História Notice mi Hyung - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jungguk Viaja, Namjin, Taeminseok, Yoonkook
Exibições 236
Palavras 3.112
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Fantasia, Lemon, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá...

Capítulo 1 - Coelhinho punheteiro


Fanfic / Fanfiction Notice mi Hyung - Capítulo 1 - Coelhinho punheteiro

                                         Kookie Pv On

Era mais um dia extremamente cansativo em minha vidinha de idol, eu estava exausto, mas mesmo assim minha mente insistia em me pregar peças.

Já fazia um tempo que eu vinha me sentindo estranho em relação a algumas coisas, ou melhor em relação a um certo alguém.

E desde então eu não posso ficar mais de alguns minutos com a mente desocupada que ele aparece em meus pensamentos para me roubar a paz, eu estava cansado disso precisava resolver as coisas com meu hyung o mais rápido possível. 

Mas ai que ta o problema, Yoongi - Hyung nunca me daria moral, pra ele eu sempre seria maknae  fofo e indefeso, a criança que ele praticamente ajudou a criar, isso era péssimo, eu não queria que ele me visse como o maknae fofo e inocente, eu queria ser visto como um homem!

Poxa eu sou um Kidol amado e desejado por milhares e logo a pessoa que eu queria na minha cama ( de preferencia nú e me fodendo com força) me vê apenas como uma criança, isso chega a ser trágico, logo eu, o golden maknae caindo de amores por meu hyung ranzinza.

Só pode ser carma ruim, serio não tem outra explicação.

                 por que senhor @deus por que? de todas as pessoas do mundo por que logo ele ?

Sim sou dramático e ser reclamar ainda choro!

Quando a van parou na entrada do nosso prédio desci correndo nem dando atenção ao nosso hyung, eu só queria chegar logo no nosso dormitório e me trancar no meu quarto pra resolver certo probleminha ocasionado pelo excesso de tempo que passo pensando no possível tamanho do meu amado hyung (se é que me entende)

Eu pareço até um tarado, mas não sou (talvez eu seja, mas não vou admitir) eu só quero muito, muito mesmo dá pra ele... tá isso soou muito pervertido, dane - se.

Olha podem chamar do que quiser, fogo na raba, hormônios em ebulição, puberdade, não importa qualquer uma serve, mas ninguém entende como é difícil pra mim ficar o dia todo ao lado desse homem, gente não dá a carne é fraca e tem uma hora que você não aguenta, ou você ataca o boy ou passa a agir feito um louco stalker punheteiro.

Obviamente eu escolhi a segunda opção, afinal é de Min Yoongi que estamos falando, seu eu desse a louca e pulasse no colo dele gritando algo como "Notice me senpai" ou "me fode com força Daddy" com certeza eu ia receber algo com força, mas não seria o pau grosso dele em mim e sim umas palmadas em minha bunda... não que eu fosse reclamar ou não gostar, mas seria meio difícil me explicar depois.

- PORRA JEON, DE NOVO ?!?!?!?!

sou tirado brutalmente de meus pensamentos pervertidos por Park Jimin, também conhecido como o chato pentelho colega de quarto que sempre chega em momentos inapropriados.

- Aish, grita mais alto idiota ninguém te ouviu merda.

- Quando você vai para de fazer essas suas homenagens pro nosso hyung ? e outra pergunta por que diabos você não tranca a porta pra fazer isso seu infeliz? assim pelo menos vou saber que não devo entrar aqui merda.

Meu Gdeuz como essa criatura é chata, e sim ele sabia do pequeno abismo colossal quue eu tinha pelo MEU hyung, e ele nem podia falar nada porquê 'tava metido em um relacionamento meio loko com o Tae e o Hobi hyung, não me pergunte mas algo me diz que ele é o recheio do sanduíche.

- Meu hyung vamos deixar claro a quem ele pertence né querida - sim tenho ciumes do que nem é meu, triste vida de quem gosta de fazer papel de trouxa - e não fechei a porta porque 'tava com a mão ocupada. 

A cara de nojo do hyung era engraçada, eu até mostraria o meu júnior pra ele, mas eu tenho um lance chamado amor a vida , seu eu fizesse isso com certeza ele ia dramatizar a situação toda pros namorados dele (porquê se tem alguém mais dramático que eu, esse alguém é Park Jimin) ai os namoradinhos dele iam vir  pra cima de mim por tentar seduzir o pigmeu da bunda grande.

- Credo garoto - aaah quanto drama

- Aish Jimin, até parece que nunca fez isso - eu já estava começando a me irritar com ele.

- Não com a porta aberta pra qualquer um entrar aqui e ver seu troxa!

- Já acabou hyung ?  eu ainda tenho um problema pra resolver e você 'tá me atrapalhado

Jiminnie Hyung apenas fez uma cara de puro nojo antes de sair batendo a porta com força, enquanto gritava que ia contar pro Jin Omma e pro Appa Joon, que eu era um pervertido e que não queria mais dividir o quarto comigo.

Eu meti o foda - se e me joguei na minha cama voltando a fazer o que eu fazia antes, até lembrar de um fato importante que me fez levantar da cama em um pulo.

                                               Taehyung e Hoseok dividiam o quarto com o Yoongi

A divisão dos quartos aconteceu antes deles começarem com esse triangulo amoroso doido, e até então nenhum deles tinham sequer pensado na possibilidade de trocar de quarto... até agora.

Eu tratei de sair correndo do meu quarto procurando pelo meu hyung tão amado, eu tinha que convencer ele de que essa era uma ideia idiota antes que ele descubra os privilégios de dividir o quarto com seus namorados, Jimin era meio... lentinho, então ele ainda não tinha se tocado dessas tais vantagens, e minha missão é impedir ele de descobri - los. 

Não que eu não quisesse meu hyung feliz com os namorados dele num quarto só pra eles, eu queria! mas não agora, eu não saberia lidar com o fato do meu senpai estar dormindo na cama ao lado, e se no meio da noite eu quisesse bater uma cheirando as roupas dele, e ele acorda 'O' seria a pior coisa que poderia me acontecer.

- JIMIN HYUNG, HYUNG VAMOS CONVERSAR COMO PESSOAS CIVILIZADA - eu cheguei na sala gritando feito um desesperado e pedindo pra ser civilizado.

-  MOLEQUE NÃO GRITA !! - olha as ironias do destino né, me manda parar de gritar gritando, ta certinho Omma, claro que eu só pensei isso ainda tenho amor a minha língua e pretendo passar mais alguns anos da minha vida usando ela (lamber a pele branquinha do meu hyung seria uma das coisas que eu ainda quero fazer 

- Foi mal ... Hyung a gente pode conversar ? por favorzinho *3* - eu tentei fazer uma carinha fofa pra tentar convencer ele, mas pela careta dele não rolo

- Não faz bico que 'tu fica parecendo um pato! e não, a gente não pode conversar.

Fdp, pato é sua mãe carai, vou levar essa ofensa pra vida, deixa esse pigmeu ele vai precisar de mim um dia, ah se vai... vingança é um prato que se come quente (comida fria me dá soluço)

- Eu posso saber o que deu e vocês dois ? por que todo esse escândalo?  e Kookie por que diabos a sua calça está aberta ?

Adivinha quem acabou de morrer de vergonha, isso mesmo fui eu...

- Eu estava indo tomar banho ... - essa foi a melhor desculpa que eu arrumei com todos eles me encarando, deu um bugg no cerébro, não trabalho bem sob pressão socorro ney!!!!!!!

- Mentira, é tudo mentira Hyung's !!! esse garoto é um ... - eu não deixei ele terminar, pulei em cima daquele anão tapando sua boca com minha mão.

Ele se debatia em meus braços como um peixe fora d'água, nós dois caimos no chão, eu tentando calar a boca dele e ele tentando se livrar de mim, até que esse filho de uma boa mulher digna e direita, me deu uma joelhada, sim senhoras e senhores, Park Jimin acaba de me agredir.

Eu cai pro lado saindo de cima dele com meus lindos olhinhos cheios de lagrimas.

- Doeu :'(

- Era pra doer mesmo, não toca em mim com essa mão suja de gala seu porra - ele me xingava enquanto esfregava a camiseta nos lábios com cara de nojo feat. vou te matar

- Dá pra vocês explicarem de uma vez o que esta acontecendo aqui ? - Appa Joon falou com uma cara de muito poucos amigos.

- O que 'tá acontecendo é o seguinte: EU NÃO AGUENTO MAIS ESSE PENTELHO!! - ele berrou olhando e apontando para mim, eu que sou o pentelho né empata punheta -3-)*

-  Jimin não grita e explica o que 'ta acontecendo com calma - Hope Hyung falou com toda a calma que aparentemente os outros já não tinham mais 

- Acontece que eu quero trocar de quarto bae - começou o drama - eu sou um hyung tão legal, tudo que ele que eu dou, shift... - até fingir que chora a criatura finge - e tudo que eu peço bae é que ele tranque a merda da porta quando ele for ... hããã se tocar...? - meu deus como é sínico a segundos atrás estava me xingando e agora fazendo a santa.

- Toda vez que eu entro no quarto pra tomar meu banho e tirar meu soninho, ele ta lá feito um louco gemendo o nome do, AAAAAARG FILHO DA PUTAA - não deixei ele terminar, chutei a canela dele com força, parece que o jogo virou né.

- Aqui ninguém trabalha com nomes Park - fiz minha melhor pose de fodão enquanto encarava ele.

- Filho de uma pata, vou te matar - eita k-ú, ele veio pra cima de minha ilustre pessoa, pensei que ia morrer! só que nada aconteceu, porquê meu super herói sem capa denominado Min Yoongi não deixou ele me espancar, quase suspirei de emoçã1

- Chega vocês dois, se o problema é trocar de quarto eu troco.

 Eu até ficaria feliz de não ter mais que dividir o quarto com o Jimin, ele reclama de mim mas também não é a melhor companhia do mundo, mas ter que dividir o quarto com o senpai não ia ser legal.

Eu encarei meus Hyung's e percebi que nada do que eu dissesse ia fazer eles mudarem de ideia, eu quis chorar, que carma...

- Boa sorte Hyung - Jimin tinha um sorrisinho bem filho da puta no rosto, sinal de que ele ia aprontar - e cuidado pra não ser abusado durante a noite

Sabia  que essa naja ia falar alguma coisa, eu queria jogar esse pigmeu pela janela, mas no momento estou paralisado rezando pra que o hyung não tenha entendido a referencia.

-  Sem brincadeiras Jimin - hyung 'tava com sua tipica cara de tédio, menos mau - Já que são vocês que querem trocar de quarto, vão tirar minhas coisas de lá e colocar no meu novo quarto.

Ele falou com uma cara que deixava claro que não queria ouvir reclamação, eu e o pigmeu apenas fomos fazer o que ele mandou resmungando e xingando baixo.

 

Demorou um pouco mais eu e o Jiminnie conseguimos arrumar tudo, e tudo que eu queria era cai na minha cama e dormir até tarde. Amanhã graças a meu bom chefe 'tó de folga.

Fui pro meu quarto todo saltitante eu finalmente poderia tomar meu banho e dormir, estava tarde todos os outros já tinham se recolhido só faltava eu. Mas como diz o ditado "alegria de pobre dura pouco" e antes que me perguntem, eu sou rico só de beleza, meu dinheiro ta todo no banco e eu nem posso mexer nele, os hyung's fazem isso porquê dizem que se deixarem eu gasto todo meu dinheiro com bobagens, o que é uma grave calunia eu nunca faria isso... quer dizer, eu nunca faria isso de novo, não é só porquê eu gastei todo meu dinheiro uma vez com acessórios do iron man que eu vou fazer de novo. Eu aprendi a lição eu juro *-*)

Mas como eu estava dizendo antes, alegria de pobre dura bem pouco mesmo, eu entrei no meu quarto todo pimpão cheio das felicidades por poder dormir até tarde amanhã e quase morri do coração.

Yoongi hyung 'tava peladão em frente ao guarda roupa, puta que me pariu um ovo, @deus me segura e avisa a Ludmila que é hoje senhor, é hoje que eu morro de ataque cardíaco, minha santa Sehuna que homem é esse, quando Min Yoongi foi feito os pais dele estavam inspirados, muito inspirados.

Quando digo que alegria de pobre dura pouco estou falando serio, eu nem tive muito tempo pra apreciar toda aquela perfeição, ele se vestiu e eu fique parado mongando e pensando em como a bundinha dele é branquinha e empinadinha, minha vontade era de dar um tapa nela, seria o senhor tapa, eu queria marcar naquela pele tão branca meus cinco dedos da mão direita ficaria tão bonito. 
Mas depois eu teria que correr para o hospital, porquê com toda a certeza perderia minha mão (._. 

- O que foi garoto, tá olhando o que ?

Quando voltei a realidade o Hyung já estava todo vestido e me encarando, eu queria enfiar minha cabeça num buraco, nossa estadia no mesmo ambiente já 'tava começando errado, esse homem não pretende ficar desfilando pelado não né?.

Pelo que ouvi dizer ( V-Hyung me contou) ele até gosta de ficar peladão, mas só de vez em quando, quando está sozinho e na maioria das vezes em seu estúdio, e agora eu meio que entendo porquê ninguém pode entrar lá.

Eu até entendo meu hyung, ficar pelado é muito bom, por mim eu ficaria pelado o tempo inteiro...

Como o Suga entendeu que eu não o responderia e o máximo que faria era olhar pra cara dele feito um idiota, ele resolveu me ignorar, colocou os fones de ouvido deitou na cama e passou a fingir que eu não estava ali... magoou.

Vendo que ele não ia me dar a mínima atenção, eu peguei minha roupas e fui banhar, eu esperei o dia todo por esse banho, estava louco pra relaxar na água quentinha.

Depois de tirar toda minha roupa me joguei em baixo da cascata de água... sabe aquele lance de banho quente ? então não rolou. O chuveiro estava frio!! frio, quem diabos toma banho frio poha? 

                                                                MIN YOONGI toma banho frio!

Eu nunca vou entender quem gosta de banhos frios, eu particularmente detesto, é horrível e você ainda pode acabar doente, mas meu Hyung tinha que ser o diferentão que ama banhos frios dias de chuva e café sem açúcar, ele precisava ser o total oposto de 90% da humanidade senão ele não seria feliz.

Mudei a temperatura do chuveiro depois de muto xingar e finalmente pude ter meu tão esperado banho quente.

 Enquanto me banhava passei a pensar no meu hyung, não que eu quisesse pensar nele, eu não queria, mas era algo automático eu não conseguiria evitar nem se quisesse, sonhar com ele e desejar ele já era natural eu estava sempre fazendo isso.

Comecei a imaginar suas mãos passeando por todo meu corpo, seus dedos acariciando minha  pele, seus beijos por todo meu corpo molhado, deixei um curto suspiro escapar por meus lábios, seria tudo tão gostoso se meu senpai me notasse.

Eu sentia meu membro duro latejar , mas eu gostava de me torturar, em vez de envolve -lo de uma vez e me masturbar como eu vinha querendo fazer desde que cheguei em casa, eu resolvi brincar um pouco mais com meu corpo.

Meus dedos trassavam caminhos imaginários por toda minha pele exposta e arrepiada, tocando meus pontos de prazer, me fazendo suspirar e gemer baixinho, imaginava as mãos dele, seu corpo colado ao meu, sentia meu membro latejar em desejo.

- Y- yoongi - eu gemi seu nome quando finalmente minha destra alcançou meu pênis necessitado

Meus movimentos eram lentos no inicio, eu buscava aproveitar o máximo meu momento de prazer e delírio, era bom, muito bom, mesmo que não passasse de imaginação nesses momentos o tinha só pra mim, me desejando da mesma forma que eu o desejava.

Conforme a avalanche de prazer tomava meu corpo, eu aumentava a velocidade de minha mão sobre meu pênis, minha mão livre ainda passeava por todo meu corpo me estimulando e aumentando a carga de prazer que eu sentia.

Eu estava perto, tão perto de gozar, com minhas pernas bambas as costas encostadas no azulejo frio daquele boxx eu sentia minhas vistas ficarem turvas, enquanto imaginava meu hyung me fodendo com força.

Y-Yoongiii Hyung - eu gemi alto com minha voz arrastada e manhosa, não era minha intenção, mas não consegui me conter quanto senti o meu corpo inteiro se arrepiar e o orgasmo me tomar de forma arrebatadora. 

Minha respiração estava acelerada, meu corpo tremulo, e sabe quando você tem um fucking orgasmo tão gostoso que tudo o que você consegue ver são pontinhos brancos enquanto viaja em uma dimensão paralela?  então eu estou assim nesse exato momento!

Quando já conseguia controlar um pouco minha respiração e já estava de volta a realidade eu me desencostei da parede e terminei meu banho, se Omma Jin soubesse do tempo que tenho levado no banho ultimamente eu estaria ferrado, com toda certeza ele começaria com aquele discursos que toda mãe faz quando o filho gasta água demais matando seus netos no banho.

"Não sou sócia da light não, nem me casei com o dono da companhia de água e luz pra você ficar 2 horas no chuveiro seu moleque abusado, não é você que paga a conta por isso dorme em baixo da poha do chuveiro

Eu ria de meus próprios pensamentos enquanto me vestia um pouco apressado, queria me jogar na minha cama e dormir o máximo possível em meu dia de folga. 

Era bem possível que os hyung's inventassem  um passeio em grupo e quisessem sair todos juntos, mas eu estava decidido a dormir tanto que acordaria cansado e teria que deitar para dormir de novo para descansar.

E foi com esse pensamento de alegria que sai do banheiro com um sorriso quílometrico adornando minha face. Mas como nós já aprendemos hoje crianças, alegria de pobre dura pouco principalmente se esse pobre se chamar Jeon Jungguk.

Yoongi hyung estava deitado de lado na cama sem camisa com um puta sorriso malicioso enquanto me olhava sair do banheiro, e o pior de tudo... estava sem seus fones de ouvido.

- Se divertindo muito no banho K- o - o - k - i - e ?

                                                               Jungguk is dead...


Notas Finais


Postei e corri...
se vcs gostarem posto a segunda parte (lemon)
tchaaaaau jujubetis <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...