História Nunca te deixar... - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Ash Ketchum, Personagens Originais, Serena
Tags Alola, Amourshipping, Pokémon, Retornos Nostalgicos, Satosere
Exibições 176
Palavras 3.526
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Falaew meus maninhos queridoss!! (Minha introdução fica cada vez mais estranha... Kk)... Como prometido, o capítulo da semana!! ÊÊÊÊÊÊÊ!! Como as provas acabaram hoje, nada mais justo do que um capítulo GIGANTESCO (sem brincadeira) para dar uma sossegada, não é mesmo?!

E a respeito do pai da Serena, eu vi que todo mundo escolheu o Lysandre... Mas não ia ficar o clima que eu queria, sabe?! (Afinal, como todos sabem, a Serena viu o Lysandre em XY&Z, e não faria o menor sentido ela ficar assim por causa de uma pessoa que ela viu há dois anos)... E como todos sabem, eu sou uma pessoa EXTREMAMENTE maluca, e então, peguei o cara mais ALEATÓRIO e SURPRENDENTE do mundo... Juro que acho que vcs vão ficar: MAS QUE PORRA TAH ACONTECENU?!

Agora, pra saber quem é, tem que ler o cap... HAHAHA!! Me digam o que acharam dessa pessoa, pq foi muito espontâneo...

BJSS!! A GENTE SE VÊ NAS NOTAS FINAIS!! (^^)

P.S.: Se quiserem entrar em um chat do Discord onde eu (Autora-Chan) estou, o link tá lá dps do QSPQEP!! Se quiserem falar cmg (ou com os outros estranhos) é só entrar lá!!

Capítulo 19 - Fique longe dela!


Fanfic / Fanfiction Nunca te deixar... - Capítulo 19 - Fique longe dela!

=Ash On= 

Bato ou não bato na porta? Ter que encarar isso... É simplesmente assustador... Eu não me sinto bem fazendo isso... Mas... Lá vai... 

    ⁃    Olha só!!  - uma voz firme disse atrás de mim. Eu não reconheci de primeira. Merda! Bem na hora que eu ia bater... - Se não é o mesmo pirralho que me desafiou 8 anos atrás... Você cresceu, garoto... 

Que?! Desafiei ele?! Ok... Eu nunca vou saber quem é se eu não me virar pra ver... Mas... Agora não parece uma boa hora... Ele parece assustador... E como ele se lembra de mim?! Se fazem 8 anos, como ele lembra?! 
  

 ⁃    Desafiei?! - respondi com a voz um pouco trêmula e um tom confuso.
  

 ⁃    Não se lembra de mim, Ash? - o homem continuou. Além de lembrar de mim, ele lembra o nome?! Socorro... 

    ⁃    Tenho quase certeza q-que não, senhor! - respondi meio que congelado... Essa voz é muito intimidadora... Arceus, me tira daqui!! 

    ⁃    Isso é mesmo sério?! - ele continuou com um ar mais sério... Foi alguma coisa que eu falei? - Vamos lá garoto, onde está aquele seu Pikachu? - AI MEU DEUS!!! ELE QUER SEQUESTRAR O PIKACHU!! Ou não... 
 

   ⁃    Me-meu Pikachu?! - eu me surpreendi. Ai meu cú... Agora que eu não viro mesmo... 
 

   ⁃    Como não se lembra de mim?! - ele disse começando a ficar triste... Desculpa senhor sem nome... Eu num lembro uai!! - Vira pra mim, garoto! 

Eu hesitei antes de virar, mas mesmo assim virei. Um arrepio subiu pelo meu corpo todo, senti meu cabelo ficando mais arrepiado do que já é. Eu passei a mão pelo meu braço, e tava tudo arrepiado!! Minha mente estava completamente maluca... O QUEE?!  O QUE CARALHOS ESTÁ ACONTECENDO?! 

    ⁃    Te-Tenente Surge?! - eu gritei... Gritei mesmo. Dei um berro e tomei um susto. 
    

⁃    Finalmente, moleque... - ele revirou os olhos. - Mas, o que o senhor estava indo fazer no quarto da minha princesa?! - ele me olhou com desconfiança. MANO!! QUE PRINCESA?! Oi?! O que tá rolando?! 
 

   ⁃    Sua pri-princesa?! - eu continuei meio que sem palavras. 
 

   ⁃    Pelo amor de Arceus! - ele perdeu a paciência. - Pare de gaguejar, seu idiota! E olhe para mim! 

Meu coração entalou na minha garganta naquele momento. Eu achei que ia infartar ali mesmo. Ele aproveitou que eu estava intimidado, e continuou falando com o ar grosseiro. 

    ⁃    Não pense em chegar perto da minha filha, ouviu?! - ele disse vindo para cima de mim... MANO!! QUEM É A FILHA DELE?!  

    ⁃    Mas Surge... - eu comecei e logo fui cortado. 
    

⁃    TENENTE!! TENENTE SURGE!! - ele gritou 
 

   ⁃    Ok ok... - eu respondi suando de nervosismo... Socorro!! - Mas senhor, eu não estou entendendo o que quer dizer... 

    ⁃    Só não chegue perto dela! - ele disse me encarando sério, então, logo foi embora sem dizer mais nada... Eu hein... Cara estranho... 

Confesso que estou mais que aliviado por aquele cara ter ido embora... Acontece que não entendi bulhufas do que ele estava falando... O QUE?! FILHA DELE?! Aquele cara tá surtado! Pirou da batatinha legal... Nem sei direito o que aquilo significou... Foi uma ameaça? (Não não... Foi declaração amorosa... Aff... Fala sério, Ash, seu burro). Eu nem sei o que vou fazer... Como é que eu vou bater na porta da Serena, se aquele maluco pode aparecer e começar a berrar comigo? Ai socorro... O que eu vou fazer? 

=Ash Off=

=Serena On= 

Eu ouvi alguns berros do outro lado da porta. Eu tinha certeza que aquela voz firme era o meu pai... Eu quero mais é que ele suma da minha vida! Por que ele não para de me perturbar um segundo? Eu só sei que o meu coração disparou quando escutei a voz do... Não! Não pode ser! Não podia ser o Ash!! Ele estava assustado. Completamente assustado. Sua voz estava trêmula, e muito mais baixa em relação ao meu pai. O que meu pai falou pra ele? Ah... Ninguém se importa! Quero que os dois sumam da minha vida! 
 

Agora são exatamente 6:54 da manhã... Eu não dormi de noite, mas isso é a coisa que menos me preocupa no momento... 

    ⁃    Sério, você tá precisando dormir... - Misty disse se levantando e indo até a "cozinha". As nossas cabanas são tipo, igual um quarto simples de hotel... A gente tem uma geladeira pequena, um filtro de água e um microondas... Nada muuuito exagerado... Sabe, o necessário para a sobrevivência.
 

   ⁃    O... Ok... O... - eu estava tentando falar, mas meus olhos estavam quase fechando. Resolvi me render, e deixar o sono me conduzir... 

*^*^* Quebra do tempo *^*^* 

Não sei quanto tempo fiquei dormindo... Só lembro de Misty dando tapinhas no meu ombro. Ela dizia "Ei! Serena!". Acordei ainda um pouco cansada. Esfreguei meus olhos e fiquei olhando para as minhas amigas. Dawn abriu um sorriso e me deu um copo de leite quente. 
    

⁃    Toma isso. Seus olhos estão muito vermelhos, e tenho certeza que está cansada... - Dawn disse me dando o copo de leite. - Isso vai te ajudar a descansar melhor! 
  

 ⁃    Obrigada! - eu disse com a voz meio rouca. Peguei o copo de leite e comecei a beber. - Mas vocês também não dormiram direito. 
  

 ⁃    Eu dormi ontem a tarde toda... - Dawn explicou. - E eu só acordei mesmo há algumas horas... Quem precisa dormir é você! 

Abri um sorrisinho. Eu estava no finalzinho do copo de leite... Caramba... Esse negócio dá um sono... Então, o celular de Dawn tocou. Eu percebi que ela corou ao ver quem estava ligando... Eu não sei quem era, mas ela voltou ao normal.
  

 ⁃    O-Oi... - ela disse no telefone gaguejando um pouco. - ... Pre-precisa de mi-mim?! ... Mas... E-Eu... Pra onde a gente vai? ... Ok... T-Te vejo em... C-Cinco minu-nutos... - ela desligou ainda corada... Muito mais do que antes. Ela deu um suspiro meio apaixonado e começou a juntar as coisas. 

    ⁃    Você já vai? - perguntei colocando o copo vazio na mesa do lado. 
 

   ⁃    Desculpa... - ela disse olhando meio... Realizada? - Pelo que parece, eu tenho um encontro! - eu juro que vi os olhos dela brilhando.

    ⁃    E-Encontro?! - Misty indagou. - Vai me abandonar aqui?! Fala sério... E eu achava que não dava pra essa situação piorar... 
 

   ⁃    Calma! - Dawn disse rindo. - Tenho certeza que você não vai ter muito trabalho com a Serena... Qualquer coisa, é só levar pra respirar um ar... - respirar um ar é o cacete! Não saio desse quarto enquanto meu pai estiver por aí nem acorrentada! 
 

   ⁃    Ok! - Misty afirmou com a cabeça. 
  

 ⁃    Então eu já vou indo! - Dawn pegou as coisas e me deu um beijinho na desta. Depois, ela e Misty se abraçaram, e a azulada abriu a porta e saiu... 

=Serena Off= 

=Dawn On= 

Eu acabei de sair do quarto da Serena. Fechei a porta, e fiquei espantada com o que vi.

    ⁃    A-Ash?! - eu disse surpresa ao ver o moreno sentado na escada do lado de fora da cabana. - O que está fazendo aqui essa hora?! 
 

   ⁃    Nem eu sei mais... - ele respondeu cabisbaixo com o rosto escondido. 
  

 ⁃    Você tá... Chorando?! - perguntei meio preocupada. 
  

 ⁃    C-Claro que não! - ele disse tentando levantar o astral e secando o seu rosto que estava molhado por causa das lágrimas. 

    ⁃    Anda... Não se faz de difícil! - eu disse tentando fazer com que ele se soltasse. 

    ⁃    Não estou me fazendo de difícil... - ele tentou disfarçar. 

    ⁃    Não faz assim comigo! - eu disse tentando incentiva-lo a me contar. - Como você não quer contar pra mim?! Você é quase um irmão pra mim! 
 

   ⁃    Eu... - ele começou com uma voz meio rouca. 
Foi então que o meu celular tocou. Merda! Espera um pouco, Paul... Caramba! 

** Ligação On ** 

    ⁃    Cadê você? - Paul perguntou. 
  

 ⁃    Calma! Eu tô indo! - respondi. - Mas tenho que resolver um negócio antes.

    ⁃    Ok... Te ligo depois, linda! - ele se despediu. 

** Ligação Off ** 

Eu só sei que ao desligar o celular, fiquei tão corada, que parecia até blush em excesso... Mas não! Ele me chamou de linda!! Chamou mesmo!! Ou eu tô surda, ou ele realmente me acha linda!! Iiiiiiiihhhh!! 
  

 ⁃    Dawn! Dawn! - Ash disse me acordando do "transe" 
  

 ⁃    Ah! Oi... - eu respondi meio abobalhada. 
 

   ⁃    Pelo jeito que a sua cara tá vermelha, tenho quase certeza de que não foi qualquer telefonema... - ele brincou me dando um sorrisinho. 
 

   ⁃    É que... - eu comecei a dizer meio corada e sem jeito. - Eu meio que tenho um encontro... 
  

 ⁃    Às 7:00 da manhã?! - ele se surpreendeu ainda com o sorriso. - Você tá bem, hein... Como elas crescem rápido! - ele brincou mais uma vez fingido estar emocionado, enquanto limpava uma lágrima falsa. Abriu mais um sorrisinho. 
  

 ⁃    Para de ser dramático! - eu disse abrindo outro sorriso e dando um soquinho no braço dele. - Olha, e eu aconselho que você fale com a Serena... Ela tá quase morrendo lá dentro... - Ok ok... Morrendo também não...
  

 ⁃    Mas... - ele disse ficando arrepiado. - E se ele me ver de novo?! 
  

 ⁃    Ele quem? - perguntei confusa.
  

 ⁃    Ele o pai de alguém... - Ash respondeu ainda mais confuso que eu... Se é aquilo era algo possível... 

Será que ele estava falando do pai da Serena?! Aff... Claro que sim né, Dawn... De quem mais o pai tá aqui em Alola?! Será que... Aqueles berros foram o pai da Serena gritando com o Ash?! Isso deve explicar o por que de o ele estar tão assustado... De acordo com a nossa coleguinha, vulgo Serena, o pai dela é uma pessoa extremamente superprotetora (por mais que não pareça, ela disse que ele é muito ciumento). Eu vi que Serena ficou preocupada, e aconselhei que ela descansasse um pouco... Depois o Paul me chamou e o resto da história todo mundo já sabe... 
  

 ⁃    Ash... - eu comecei. - Ele por acaso era um cara alto, intimidador, sombrio, antigo líder de ginásio, loiro, e usava um óculos escuros? - eita... Nem é muita coisa... Kkkk... Mas foi exatamente assim que a Serena descreveu ele... Fazer o que... 
  

 ⁃    Exatamente! - ele disse dando um pulo. - Como sabe disso?! 
 

   ⁃    Ah... Foi no chute... - menti virando o rosto com uma expressão de nervosismo para o lado. 
  

 ⁃    Eu sei onde você quer chegar... - ele disse virando o meu rosto de volta. Ele sabe?! - Mas acho que agora a minha garota tem um encontro! Melhor se apressar, ou vai acabar perdendo! - ele deu uma piscadinha e eu me despedi dele. 
 

   ⁃    Valeu, Ash! - eu disse dando um beijinho na bochecha dele. - Prometo que não vou perder nada! 
 

   ⁃    É assim que se fala! - ele respondeu sorrindo. - Anda logo! O que ainda está fazendo aqui?! Pode ir! 
  

 ⁃    Tô indo! - me despedi alegre. 

=Dawn Off =

=Ash On= 

Sozinho de novo... Estou aqui esperando a coragem de bater na porta e implorar que a Serena me perdoe volte... Mas o Surge... Vai saber se ele está me vigiando... Ah! Quer saber? Vou bater! Vou dizer tudo! Sou um covarde por agir assim! Não vou deixar outro cara me afastar da loirinha mais fofa, sexy, incrível, linda e tudo que é coisa nesse mundo! Eu e ela estamos nesse clima por causa da minha arrogância... Eu nunca fui uma pessoa muito fácil de se lidar. Não gosto que falem mal do que fiz, ou que sou um completo idiota, que não faz nada da vida... MAS ISSO É EXATAMENTE O QUE EU SOU!! Eu sou um idiota que nunca faz nada certo... Não! Eu sou um idiota que nunca faz nada! E se faço, é sempre a coisa errada! AAARRRGGGHHH!!! Ok... Respira... Tá na hora de finalmente se levantar e ir para a batalha! Tá na hora de mostrar quem manda! Tá na hora de admitir toda a minha covardia... Ok... Lá vai (por favor, Surge, não aparece agora). Me levantei me dirigi até a porta e quando eu ia bater... 
  

 ⁃    Não mandei se afastar da Serena?! - PUTA QUE PARIU!! ESSE CARA DE NOVO NÃO!! Pera! Ele nunca falou da Serena antes... SOCORRO!! AGORA QUE EU ME TOQUEI!!! ELE É O PAI DELA!! 

Vamos lá, Ash! Você consegue! Ele pode ter 1,90 de altura, mas você tem 1,76 (eu acho né)!! Não vai deixar o pai dela te intimidar desse jeito! Nunca na sua vida! 
 

   ⁃    Na realidade, não... - respondi pensativo. - Você disse pra me afastar da sua FILHA... Você não deixou claro quem ela era... 

    ⁃    Está brincando comigo, garoto?! - ele disse sem paciência. Eu senti uma gota de suor descendo pelo meu rosto. 
  

 ⁃    Claro que não!! - eu disse rapidamente. Droga, Ash! Você não pode se intimidar desse jeito! 
 

   ⁃    Então agora eu lhe deixo claro: - Surge disse colocando o dedo na minha cara - Não chegue mais perto da Serena! Não vai fazer nada com a minha filha, moleque! 

Surge... Se prepare... Ash Ketchum acabou de se irritar! E acabou de se irritar pra valer!! Posso ser muitos anos mais novo, mais baixo, mais fraco... Ok... Ainda assim, eu não vou te deixar me tirar da minha loirinha! 

    ⁃    Se você é o pai dela, como nunca esteve lá por ela?! - gritei sentindo meu sangue ferver e ele se surpreendeu. Tentou falar, mas eu continuei. - Por quê? Anda logo! Eu sei muito bem que enquanto eu estava batalhando contra você, ela estava ABANDONADA em Kalos!! 
  

 ⁃    Olha só moleque, você não tem o direito de se intrometer na minha vida! - ele gritou esperando que eu ficasse intimidado... Mas não. Aquilo só me fez ter mais raiva ainda. 
 

   ⁃    E você não tem esse mesmo direito comigo! - gritei. - Ao contrário de você, eu cuidei dela! Eu me afastei, mas não parei de pensar nela nem por um segundo! Eu tentei ligar pra ela, mas do jeito que você é, nem tentou!! - eu comecei a ficar estressado. Muito estressado... - Você quer cuidar dela, mas nem sabe direito o que ela sente! Com quantos anos ela te viu pela última vez?! As pessoas mudam, senhor! E eu posso te garantir que ela mudou também! 
  

 ⁃    E eu posso te garantir que nunca vai chegar perto dela! - ele gritou de volta. 

Aquilo estava me deixando com o corpo fervendo... Haha! Isso tudo vale a pena, só pra ver que não estou mais intimidado... Esse cara, eu odeio ele! Eu não odiava ele há uma hora atrás... Mas agora, eu odeio! Com todas as minhas forças! Quem ele pensa que é pra me dizer essas coisas?! Tenho certeza que ele tem seus motivos... Mas cada um deles deve ser mais idiota que o outro! Eu nem sei se a Serena lembra dele... Eu só não quero bater boca com esse idiota! 

Estávamos gritando muito, até que... 

    ⁃    Quem tá fazendo isso?! - Misty abriu a porta, e no mesmo instante quase congelou. -  T-Tenente S-Surge?! O que o s-senhor faz aqui?! 
 

   ⁃    Ah... - ele disse com um sorriso meio nervoso. - Longa história... 
  

 ⁃    NEM VEM COM ESSE SORRISINHO FALSO!! - eu gritei cerrando os punhos... Sei que ele é mais forte, mas eu não me importo se for internado depois disso! 
    

⁃    FALSO?! - ele gritou... Poxa... Não devia ter nenhum argumento melhor mesmo... 

    ⁃    PAREM OS DOIS!! - Misty interrompeu já recuperada do choque e nós paramos de brigar. - Eu não sei o que o Surge faz aqui, ou por que vocês dois tão brigando! Mas eu quero que saiam daqui e deixem a Serena descansar! 

    ⁃    Ma... - nem consegui terminar. Ela bateu a porta com tudo na minha cara. - Aff... - resmunguei

    ⁃    Já que é assim... - ele disse já indo embora. - Não vou bater boca com um moleque qualquer... Faça o que quiser... Depois vai ter que arcar com as consequências... 
 

   ⁃    Eu bem disse que não se preocupava com ela... - resmunguei para mim mesmo. 
 

   ⁃    EU ME PREOCUPO!! - ele gritou irritado. 
  

 ⁃    Ssshh!! - mandei ele fazer silêncio colocando meu indicador sobre a boca. - Não sabia que ela está descansando?! Cade a sua educação, tenente? 
  

 ⁃    AAARRRGGGHHH!! - ele gritou mais uma vez irritado. - Você saiu vivo dessa só por causa disso, mas na próxima... É melhor estar preparado! 

Ele foi embora MUITO irritado mesmo. Era quase como se quisesse me matar e não pudesse só pra não ser preso... Sentei mais uma vez nos degraus da escada e afundei minhas mãos no meu rosto. Elas estavam geladas. Eu estava gelado! Os dias aqui em Alola podem ser quentes, mas as manhãs normalmente são extremamente frias no verão... E no resto do ano todo... Pra piorar, começou a chover! Ótimo! Agora que eu melhorei, já vou ficar doente de novo! "Fazer o que..." Pensei enquanto deixava a chuva me encharcar "Pelo jeito, *cof cof* eu vou ter que ficar aqui mesmo...". Eu estava ficando cada vez pior. Alguns minutos na chuva, e eu estava completamente molhado. Mais um pouco, e a tosse começou a piorar. Minha respiração ficou mais acelerada, e eu quase não conseguia puxar o ar direito. O vento estava batendo forte e gelado, e eu ali, todo molhado... Quando tudo parecia impossível de piorar, pela primeira vez em 11 anos, eu tive um ataque de asma... Comecei a apertar a minha garganta sem conseguir respirar, e tentei gritar por ajuda, mas ninguém vinha. Parece ridículo, mas a minha maior certeza era de que eu morreria ali mesmo... Até que... 
 

   ⁃    Ash!! - Misty abriu a porta surpresa! - Seu idiota! O que tá fazendo aí na chuva?! 
  

 ⁃    Mi... Mis... M... - meu ar estava acabando, e eu não conseguia falar o nome dela, então, do nada, tudo ficou preto...  

*^*^* Quebra do Tempo *^*^* 

Abri meus olhos devagar. Eu vi uma luz vindo nos meus olhos. Tentei acostumar a minha visão. Dei um longo suspiro e tossi. Olhei em volta por alguns segundos, e percebi que aquele era um dos quartos da faculdade, mas... Não era o meu! Olhei para o outro lado, e tomei um susto ao ver Misty e Serena conversando. Não demorou muito até elas me notarem ali. 
 

   ⁃    Finalmente acordou! - Misty disse sorrindo. 
  

 ⁃    Como você pode fazer isso comigo?! - Serena gritou indignada. - Você podia ter morrido se não tivesse ninguém por perto! - ela deixou uma lágrima escorrer, e percebi que ela realmente falava sério. 
 

   ⁃    Não ia sair daqui sem falar com você! - eu disse sorrindo com dificuldade. Ela corou um pouco. 
 

   ⁃    Tem mais alguém querendo te ver... - ela disse virando o rosto corada... Pra que corar?! A gente já não tinha sei lá... Beijado?! 

Então, Pikachu veio correndo na minha direção. Ele pulou em mim com tudo. Ele me abraçou e senti meu abdômen molhado (eu estava sem camisa). Percebi que ele estava chorando. Ele estava me molhando com as lágrimas. Abracei ele forte, e também comecei q chorar... Que foi?! Eu sou sensível... 
  

 ⁃    Não fica *snif* assim amigão! - eu disse limpando as lágrimas do meu rosto. - Me perdoa, por favor! Eu sou o pior de todos! 

    ⁃    Pi! - ele disse com um sorrisinho no rosto. 

Eu encarei Serena. Ela estava com os olhos vermelhos, o cabelo todo bagunçado e tinham rastros de lágrimas no seu rosto. Ela percebeu que eu estava a encarando, então olhou para mim séria, e depois olhou pra Misty. 
    

⁃    Tira ele daqui!! - ela gritou para Misty, que ficou muito surpresa. Eu juro que nunca imaginei uma reação assim! 
 

   ⁃    Mas... - Misty nem terminou. 
 

   ⁃    Nada de "mas"!! - Serena continuou insistindo. - Tira ele daqui, AGORA!! 
  

 ⁃    Se... - tentei falar, mas logo, fui interrompido.
    

⁃    Não fala comigo!! - ela gritou com tudo que tinha. - Você não faz ideia do sofrimento que me causou!! 

Ela se levantou correndo e se trancou no banheiro. Eu podia ouvir ela chorando, por mais que eu não quisesse isso. Eu quero ver ela feliz de novo... EU NUNCA VOU ME PERDOAR!! Eu deixei ela sofrendo... Sofrendo... 
 

   ⁃    QUERO QUE ELE MORRA!! - ela gritou chorando muito do outro lado da porta. 

Encostei a minha cabeça na parede e bati ela com força. Misty me olhou como se eu fosse louco, mas eu não me importei. Bati a minha cabeça mais uma vez. Fui me arrastando para o chão e fiquei de joelhos olhando para a parede. Afundei meu rosto em minhas mãos e comecei a chorar discretamente. Ela quer que eu morra... E o pior, é que ela está completamente certa... Ela quem esteve certa o tempo todo! E eu nunca tive competência para perceber que quem não está certo... Sou eu! 

=Ash Off=

 

ATÉ O PRÓXIMO CAP, MEUS LINDUSS!! (^^) 


Notas Finais


E então? Saudades de mim? Haha!!

>>> QSPQEP LINDO E MARAVILHOSO <<<

1. Gostaram da ideia do Surge? (A mais maluca do mundo... Kk)
2. Ash e Surge inimigos forever?
3. Serena tá brava, ou é só TPM? Ela vai perdoar o Ash?
4. Dawn e Paul... Será que rola?
5. O Surge é um chato, neh? Mano, odeio ele... Kkkk

Nosso chat do Discord: https://discord.gg/xc2MBDz

Por hoje, é só isso mesmo... Ainda não sei de onde tirei a ideia do Surge... Foi tipo: BOOM!! IDEIASSSS!!

Kkkk... Estou bem mais maluca que o normal... Melhor eu dormir um pouco!! Haha...


TÔ EUFÓRICA!! SÓ MAIS 1 FAV PRA CHEGAR EM 100!! SOCORRO!! MEU CORAÇÃO VAI EXPLODIR!! Na moral, vcs são incríveis, gente!! #AmoMuitoTudoIsso!! Haha... Referências!!


BEIJINHO NA BUNDINHA!! AMUU VCS!! (^^)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...