senti alguém me puxar.

    - Lauren - preciso falar com você.

    - Camila - pode falar.

    - Lauren - agora não, no intervalo a gente conversa.

   - Camila - tá bom.

  Eu saí dali e fui pra sala, confesso que fiquei muito curiosa pra saber o que a Lauren tem pra me falar, será que ela se arrependeu do que combinamos ontem, não, acho que não, O que será que ela quer me falar, as aulas passaram lentamente e cada vez eu ficava mais aflita pra sair dali e falar logo com a Lauren pra saber o que ela tem pra me dizer, finalmente o sinal tocou e eu saí rapidamente e nem esperei a Dinah.

    - Dinah - ei me espera, vai pegar o trem é?

    - Camila - não só to com pressa.

    - Dinah - vai fazer o que ?

    - Camila - nada.

    - Dinah - então pra que a pressa?

    -  Camila - nada.

    - Dinah - o que você tá aprontando cabello?

    - Camila - relaxa Dinah eu só queria sair logo da sala de aula só isso.

    - Dinah - hum sei.- a Dinah falou e o Harry e a Lauren se aproximaram.

    - Harry - to morrendo de fome.

    - Dinah - eu também.

    - Camila - e quando vocês não tão?

    - Dinah - fecha a buthaca.

    - Harry - vamos comer.

     - Dinah - vamos lá.

    - Lauren - eu não vou, tô sem fome.

    - Camila - eu também.

    - Dinah - então fiquem ai, mais não se matem.

     - Lauren - pode deixar só vou torturar ela um pouco.

    -  Camila - muito engraçada você.

A Dinah e o Harry saíram e finalmente nós ficamos sozinhas.

    - Camila - o que você queria me falar.

    -  Lauren - quero que você esteja pronta hoje a noite as 8:00 horas em ponto.

    - Camila - pra que ?

    - Lauren - não me faça perguntas só me obedeça.

    - Camila - é por que eu faria isso.

    - Lauren - porque eu sei que você ta louca pra saber o que eu tô aprontando.

    - Camila - espero que não me coloque em encrenca.

    - Lauren - tá me chamando de problemática?

    - Camila - eu não falei nada.

    - Lauren - você vai adorar.

    - Camila - espero que você não esteja me trolando e não me deixe arrumada atoa.

    - Lauren - é uma possibilidade!!.

   - Camila - você não é louca fazer isso.

   - Lauren - você duvida?

   - Camila - se você fizer isso eu juro que te mato.

   - Lauren - to morrendo de medo.- ela falou rindo

   - Camila - idiota.

    - Lauren - chata.

Nós paramos de conversar quando o Harry e a Dinah se aproximaram.

   - Dinah  - ai, comi de mais.

   - Harry - eu também.

   - Lauren - vocês dois vão virar duas baleias.

    - Dinah - eu serei sexy eternamente.

    - Camila - vai sonhando.- eu falei rindo.

    - Dinah - você não sabe de nada então cala a boca chancho.

    - Camila - tá bom senhora sexy.

O sinal tocou e nós voltamos para a sala de aula, eu fiquei pensando a aula inteira no que a Lauren estava aprontando, eu não conseguia para de pensar nisso, depois de horas dentro da sala de aula finalmente nós saímos e já estávamos liberados.

                Pov Lauren

   Depois da noite de ontem resolvi fazer um surpresa para a Camila então fiz um convite na verdade foi más uma ordem porque eu não pedi eu mandei, eu sabia que ela não iria resistir a curiosidade então fiz mistério só pra torturar ela um pouco e no intervalo eu finalmente Falei com ela, ela ficou meio desconfiada más disse que iria fazer o que eu pedi, depois que o Sinal tocou para avisar que já estávamos liberados eu saí rumo ao pátio e logo vi a Camila com a Dinah, o Harry vinha logo atras de mim.

    - Dinah - Camila vou pra sua casa então vamos logo.

    - Camila - tá bom.

    - Lauren - pra onde vocês estão indo? - eu falei me aproximando delas.

    - Dinah - casa da Camila, quer vir?.- a Camila me olhou espantada.

    - Lauren - não deixa pra outra hora. - eu falei rindo.

    -  Dinah - tá bom.

    - Harry - porque você não me esperou ? - ele falou se aproximando de mim.

    - Lauren - foi mal eu nem me liguei.

     - Harry - é, ultimamente você tá muito estranha.

    - Lauren - to normal.

    - Dinah - então gente nós já vamos indo, tchau.

    - Lauren - tchau.
    - Harry - tchau.

    - Lauren - vamos pra minha casa.

    - Harry - vamos.

Eu e o Harry fomos para minha casa chegando lá eu subi para o meu quarto e o Harry ficou na sala me esperando, eu me troquei e depois desci.

   - Harry - vamos pro Jardim.

   - Lauren - vamos.

Nós fomos para o Jardim e nos sentamos um de frente pro outro.

    - Harry - sabe, acho que você e a   Camila já estão se entendendo.

    - Lauren - digamos que já nos suportamos.

    - Harry - que bom, e você tá bem estranha.

    - Lauren - de novo isso ? Eu não tô estranha.

    - Harry - tá Sim, utimamemnte você anda mais bem humorada mais sorridente.

    - Lauren - será que nem ser feliz eu posso.

    -  Harry - claro que pode, e não só pode como deve, mais é que quando a Selena estava aqui você tava sempre de mal humor.

   - Lauren - porque vocês não paravam de falar nela.

   - Harry - só por isso?

    - Lauren - Sim, eu ja tava de saco cheio.

    - Harry - sei.
 
    - Lauren - você fala de mim mais eu também percebi que você tá estranho.

    - Harry - estranho como?

    - Lauren - sabe quando um cara fica com cara de idota apaixonado? é assim que você tá.

    - Harry - sério?

    - Lauren - Sim, você tá gostando de alguém?

    - Harry - eu não sei direito, não tenho certeza.

    - Lauren - e quem é a sortuda?

    - Harry - eu não vou falar nada por enquanto, primeiro quero ter certeza do que sinto.

    - Lauren - vai ficar de frescura comigo?

    - Harry - sim.  - ele falou rindo.

    - Lauren - é injusto. - falei com voz de bebê e fiz bico.

    - Harry - adoro quando você faz isso.

    - Lauren - então não faço mais.

    - Harry - por que?

    - Lauren - porque você gosta.- eu falei e dei uma tapa na cabeça dele.

Eu e o Harry ficamos a tarde intera conversando sobre assuntos aleatórios mesmo assim todos eles sempre tinham a Camila no meio e isso era muito estranho, quando deu 7:00 o Harry foi pra casa dele e eu fui me preparar para me encontrar com a Camila, fui para o meu quarto tomei um banho de uns 30 minutos e depois saí, me troquei eu vesti uma calça rasgada e um blusa curta com minha jaqueta de couro preta fiz uma maquiagem básica não muito pesada e já estava pronta. desci até a garagem peguei meu carro e fui rumo a casa da Camila.

               Pov Camila

  Depois que eu saí da escola fui com a Dinah para minha casa nós passamos a tarde inteira juntas quando já estava anoitecendo ela foi pra casa dela e eu fui me preparar para ver a Lauren, então fui até o banheiro tomei um banho demorando passei meu creme corporal e vesti minhas roupas, eu estava com um vestido solto mais não muito, fiz uma maquiagem não muito forte mais destaquei minha boca com um batom vermelho e depois desci para sala, após uns 20 minutos esperando escutei uma buzina de carro então saí para fora e era a Lauren, eu em despedi da minha mãe e falei que iria sair com uma amiga então fui até o carro da lauren.

   - Lauren - demorei?

   - Camila - só um pouco - falei sorrindo de leve.

    - Lauren - vamos.

    - Camila - pra onde você vai me levar?

    - Lauren - você saberá quando chegarmos.

    - Camila - tá bom.

Eu entrei no carro e a Lauren seguiu o caminho e logo depois estávamos de frente ao cinema nós descemos do carro e entramos.

    - Camila - isso é um encontro ou é impressão minha?

   - Lauren - você só percebeu agora? Ta muito lerdinha.

    - Camila - não começa.

    - Lauren - que filme você quer ver?

    - Camila - qualquer um menos terror.

    - Lauren - então vamos ver terror.

    - Camila - há não. - eu falei fazendo bico.

    - Lauren - to brincado sua boba.

    - Camila - que tal aquele ali.

    - Lauren - pode ser.

A Lauren pagou as entradas e todos os lanches que pegamos e então entramos na sala, tinha bastante pessoas e nós decidimos nos sentar afastadas delas, nos sentamos no fundo não tinha ninguém lá só a gente logo depois que nos acomodamos o filme começou.

    - Lauren - de que é esse filme ? - ela falou baixinho.

    - Camila - romance.

    - Lauren -sério que você escolheu romance aff Camila.

    - Camila - para de reclamar e assiste.

Nós ficamos horas lá sentada vendo o filme na verdade a gente falava mais do que assistia e a Lauren não parava de reclamar.

    - Lauren - isso tá intediante.

    - Camila - nada do seu lado é intediante. -Falei sem perceber.

    - Lauren - o que você disse?

    - Camila - que.... tudo com você é intediante.

    - Lauren - não foi isso não. - ela falou rindo de leve.

    - Camila - Shiu, assiste o filme.
A Lauren parou de reclamar e eu deitei minha cabeça no ombro dela e ficamos assim o filme inteiro depois de duas horas o filme finalmente acabou e nós saímos da sala.

    - Lauren - passar o dia deitada é menos intediante que o filme que você escolheu.

    - Camila - não me culpe, eu nunca vi esse filme.

    - Lauren - tá bom vou dar um desconto, agora vem.

   - Camila - pra onde ?

   - Lauren - para de pergunta.

   - Camila - mais é que eu quero saber.

   - Lauren - você vai saber quando chegarmos.

    - Camila - eu não deveria confiar tanto em você.

    - Lauren - mesmo assim confia, agora vem.

    - Camila - tá bom.
Eu entrei no carro e rapidamente já estávamos em uma sorveteria a Lauren desceu do carro e me chamou.

    - Lauren - vem.

    - Camila - sorvete uma hora dessas?

    - Lauren - pra refrescar.

   - Camila - mais eu tô congelando de frio.

    - Lauren - pra virar pinguim então. - ela falou e eu ri, nós entramos na sorveteria e nos sentamos.

     - Lauren - que sabor você vai querer?

    - Camila - chocolate e você.

    - Lauren - morango, não gosto de chocolate.

    - Camila - você deve ter sérios problemas mentais pra não gosta de chocolate.

    - Lauren - devo ter mesmo porque te convidei pra sair.

A Lauren fez os pedidos e logo depois  trouxeram os sorvetes, nós ficamos comendo até que a Lauren resolveu passar sorvete na minha cara.

    - Camila - sua louca. - falei rindo.

    - Lauren - é pra dar um charme.

    - Camila - há é? - passei sorvete nela também.

    - Lauren - ei não Vale.

    - Camila - vale sim.

    - Lauren - então tá - ela me sujou de sorvete de novo e nós ficamos feito duas crianças até o nosso sorvete acabar e nós ficarmos toda meladas , a Lauren pagou os sorvetes e nós saímos de lá.

    - Camila - vamos pra praia?

    - Lauren - quê?

   -  Camila - vamos pra praia assim a gente pode se limpar e admirar a paisagem, a praia fica ainda mais linda a noite, vamos...

    - Lauren - tá bom.
Eu saí junto com a Camila a gente foi a pé porque era perto chegamos e nos sentamos na areia.

    - Lauren - tá com frio?

    - Camila - um pouco.

   - Lauren - toma. - ela falou e meu deu a jaqueta dela.

    - Camila - obrigado. - Ela chegou mais perto.

    - Lauren - de nada, então gostou da surpresa?

    -  Camila - Muito, a melhor que eu já tive.

    - Lauren - ela ainda pode ficar melhor.

    - Camila - pode?

    - Lauren - Sim - ela falou e beijou.

    - Camila - a gente tá na praia as pessoas pode ver.

    - Lauren - não tem ninguém aqui, só a gente, relaxa ninguém vai ver nada.

    - Camila - tá bom.
Ela tomou novamente minha boca com um beijo lento e gostoso e foi me deitando na areia, quando percebi ela já estava sobre mim, ela passava sua mão por todo o meu corpo me fazendo ficar totalmente arrepiada, eu não consigo explicar o que eu sinto quando ela me toca eu nunca senti isso por ninguém nem com nem Um cara que eu fique ou com a Selena, cada beijo, cada toque era como se fosse a primeira vez, ela começou chupar meu pescoço e ficou fazendo isso por vários segundos depois me beijou novamente.

    - Camila - tudo isso é tão incrível. - falei em um sussurro.

    - Lauren - você é incrível !! quanto mais eu estou com você mais necessito da sua presença, não consigo entender.

    - Camila - eu sinto o mesmo.

    - Lauren - então não fala mais nada.

Novamente nos beijamos com mais fúria com mais intensidade a Lauren foi tirando minha roupa e quando percebi já estava totalmente desnuda ela percorria todo meu corpo com suas mão, desceu seus beijos até o meu pescoço e chupou Devagar, continuou descendo seu beijos por todo meu corpo e cada beijo era uma sensação nova um arrepio novo e cada vez eu ficava mais louca, quando chegou no meu sexo ela abriu totalmente minhas pernas e beijou ao redor da minha virilha, ela me torturava fazendo e eu fui ficando desesperada para que ela me chupasse logo eu puxei seus cabelos e ela estendeu o recado e logo fez, ela me chupou vagarosamente me fazendo gemer a cada chupada, eu já estava totalmente entregue e cada vez mais exitada então ela me penetrou devagar e continuou com esses movimentos e cada vez mais eu gemia mais alto e a excitação já tomava todo o meu corpo, ela começou fazer movimentos mais rápidos e eu já não aguentava mais e logo gozei, então enverti nossas posições ficando agora por cima dela.

   - Camila - agora você vai ser minha. - falei e fui logo beijando ela é tirando toda sua roupa e quando ela estava totalmente sem roupa eu a olhei dos pés à cabeça e vi a mulher mais maravilhosa desse mundo embaixo de mim totalmente entregue a mim e logo o desejo me tomou novamente e a beijei como jamais avia beijado alguém, levei minha boca até sua orelha e sussurrei coisas sujas para exitar ainda mais ela e acho que funcionou, então chupei seu pescoço e desci pelo seu corpo deixando várias marcas fui até seu sexo e chupei sem nem um frescura, eu só queria saborear aquela corpo maravilhoso chupei ela até deixá-la em total êxtase e a penetrei, fiz movimentos rápidos e forte penetrando ela cada dez mais forte e senti seu corpo tremer e logo em seguida o seu gozo veio em minha boca, eu o chupei inteiro e subi até sua boca.

     - Camila - está noite não poderia ser mais perfeita.

    - Lauren - nada é melhor do que estar com você.

Nós vestimos nossas roupas e nos sentamos, a lua estava brilhando muito o céu estava estrelado e a noite perfeita, nos deitamos juntas e ficamos abraçadas por vários minutos até que me lembrei que já estava tarde e eu tinha que voltar pra casa.

    - Camila - Lauren tenho que voltar já é muito tarde.

    - Lauren - eu esqueci totalmente do tempo.

   - Camila - eu também mais agora temos que ir, a minha mãe vai me matar.
 
   - Lauren - eu explico pra ela.

   - Camila - isso não vai ajudar muito.

   - Lauren - mesmo assim.

Nós levantamos e fomos até o carro que estava perto da sorveteria e seguimos com até minha casa, já era 11:40 quando chegamos e minha mãe estava me esperando.

    - Sinu - Belo horário mocinha.

    - Camila - descupa mama.

   - Lauren - senhora, a culpa foi minha, é que nos divertimos tanto que nem percebemos o tempo passar más não se preocupe ela está perfeitamente bem eu cuidei dela direitinho.

    - Sinu - está bem, dessa vez vou perdoar, E obrigado por ter cuidado da minha filha. - minha mãe falou gentilmente.

   - Lauren - não foi nada senhora, a Camila e um garota maravilhosa. - ela respondeu da mesma forma.

    - Sinu - vamos deixar o senhora de lado.

    - Lauren - está bem...

   - Sinu - Sinu. - minha mãe disse.

    - Lauren - ok sinu.

    - Sinu - já está na hora de dormir amanhã vocês tem aula, você não prefere ficar aqui essa noite? Já é muito tarde.

     - Lauren - não se preocupe eu vou ficar bem.

   - Sinu - eu insisto.

    - Lauren - realmente tenho que ir mais prometo que voltarei.

    - Sinu - espero que sim.

    - Lauren - tenho que ir, tchau Camila, tchau sinu.

   - Camila - tchau.
   - Sinu - tchau e vá devagar.

    - Lauren - pode deixar. - Ela sorriu e foi embora.

Eu subi para o meu quarto e peguei no sono rapidamente.


Notas Finais


Chickens, se preparem porque momentos tensos viram e vai ter muito tiro.👅👅 boa noite.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...