História Nova geração-Youtube - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bianca Tatto Marques (BIBI), Originais, Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso
Personagens BIBI Tatto, Pedro Afonso Rezende Posso, Personagens Originais
Tags Youtubers
Exibições 25
Palavras 902
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Survival
Avisos: Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Não sei se são esses mesmos. Me avise dona BiAnL

Capítulo 26 - Vou lançar o cap agora porque eu não consigo deixar de post


Fanfic / Fanfiction Nova geração-Youtube - Capítulo 26 - Vou lançar o cap agora porque eu não consigo deixar de post

Pov Elizabeth

Estava no hospital, como sempre.   Eu estava com um casaco azul, uma blusa branca, uma calça jeans, uma bota vermelha vinho, o laço do meu encontro com o  João, e o Bonnie no meu ombro.  Estava com olheiras profundas, meu olhar era morto, meu cabelo estava morto, e sem a coloração escura.  Olhava atentamente o rosto de meu amado.   Ele perdeu muito sangue por causa da facada, no banco de sangue não tinha o tipo do mesmo, as máquinas mantinham seu coração batendo.  Tento ser forte e não chorar, mas as lágrimas foram mais fortes e desceram, meus olhos pareciam nuvens em mês de tempestade.  Meu amado estava em uma cama, com coloração pálida, seu rosto não expressava nenhuma expressão.  Me doía Velo nesta situação.  Seguro sua mão, com a força que eu apertei, senti meus pulsos latejando, o sangue descia e sujava o casaco azul, sua coloração foi para vermelho rapidamente, os cortes em meus pulsos eram profundos, igual ao que estavam em meu coração.  Apertei sua mão ainda mais forte e comecei a sussurrar o que eu sentia no momento.

Elizabeth : Faz três meses que você está nessa cama, sem me dizer o quanto me ama, sem me beijar, sem me abraçar.  Faz três meses que não sinto o calor de teu corpo.  Eu só queria o ter aqui. Você falaria que eu deveria colocar meu sorriso de volta em meu rosto, que eu deveria comer, você me faria sorrir.  Tenho medo que tua alma já tenha ido descansar e tenha deixado seu corpo aqui.  Sinto medo de nunca mas ver teu sorriso,tenho medo de não ouvilo clamando por meu nome...

Falo com a voz abafada por conta do choro.   Levo meu rosto até o teu, retiro calmamente o aparelho de tua boca, não entendia o porque do aparelho, sendo que o mesmo não estava a fazer diferença nenhuma.   Levo meu rosto para mas perto do teu e selo nossos lábios, sinto novamente aquele gosto de morango que sempre existiu em teus lábios, coloco minhas mãos em tuas bochechas, foi um beijo calmo, mas sem emoções.   Penso novamente que se um dia tu acorda , tu irias me dar uma bronca e falaria que me amava e que eu não devias me machucar sendo que tu sempre estarás ao meu lado.  Separo nossos lábios e recoloco o aparelho.  Me sento novamente na cadeira que permanecia no mesmo lugar, minha visão estava um pouco embaçada, minha pele estava pálida, estava magra, andava com dificuldade a maioria da vezes que me locomovia pelo quarto em que você abitava.   Fiquei encarando teu rosto quando o doutor que estava a cuidar de você entra na sala com mais duas pessoas que que começam a retirá-lo  da cama.

Doutor : Doaram o mesmo tipo sanguíneo que ele.  Iremos fazer uma transfusão de sangue.

Ele falou  e logo vejo eles retirando João do quarto.  Minha mão fui se soltando da sua, meu coração foi ficando acelerado, o ver indo embora mexeu comigo.  Assim que a porta se fechou, batendo fortemente, eu me levantei.  Me sentia fraca, fui até o corredor, assim que cheguei no corredor, meu corpo pesou e eu estava prestes a cair no chão, sou surpreendida por braços me pegando, olho o Dono,era Marcos.  Ele sempre foi como um irmão pra mim.  Ele me levantou.

Marcos : Elizabeth!!!!!! Vai comer algo!!!!

Ele falou e me colocou em uma cadeira. Passou-se 2 minutos e ele voltou com um pedaço de bolo de chocolate.  Como o Bolo e deito no colo de Lucas.

Amanda : Vai ficar tudo bem Eliza😊

Ela falou me tirando do colo do mesmo e me abraçando.

Fernanda : É ele já já vai estar bem😁

Ela falou e se juntou ao abraço.  Logo vejo a Maria chegando com o Doutor.

Maria : Ele...Acordou!!!!

Ela fala e eu separo o abraço.  Levanto e saio correndo até o quarto em que ele estava.   Assim que entro, me deparo com o João sorrindo, seu braço não estava mas enfaixado.  João me olha e sorrir.

João : Oi Ratinha😄

Corro até sua cama e o Abraço.  Começo a deixar as lágrimas molharam sua vestimenta.

João : Calma...Tá tudo bem...

Ele fala colocando suas mãos em meu queixo, e me fazendo olhá-lo nos olhos.

Elizabeth : E-eu...senti sua falta!!!!

Falo o abraçando fortemente.

Elizabeth : Eu te amo...

Falo com a voz abafada.

João : Eu também Amo.

Ele fala e sela nossos lábios em um movimento calmo. Ele pede passagem com a língua e eu cedo, nossas línguas Dançavam em um ritmo perfeito. Ficamos assim até o ar faltar. Nos separamos e nos abraçamos.   Saio do quarto e deixo a Tia Jenni e o Tio Bruno Entrarem.  Fico com o João por mais uma hora e volto pra casa.

------DOIS MESES DEPOIS------

O João saiu do hospital faz um mês.  Recebi um trilhão de broncas por ter me cortado.  Tudo estava ótimo.  Não tinha como ficar melhor.  Claro que o João ficou muito abalado com a morte do Henry(João : Ele era meu melhor amigo...Autora Má!!!!!)  Tudo está ótimo!!!! Não tem como ficar melhor!!! Como sempre, entrou duas pessoinhas novas pro Grupo!!!!  Uma é a Shaynne Skuja, o outro é o Gabriel Pinto Cocielo.   Como sempre tudo está completamente normal!!!!!!  Amanhã a gente vai no cinema assistir "Kubo e as cordas mágicas"(Autora : Esse filme é lindo!!!!! Chorei Pakas😢).  Então é isso...Tchau!!!!


Notas Finais


Vocês : Porque o cap tá uma merda ?

Eu : Porque a criatividade resolveu viajar pra Puta que Pariu


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...