História Not over yet- Neutral ending (Sans x Frisk) - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Flowey, Frisk, Mettaton, Napstablook, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags Alphyne, Asgoriel, Chariel, Frans, Sanrisk, Sansxfrisk, Undertale
Exibições 127
Palavras 1.064
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


*"M PQ VC SÓ POSTOU CAP AGR!?" Pq eu estava escrevendo cap e a energia caiu... EU NÃO TINHA SALVADO!
*(Sim fui eu que fiz a imagem e sim, eu sei que ficou uma bosta... O MEU LANCE NÃO É DIGITALIZAR GENTE DESCULPA!)
*Enfim... agr tem cap... Fiquem com ele!

Capítulo 26 - Perseverance and bravery


Fanfic / Fanfiction Not over yet- Neutral ending (Sans x Frisk) - Capítulo 26 - Perseverance and bravery

   “ELE ESTA ATRAS DE MIM! EU – a pagina agora continha uma imensa mancha de sangue, que atravessava vários papeis a diante”

 

->->-> Alguns anos atrás <-<-<-

 

— Fred, Fred... É um grande nerd! — Cantavam alguns garotos enquanto tacavam pedras em um menino escorado na parede. Algumas crianças riam já outras apenas observavam.

—P-por favor... M-me deixem e-em ahhh — O maior dos valentões pegou Fred pela gola e fez o garoto olhar para ele. Enquanto o maior segurava Fred, outro pegava os óculos do menino — N-não, por favor! Os óculos não! — Olharam com deboche para o garoto que estava quase chorando de desespero e “acidentalmente” deixaram os óculos caírem no chão, deixando suas lentes rachadas. O maior colocou Fred contra a parede pressionando seu peito com um braço e distanciando seu punho com o outro para lhe dar um murro.

—deixem ele em paz! —uma menina se colocou a frente do garoto. Ela tinha longos cabelos cacheados cor loiro escuro (existe? sei la! :p) suas sardas e olhos dourados enfeitavam seu rosto, que continha uma expressão brava e seria. Usava luvas da cor rosa e uma blusa amarela com um short azul escuro. A menina encarava os valentões com fúria, porem nao se amedrontaram com a garota que era apenas dois centímetros mais baixos que o denominado por eles: "nerd"

—Hahahaha, e quem vai nos parar? Você? — Disse o valentão. A menina fechou seus punhos e acertou um golpe no estomago do garoto o fazendo se encolher e colocar seus braços em volta da barriga, ela era forte para o seu tamanho. Em seguida a garota pegou Fred pelo braço e correu até despistar os garotos maus. Recuperaram o fôlego e só então se encararam.

—Você ta bem?  — Disse a menina ainda tentando recuperar o fôlego.

—Sim... O-obrigado — Falou ofegante.

—De nada... — Se sentou no chão do lado do garoto — Por que eles estavam te atacando?

—E-eu não sei... — Falou um pouco triste — E-eles começaram a me cercar e-e...

—Você podia ter se defendido. — O garoto apenas olhou para o lado tristonho. A menina então querendo mudar de assunto perguntou — Você enxerga sem seus óculos?

 —Não... Mas eu consigo me virar...  — A garota observando os movimentos do outro pergunta.

—Quantos anos você tem?

—O-o-onze... — Disse tímido.

—Tem a mesma idade que eu... Nunca te vi na classe...

—E-e-eu estou algumas series adiantado...

—Tipo... ?

—Estou no oitavo ano.

—Nossa! Você deve ser muito inteligente.

—U-uh...

—E esse caderno? — Falou apontando para o objeto que segurava.

—S-são só algumas anotações que- que faço...

—Posso ver? — O menino entregou. A garota folheou o caderno vendo que só tinha anotações — Você anota tudo que vê?

—Tudo que acho interessante...

—Huh... — Devolveu o caderno — Ravena — Estendeu a mão ao colega.

—-H-huh? — Parecia confuso.

—Meu nome é Ravena!

—A-ah! F-fred! — Disse apertando a mão da garota — V-você não parece ser uma garota que aprecia rosa... — Disse forçando a visão para tentar focar nas luvas que a garota usava. A menina tirou seu braço violentamente.

—Minha mãe comprou... Eu não queria dessa cor, mas ela me obrigou a usar.

—M-meu pai comprou uma coisa pra mim que eu não uso também...

—Serio? O que? — Perguntou curiosa.

—I-isso... — Pegou de seu bolso uma bandana da cor laranja.

—Uau! — Olhou admirada para o objeto.

—N-não gosto muito... E-e laranja não é muito a minha cor... — A menina olhou o garoto de cabelos castanhos e camisa roxa, confirmando a fala do outro. A menina ainda babava vendo o objeto que o outro segurava, Fred vendo isso perguntou — Quer? — A menina olhou para ele surpresa — Se você quiser... É sua... — O garoto se afastou um pouco e ficou atrás dela em seguida colocando a bandana — Pronto! — O menino foi surpreendido por um abraço da outra.

— Valeu! — O menino corou um pouco com a atitude da garota, mas se recuperou logo em seguida.

   As crianças ficaram um tempo conversando até irem para casa. Fred se levantou e andou tentando se encontrar. Andava tateando tudo. Sua casa era perto do mont então ao sentir algumas arvores e o chão um pouco inclinado concluiu que estava na direção certa. Porém após uma longa subida se encontrou em uma caverna... Com um buraco no centro...

—FREEEEEEEEED! — A garota, que seguia Fred escondida, gritou ao ver o amigo cair, se desequilibrou ao chegar perto do buraco e caiu também. Os dois se encontraram em um lugar totalmente novo. Conheceram uma monstra chamada Toriel que os guiou pelas ruínas. As crianças não confiaram nela de primeira, mas começaram a ceder conforme ia falando. Os dias iam passando e eles iam se acostumando com a sua nova vida no Underground.

...

—O que foi? — Disse Fred.

—Toma — Entregou os óculos.

—O-o que?

—Eu achei ele e voltei pra te devolver... Mas a gente caiu aqui e eu decidi consertar... — O garoto colocou seus óculos.

—Uou! To enxergando agora! Como conseguiu acertar grau?

—Toriel me ajudou!

—Obrigado — Abraçou.

...

   Os meses iam se passando e cada vez mais as crianças ficavam entediadas nas ruínas, até que finalmente criaram coragem e pediram a Toriel para os deixareles irem. Toriel muito contrariada aceitou e deixou as crianças partirem.

—Certo, agora, por favor! Não ataque nenhum monstro — Pediu Fred.

—Qual é! Eu só vou atacar se me atacar! — Disse andando pela neve — EI ESPERA AI! MINHA BANDANA! — O vento levava a bandana de Ravena embora, enquanto a menina corria para alcançar.

—Ei espera ai! É só uma bandana — Falou Fred parando em frente a Ravena.

—Isso tem valor sentimental pra mim! — Retrucou.

—Mas quem te deu isso fui eu! — A garota corou um pouco e ficou paralisada, até observar sua bandana com um monstro.

—Ei, devolva isso! — Entrou em modo de batalha. Ravena não estava acostumada com esse tipo de monstro, eles eram muito mais fortes que os monstros das ruínas, mas ela se encheu de bravura... Não foi o suficiente.

—RAVENAAAAAA — Fred correu em direção ao corpo da garota que caia pra trás — Não, não, não! Por favor, acorde, por favor, acorde — Não ouve resposta... O garoto começou a chorar, ele sabia que sua amiga não voltaria, ele sabia que agora ele estava sozinho e isso apenas fez com que o medo tomasse conta dele. Toda vez que um monstro se aproximava ele atacava e vencia, apenas por medo. Foi assim até chegar a Hotland, mas para o azar dele... Alguém soube do que ele fez...


Notas Finais


*Eu tava aqui pensando... Vc ja percebeu que tipo "grossa" é um critica, e a expressão "gente fina" é pq tipo a pessoa é gentil e fino é o contrario de grosso e ja que uma pessoa grossa é alguém mal educado e uma pessoa fina é alguém legal e gentil dai fizeram isso pq são opostos? .... Ta desculpa...
*Desculpa o leve shipp ai tbm, é pq eu tava escrevendo dai eu comecei a shippar os dois e foi...
*Vejo vcs domingo! (N sei se vai ter desafio, mas provavelmente vai)

Flw!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...