História Nunca vou deixar me fazerem de troxa,era o q eu dizia - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Esquadrão Suicida, Melanie Martinez
Personagens Melanie Martinez, Personagens Originais
Exibições 6
Palavras 1.944
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Ficção, Yuri
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi amores

Capítulo 6 - Revelações são necessárias, mas no começo podem machucar


              P.O.V. Mário

        Pq eu só faço merda? N deveria ter bebido nada, como n tinha pensado antes? Me odeio a cada vez mais!

        -calma, amor, volta aqui, temos q terminar o q começamos ~G

        -nem pensar! Ja me ferrei d+ essa noite ~Mr, sai correndo, lógico q eu ja tinha me vestido, eu queria tentar alcançar a Margô

        Depois de um tempo correndo, eu vi a Margô, ela tava quase entrando em casa. Corri mais rápido para alcança-la

         -Margô, me desculpa, n era a minha intenção ~Mr

         -mas n é a mim q vc deve desculpas, é para a Cry q vc deve pedir desculpas, pq se vc n contar, eu contarei ~Mrg

         -pf, n conta para ela, eu vou contar, mas daqui a algum tempo, pf, me perdoa ~Mr

         -eu sou só a tua irmã, mais nada além disso ~Mrg

         -mas vc dizia q eu era o seu melhor amigo ~Mr

         -conjugou bem o verbo, eu DIZIA, antes de saber tudo! ~Mrg

         -eu sei, vc me contava tudo, mas eu n contava nada, pf, podemos voltar a ser amigos, eu preciso de pelo menos vc ~Mr

         -vc tem a Giulia, né ~Mrg, e foi para o teu quarto, nem impedi-la, ela tem razão de ficar brava comigo

         Passei pelo quarto dela e ouvi uma voz feminina, mas n era de ninguém q eu conhecia

         -o q ele tava fazendo? ~XX

         -pra variar, fazendo besteira,amor ~Mrg

         QUÊ????? EU OUVI DIREITO??

          -ok, mas vamos dormir, love, ja está mt tarde ~XX

          Quê? Como assim? Ela namora com uma...garota?

          -devo estar delirando ~Mr, fui para o meu quarto e dormi

             No dia seguinte...

       Acordei com uma baita dor de cabeça, me lembrei de tudo o q tinha acontecido ontem e o q iria fazer hj, iriamos para a praia com a tia Lola para encontrar meus pais

        Levantei da cama e fui para a cozinha, encontrei a tia Lola,  a Margô e uma outra garota q eu desconhecia

         -bom dia ~Mr

         -bom dia ~T (todos)

         -quem é ela, Margô? ~Mr

         -ela é a minha amiga q vai na viagem com a gente, ontem ela veio aqui em casa, e dormiu aqui pq a casa dela é mt longe, o nome dela é Esthela ~Mrg

          -então, olá Esthela, prazer, Mário ~Mr

          -olá Mário ~E

          -ja q uma amiga dela vai, posso chamar o Felipe? ~Mr

          -claro q pode, amor ~TL
 
          O resto do café foi em silêncio, normalmente eu e a Margô conversamos muito no café, mas agora ela n falava comigo, em vez disso fazia gestos com a cabeça para a Esthela, como se as duas estivessem conversando por gestos, eu e a tia Lola achávamos muito estranho

         Fui para o meu quarto, ia arrumar as coisa, lembrei de ligar para o Felipe para convida-lo para ir a praia comigo (sinceramente, eu n quero ficar alone todos os dias), ele aceitou e eu voltei a arrumar a mala, depois de um tempo, acabei de fazer a mala e fui mexer no celular, q vontade q me deu de ligar para a Baby, eu n iria falar nada de ontem, mas eu iria começar a falar estranho, como se tivesse escondendo algo, acho melhor mandar mensagens

        Ficamos conversando (por mensagens,óbvio) até a hora q o Felipe chegou

        -e ai,cara ~F

        -de mal a pior ~Mr

        -pq ~F

        -dei uma mancada blaster , de novo ~Mr

        -com a Cry Baby,né? ~F

        -é, na festa ontem, colocaram alguma coisa nas bebidas, algo bem forte, vc tb tava mt piradão ~Mr

        -ante de vc chegar, me desafiaram a virar 5 copos de refri ~F

        -faz sentido, mas ai a Giulia apareceu, como ja tava bem alterado, deixei ela me levar... ~Mr

        -vc só pode estar brincando! N pode ser! Vcs, ce sabe-bateu as costas da mão com a palma da outra (vcs devem saber o q significa),afirmei ~F

       Ele ficou mt espantado, e vcs devem saber pq, tô com uma ódio mortal dentro de mim

       -vei, agr n tem volta, vc vai ter q falar pra ela, s n ela vai descibrir por conta própria ou a sua irmã fala ~F

       -eu vou contar, daqui a uns dias...meses...anos pode ser ~Mr

       -se vc ficar atrasando, ela vai descobrir, por mal ou por mal ~F

       -vdd, n sei mas o q eu faço! Tô pedido ~Mr

       -meninos, vamos se não pagaremos trânsito na estrada ~Mrg

       -ok ~Mr

       Olhei para o Felipe, só faltava babar

       -acorda, cara, ja vamos nos atrasar ~Mr, acordando ele do trânse q a Margô deixou nele

        -oi? O que? Vamos! ~F, se levantando

        Saimos do quarto e vimos a Margô na frante da porta

         -vamos, lindeza! ~Mrg

        A cara do Felipe se iluminou, iludido

        -ela chama as amigas assim, o mesmo para amor ~Mr
 
        Na hora, a cara era de "meu mundo vai cair"

        -calma ai, quiridinha, ce ta mt apresada, com licença,  pronto,cheguei ~E

        Fomos para o carro da tia Lola, era um de 7 lugares, então eu e o Felipe fomos no meio e as meninas no fundo (somos cavalheiros, elas q escolheram, zuera, foi por causa da Margô, ela tem um soco mt forte-tb, fazer 4 anos de taekwondo e muay-tay -n sei escrever- n poderia ter um soco fraco)

        Mas somos inteligentes, colocamos o fone mas n colocamos música para ouvir a conversa delas

         -da pra seber q vc n estão ouvindo música para ouvir a nossa conversa, pena q descobrimos, vamos conversar por mensagens assim vc n escutam ~Mrg

         -como vc sabe? ~Mr

         -provavelmente daria para ouvir a música, nem q seje mt baixo, mas n tinha nem um ruído ~E

         -cara, n dá para esconder nada de vcs ~F

         -ainda bem q sabem ~Mrg, olhando para mim

         -para ~Mr

         -nunca ~Mrg

         -vc é mt chata ~Mr

         -vc ever ~Mrg

         -mesmo vc brigada comigo, vc me faz rir ~Mr

         -q bom, então  significa q tb posso te fazer chorar ~Mrg

         -chega ~Mr

         -eu sou du mal! ~Mrg, rimos, como adoro ela, faz todo mundo rir, até em situações complicada

         -ce me perdoa? ~Mr

         -por pouco tempo, ou seja, até vc fazer outra besteira q eu sei q vai fazer ~Mrg

         -oxi, virou vidente, agora? ~Mr

         -sempre fui, só vc n sabia ~Mrg

         -mds, esses dois nunca vão crescer ~E

         -lógico que vamos, mas quando a gente quiser ~Mr

         -pq nós somos du mal ~Mrg

         -agr essa virou a sua frase, ninguém pode usa-la, tem direitos autorais ~F

         -vamos fazer verdade ou desafio? ~ Mr

         -como? ~E

         -ele tem um app q da pra jogar, mas só usamos a garrafa ~F

         -tendi, agr vamos jogar ~E

         Fomos o caminho inteiro jogando até eu fazer um desafio para a Margô de dar um beijo no Felipe (era para dar uma força pro Fê, ele tava com mt medo), mas esqueci de especificar como era o beijo, ela, como sempre esperta, deu um beijo na bochecha dele, mas pra ele ja foi motivo de explodir de felicidade

          Como n tava trânsito e a praia n era mt longe, chegamos rápido na nossa  casa alugada, chegamos e fomos cada um para o seu quarto, eu e o Fê para um quarto e as meninas para o outro

           -cara, obrigado por desafiar a sua irmã a me dar um beijo! Foi o melhor momento da minha vida! ~F

           -sabia q vc ia ter essa reação, mas se arruma pra ir a praia, vou chamar elas, ja volto ~Mr

           -chama logo q eu tô morrendo de vontade de ver ela de biquíni ~F

           -ou, eu apoio vc e ela, mas ainda tô aqui e quero pelo menos um pouco de respeito ~Mr

           -desculpa ai ~F

           Fui até o quarto delas e bati na porta, elas permitiram a minha entrada, convidei elas para ir a praia e aceitaram, depois fui para o meu quarto

            -elas vão, e sem olho bobo em ~Mr

            -vô tentar ~F

            -tb vou tentar ~Mr, rimos e nos arrumamos, fomos na sala para espera-las

             P.O.V. Margô

          -esse? ~Mrg, mostrando um biquíni vermelho para a Estrela

          -perfeito, e esse? ~E, me mostrado um roxo,mt lindo

          -vc quer me provocar, só pode ~Mrg

          -claro q sim, ai vc n fica de olho em mais ninguém ~E

          -aê, ja q é assim-peguei um outro preto, quase fio dental- vou com esse ~Mrg

          -nem pensar! Vc vai com o outro vermelho q vc tinha pego! Eu n deixo vc ir com esse n! ~E

          -então vc tb põe outro, viu, e um mais comportado ~Mrg

          -ok ~E

          Nos arrumamos e fomos para a sala, os meninos ja estavam lá, com cara de tédio

          -ja estão prontas ou ainda precisa passar maquiagem? ~Mr

           -nss! Ainda bem q vc lembrou! Falta passar maquiagem! ~Mrg

           -fala sério! ~F

           -tamo zuando, agr vamos pra praia? ~E

           -pelo amor de deus! ~Mr

           Saimos e fomos pra praia, n tava tão cheia, deixamos as coisas em qualquer canto e fomos para água
            -Fê, para de ficar me encarando, n ta legal ~Mrg

            -é, para de ficar encarando ela se quiser viver ~Mr

            -q? N tô encarando ninguém n! ~F

            -ta né. Vamos nadar la pro fundo? ~Mrg

            -vamos! ~F

            -n, só eu e a Esthela ~Mrg
 
            -pq noix n pode ir junto? ~Mr

            -vcs querem ouvir conversa de meninas sobre garotos? ~E

            -óbvio q n! ~Mr

            -então vcs n vão, vem Esthela ~Mrg, fomos nadando até ficar um pouco mais afastadas deles

            -hj a noite eu vou me assumir ~Mrg

            -finalmente alguém tomou coragem, arregona ~E

            -como é q é? ~Mrg

            -é vdd! A um tempo atrás, vc disse q iria se assumir mas n fez nada ~E

            -ta bom, eu n vou arregar agora ~Mrg, jogando água nela

            -aê? ~E, jogou água em mim

            Ficamos fazendo guerrinha de água, até eu beijar ela

            -vamos tentar beijar dentro da água? ~Mrg

            -vamos ~E

            Nos entramos na água  e nos beijamos

             
                  P.O.V. Felipe

            Tava conversando com o Mário e tb olhava de vez em quando para as meninas, até eu só vi uma de costas, a outra eu n via, mas tinha dois braços na nuca, e virava a cabeça, dando para ver outra, ai meu deus

             -Mário, n é normal ela fazer isso tb, né? ~F, ele virou e viu as duas

             -não... esquece isso, devem estar brincando, só pode, já ta tarde, Margô! Esthela! Vamos, ja está tarde! ~Mr

           Saimos da água e fomos para as nossas coisas, quando vi as duas saindo da água, q cena do paraíso, a Margô fica mais linda saindo da água, toda molhada com aquele biquíni q a deixava tão...desejável, vamos dizer

           -para Felipe, para de ficar encarando o meu corpo, por favor ~Mrg

           -quê? Felipe, se vc continuar assim, vc n vai viver até amanhã ~Mr

           -calma cara, pra q agressão? ~F

           Dps fomos para casa nos arrumar para o jantar, eu e o Mário ficamos conversando até a hora do jantar

           Fomos para a mesa, tinha macarrão, carne e salada de maionese, quando as meninas chegaram, começamos a comer, a Margô parecia querer falar algo

          -Margô, o q vc quer falar? ~F

          -ja ta na hora, como ensaiamos ~E

          -ok. Mesmo q vcs n gostem, eu ja sou assim a muito tempo, eu queria falar q eu...é...gosto de... garotas! Ou seja, eu eu sou lésbica ~Mrg, nervosa

         -QUÊ? COMO ASSIM VC É LÉSBICA! PQ VC NUNCA ME DISSE ISSO! ~Mr

         -PQ VC NUNCA IRIA ACEITAR! VC É HOMOFÓBICO! E VC TENTARIA ME IMPEDIR DE QUALQUER COISA! ~Mrg, saiu correndo para o quarto

         -vou ir falar com ela ~E

         -VC É NAMORADA DELA, NÉ? ~Mr

         -sou,e? ~E

         Cara, aquele clima tava muito tenso, os pais deles (eles tinham chego a um tempo antes), eu tava em choque


Notas Finais


Oi amores, desculpa a demora para postar novamente
Bjs 💟


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...