História Novas amizades, novos amores - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Carrossel, Turma da Mônica Jovem
Personagens Alícia Gusman, Bibi Smith, Carmem, Carmen Carrilho, Cascão, Cascuda, Cebola, Cirilo Rivera, Clementina Soares, Daniel Zapata, Davi Rabinovich, Denise, Do Contra, Eduardo "Dudu", Irene, Jaime Palillo, Kokimoto Mishima, Magali, Marcelina Guerra, Maria Cebolinha, Maria Joaquina Medsen, Maria Mello, Mário Ayala, Mônica, Nimbus, Paulo Guerra, Penha, Quim, Valéria Ferreira, Xaveco
Tags Carmiel, Carrossel, Cascali, Cebonica, Ciriquina, Daléria, Docontriz, Kobi, Marilina, Nimbona, Paulicia, Turma Da Mônica Jovem, Xavenize
Visualizações 84
Palavras 701
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Magia, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello amores mais um capítulo para vocês Espero que gostem.

Capítulo 3 - Adeus Escola Mundial.


P.o.v. Paulo.

 

Estava no meu sono mais profundo tendo um dos meus melhores sonhos quando foi subitamente retirado da minha alegria com um  ser berrando o meu nome.

 

 

Marcelina.  Paulo Levanta logo se não nós vamos nos atrasar!

 

 


Ah logo agora que a diretora Olívia ia   ver as aranhas e os ratos que eu deixei na sala dela, Poxa maninha até nos meus sonhos Você estraga tudo disse ele num tom irónico.

 

 

 

Nossa mas nem nos seus sonhos você para de aprontar em ela disse me encarando.

 

 

 

Tabom pirralha tá bom Agora sai daqui antes que o papai venha gritando de novo falando que a gente está atrasados.

 

 


Me arrumei bem rápido para não ter que ouvir o mesmo sermão de sempre descemos Tomamos o café e fomos em direção à escola quando ela me pergunta.

 

 

 

Marcelina  Paulo você sabe o que a diretora quer dizer de tão importante para todos nós os professores pareciam bem preocupados parece que está acontecendo alguma coisa com a escola.

 


E você pergunta isso para mim,   porque eu não sei não  pirralha. Se eu soubesse já teria dito disse de cara fechada.

 

 


Grosso como sempre né Paulo reclamou ela e eu apenas revirei os olhos.

 

 

 

Chegamos a escola e como sempre meninas para um lado e  meninos para o outro tanto que eu não aguentaria ficar no meio de blá blá blá blá blá da Maria Joaquina certo então fui falar com os meninos e a minha  irmã foi falar com as chatinhas.

 

 


P.o.v. Alícia.

 

 

 


Vejo os irmãos guerra entrando pelo portão da escola e a  Marce veio em nossa direção.

 

 

 

Oi meninas quais são as novidades ela disse animada e eu revirei os olhos.

 

 

Se for para você já começarem com fofoca que você sabe que eu detesto é só avisar que eu saio daqui des irritada.

 

 

 

Tá arrumando desculpas para ir para o lado dos meninos e ficar pertinho do Guerra né Alicinha disse Maria Joaquina com o  tom cínico.

 

 

 


Gente Alguém perguntou alguma coisa para majo!  Eu perguntei e as meninas riram.

 

 

 


Mudando de assunto quero muito saber o que a diretora quer falar com a gente ela parecia muito preocupada ontem disse Carmen.

 

 


No mínimo Ela descobriu alguma coisa que a gente aprontou e vai querer dar advertência geral disse Bibi.

  

 

 


Isso não é nada romântico afirmou Laura.

 

 

 

 

Quebra de tempo.

 

 

 

As aulas passaram   muito rápido a última seria aula de música com o professor Renê Pelo menos é o que seria se a diretora não entrasse na sala para dar um anúncio.

 

 


Ei seus Pestis presta atenção aqui?? Disse ela nervosa já que ela não conseguia controlar a turma Pois todos os meninos resolveram fazer uma guerrinha de bolinha de papel só para irritar a diretora.

 

 


Chegaaa? Gritou ela posso falar senão ninguém sai daqui hoje.

 

 

 

Pelo amor de Deus hoje é sexta Já pensou passar o fim de semana na escola e preso com a gorda disse Jaime se tocando que não deveria ter dito a última frase desculpa diretora do meu coração.

 

 

 

Então a escola está passando  por problemas financeiros e também porque eu não tenho nem um pingo de disposição mais de cuidar de tantas crianças bagunceiras   e desorganizadas como vocês.


Poxa diretora isso doeu no fundo do meu coração disse Paulo simulando uma lágrima faussa 

 


Então eu resolvi fechar a escola definitivamente ela disse séria mais um pouco triste pois no fundo no fundo ela sempre gostou muito desses pestinhas.

 

 


Como assim fechar! Exclamou Valéria indignada.

 

 

Eu já tomei a minha decisão senhorita Ferreira disse Olívia  Severa e com  autoridade.

 

 

 

Pera aí então nós não vamos ter mais que estudar! Não preciso mais estudar matemática Deus ouviu as minhas preces! Disse  Jaime feliz da vida

 

 


Mas é óbvio que não né Jaime disse a diretora com olhar de reprovação.  vocês vão para outra escola

 

 


Para onde perguntou Carmen confusa.

 

 

 

 

 A Escola do Limoeiro disse a   diretora com um  sorriso no rosto.

 

 


Limoeiro Opa posso ficar comendo limão enquanto os professores passam  matéria  disse Jaime e seus colegas riram..

 

 


Eu desisto da Vida Disse a diretora batendo a mão em sua testa.

 

 

 

O sinal bateu E todos foram para suas  casas pensando como será o novo colégio.


Notas Finais


O Jaime sou eu na vida.
Kkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...