História Novamente na Tropa de Exploração - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Shingeki no Kyojin (Attack on Titan)
Personagens Annie Leonhardt, Armin Arlert, Bertolt Hoover, Connie Springer, Dot Pixis, Eren Jaeger, Erwin Smith, Franz Kefka, Gunther Schultz, Hannes, Historia Reiss, Jean Kirschtein, Levi Ackerman "Rivaille", Marco Bott, Mikasa Ackerman, Mike Zacharius, Personagens Originais, Petra Ral, Reiner Braun, Sasha Braus, Ymir
Tags Shingeki No Kyojin
Exibições 30
Palavras 1.105
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Canibalismo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oi meninas! Eu sumi né? Nem percebi que fiquei tanto tempo sem postar, me perdoem.
Bem, depois de muitos meses aqui está o segundo capitulo, espero que gostem dele, a partir daqui tudo vai começar a se desenrolar.
Quem acompanha minhas outras fanfics, estou escrevendo então logo será postado.
Desculpem novamente pela demora

Espero que gostem ^^

Capítulo 2 - Isso será difícil


Fanfic / Fanfiction Novamente na Tropa de Exploração - Capítulo 2 - Isso será difícil

-É aqui! -Era Pixis falando após descermos várias escadas e passar por vários corredores.  

Ele mostrou uma porta simples de carvalho, ele à abriu e alguns degraus apareceram, descemos eles até chegar ao final, que leva a um pequeno comodo de pedra, do lado esquerdo continha uma enorme grade, na frente da grade uma cadeira, do lado da grade dois guardas. Dentro da grade era um lugar pequeno, continha uma cama de solteiro bem no meio com lençóis brancos, do lado direito uma mochila no canto, do lado esquerdo uma porta que pela placa na frente deve levar ao banheiro, ainda do lado esquerdo só que no chão, um quebra-cabeça recém-montado, e sentada do lado do quebra-cabeça uma mulher da minha altura, aparentava ter minha idade, pele muito branca pela falta de Sol, vestia uma calça marrom, uma regata verde pinheiro, tinha cabelos castanhos escuro presos em duas tranças que chegavam a altura do estomago, os olhos castanho escuro sem brilho ou expressão alguma, realmente ela parecia ter perdido a sanidade.  

-Gabriele, a quanto tempo, como está? -Pixis disse isso se aproximando da grade 

-Pixis! Como vai? Senti sua falta. -Ela parou de montar o quebra-cabeça e olhou somente para Pixis com um sorriso de orelha a orelha com os olhos bem arregalados...era assustador ver aqueles olhos vazios arregalados. 

-Desculpe, andei ocupada cuidando das muralhas. 

-E como está lá fora? 

-Não mudou muita coisa desde os ultimos anos, você está bem? Comendo direito? 

-Sim, e você Pixis? Está bem? 

-Sim, obrigado por perguntar. Queria lhe apresentar alguns amigos. 

Ela o olhou confuso e relaxou um pouco, ela parecia em estado de alerta a uns minutos atrás. 

-Esse é o atual capitão da tropa de exploração, Erwin! 

-Prazer em conhece-la. -Erwin fechou o punho esquerdo e bateu no peito 

-.... -Ela o olhou sério e não disse a nada 

-E esse é o Cabo da tropa de exploração, Levi. 

Eu fiz o mesmo que Erwin mas não disse nada. Ela me olhou e ficou em silêncio, em seguida virou sua atenção para Pixis. 

-Por que a tropa de exploração está aqui? 

-Eles vieram conversar com você. 

-Não quero falar com eles, quero conversar com você -Ela ficou de pé e se sentou na cama olhando Pixis 

-Estou ocupado agora e não quero que fique sozinha, por isso eles te farão companhia. 

-Não quero a companhia deles. 

-Sinto muito. 

-Por que Pixis? Por que a tropa de exploração? -Ela começou a alterar o tom de voz 

-.....-Pixis ficou em silêncio 

-Senhorita Gabriele?! -Era Erwin- Se me permitir. 

-Permissão aceita, fale. -Ela disse seriamente, pelo jeito se lembra de algumas coisas de quando era da tropa de exploração. 

-Se lembra de mim? 

-...Você era do time aliado da minha tropa, ajudou a mim e meu grupo diversas vezes, como esqueceria. -Ela abaixou a cabeça 

-Sim, por que...por que abandonou as tropas? Você era Cabo da divisão. 

Ela era a antiga cabo antes de mim?  

-.... 

-Bem, eu vou indo, vou deixar vocês conversando em paz. -Era Pixis se levantando 

-Não vá! 

Ela se levantou da cama e correu até a grade 

-Eu não posso, venho outro dia. 

-Não, por favor, não vá, por favor , Pixis! -Ela começou a gritar até ele sair e fechar a porta 

Ela se deu por derrotada e voltou para sua cama, se sentou nela de costas para nós e virou seu rosto em direção a pequena janela. 

-...Faz tempo que não nos vemos Gabriele. 

-..... 

-Não sente falta do lado de fora? 

-.... 

-....Está por dentro de tudo que está havendo? 

Ele vai ficar jogando papo? Erwin não é assim por que está sendo tão gentil com essa garota? 

-Sem enrolação, viemos para te tirar daqui, vamos saia –Eu disse 

-Sabia –Ela disse como em um sussurro- Quando vi que eram da tropa de exploração tudo ficou obvio. 

-Então se já sabe não nós faça perder tempo saia dai.  

-Rivaile, seja mais educado –Era Erwin 

-Não estou te reconhecendo, viemos aqui com esse objetivo. 

-Não vou sair –Ela disse com um tom grosseiro e irritado 

-Por que se trancou aqui? É maluca ou o que?  

-Talvez eu seja realmente maluca, por que não? -Ela disse isso e começou a rir de si mesma 

-...Ela é louca, por que Pixis quer tanto ela?  

Olhei para Erwin que me olhava serio. 

-...O que estou fazendo de errado? Vamos ser diretos 

Ele suspirou e se encostou nas costas da cadeira 

-Ei, pare de rir sua pirada, nós conte por que se trancou? Trauma dos titãs? 

-pode ser. Você é o novo Cabo, deve imaginar minha situação. 

-Eu sou cabo é tenho total sanidade. Deixa de drama e saia dessa cela 

-Não vou sair, não vou sair! -Ela começou a gritar 

-Vamos –Era Erwin 

Ele se levantou e foi até a porta 

-Eu vou voltar, e é melhor me responder. -Eu disse indo até a porta 

-Boa sorte Senhor Cabo Levi –Ela disse em tom de sarcasmo. 

Saimos da cela e fechamos a porta 

-Ela é louca, caso encerrado –Eu disse 

-Ela está diferente, quando lutei com ela nas tropas, ela era diferente. -Era Erwin começando a caminhar pelo corredor de pedra 

-Como assim? Explique-se. 

-Ela era líder de seu esquadrão e não importa o que acontece-se nunca se abalava. Tinha visto tantas pessoas sendo devoradas, viu amigos morrendo que acabou se acostumando. O rosto dela demostrava calma, mas seu olhar era de cansaço. Ela era forte. 

-Não parece. -Eu disse subindo as escadas e Erwin me seguindo 

-Eu não era do mesmo esquadrão que ela, mas sempre nos encontravamos. Eu não sei o que houve. 

-Lembra do que houve com ela quando decidiu sair –Eu disse 

-Tinhamos ido em uma missão liderada pela Hanji, íamos investigar e observar os titãs da floresta e seus comportamentos a noite. Ficamos em esquadrões separados. Mas quando voltamos na tarde seguinte ela estava diferente, estava abalada, seu olhar era de medo e seu rosto de fracasso. Chegando nas muralhas foi em direção a direção e uma semana  depois recebemos a noticia de seu afastamento, não sabiamos o que tinha acontecido, e nunca mais vimos ela, nem em sua própria casa. 

-Certo, algo aconteceu naquela floresta –Eu disse 

-Eu não era muito intimo dela como as amigas dela, então não sei nada dela tirando o meio profissional. 

-Onde estão as amigas dela Erwin? 

-...Morreram a alguns anos em uma missão. 

-....Entendo, venha. 

Eu disse isso e entrei em um corredor que levava a umas escadaria 

-Aonde vamos? Tem um plano? 

-Pixis nos deu uma missão e vou cumpri-la, venha, vamos falar com a líder da missão daquele dia, Hanji. 

 

 

 

Continua.........


Notas Finais


Prometo postar com mais frequência. Até a proxima

-Gabriele


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...