História O Acaso Do Nosso Encontro - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Hentai, Lemon, Yaoi
Visualizações 46
Palavras 1.214
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Slash, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Esse aqui é o 5° capítulo, esse vai realmente ser legal, espero que gostem dele, é um pouco difícil arranjar tempo para escrever todo dia, e nem todos os dias tenho inspiração para escrever.

Capítulo 5 - Irmã Safada


Fanfic / Fanfiction O Acaso Do Nosso Encontro - Capítulo 5 - Irmã Safada

A última parte que contei foi bem "Vergonhosa" para mim, falar aquilo é realmente me incomoda, mas a história tem que ser contada detalhe por detalhe para melhor interação. Bem, vamos logo continuar de onde paramos na história.

É bom seu quarto ter abafador sonoro, porque algum de nós vai gemer. Falo Rindo sabendo que eu iria fraquejar...

No dia seguinte, sou acordado normalmente as 07:00 da manhã, o Dean ainda estava dormindo, e eu estava despido é a cama toda grudenta, provavelmente foi a masturbação de ontem a noite, se bem me lembro.

Aproveito o momento para fazer um cafuné no Dean enquanto ele ainda estava dormindo, em seguida dou um beijo em sua testa e vou em direção ao banheiro, tomar um banho.

Estou todo grudento por causa do Dean ontem, ele podia ter sido um pouco mais generoso comigo ontem, não é. Falo embaixo do chuveiro ligado com água quente.

Sinto uma mão se aproximar do meu pênis e se encostar em minhas costas.

Quer que eu seja mais generoso hoje então Dan??. Fala Dean pelado agora debaixo do chuveiro comigo.

O-Oque você está fazendo aqui??. Falo envergonhado com o encostar do pênis do Dean próximo às minhas costas.

Eu vim tomar um banho com meu namorado ué. Fala Dean se aproximando um pouco mais de mim.

N-Namorado, não é porque você inventou aquela desculpa para seus pais que eu aceitei de bom grado. Falo com uma voz firme.

Mas nós já fizemos aquilo duas vezes Dan, acho que isso é oque namorados fazem, eu acho, nunca tive um ou uma, então não sei. Fala Dean se aproximando de mim com um olhar malicioso.

É..., Bem, é verdade, mas eu não concordei com nada. Falo para Dean.

Oque posso fazer para você aceitar então Dan??. Pergunta Dean agarrando meu pescoço e indo com seus lábios em direção aos meus.

B-Bem, eu não vejo problema em você ser meu namorado, contanto, que me responda tudo que eu perguntar a você. Falo meio envergonhado por conta do beijo é por conta da situação do banheiro.

Suas expressões são as melhores Dan, ainda mais a sua expressão envergonhada, ela me excita muito mais que suas outras expressões, mas para mim tudo bem te responder qualquer coisa, isso pode deixar nosso relacionamento ainda mais "Íntimo". Responde Dean rindo e com uma expressão feliz por eu ter aceitado ele como namorado.

B-Bem, vamos acabar logo esse banho Dan, essa conversa me deixou excitado, quero te usar um pouco aqui no banheiro. Complementa Dean me puxando pelos braços e começando a penetração.

Depois de todo o "escândalo" do Dean comigo no banheiros, nós fomos nos trocar.

Você não para né Dean, estou começando a achar que você quer me usar não como namorado, e sim como brinquedo sexual seu. Falo para Dean com um olhar cheio de dúvida.

Quem sabe em Dan, talvez seja só isso mesmo. Me responde Dean rindo em seguida enquanto acabava de se vestir.

V-Você.. , não para nunca, até que é bom.. , quer dizer, deixa para lá. Falo envergonhado acabando de me vestir.

Então você reclama de que eu faço muito sexo, com você mas na verdade você gosta. Dean responde rindo exageradamente.

Você é realmente engraçado, mas de qualquer jeito, estou pronto, quer ajuda para se vestir??. Complementa Dean.

C-Claro. Sou atrapalhado pelo Dean fazendo um nó na minha gravata, fiquei vermelho que nem um tomate.

Pronto, agora está bonito, mas confesso dizer, sem roupa você é mais bonito. Fala Dean.

S-Seu pervertido. Grito para que Dean pudesse ouvir minha raiva naquele momento.

Calma, só estou falando a verdade, de todo jeito, vamos logo sair para algum lugar. Fala Dean logo em seguida pegando me pela mão e me direcionando a garagem.

Oque estamos fazendo em uma garagem Dean??. Falo olhando para a quantidade de carros luxuosos que estavam naquela garagem.

Ué, nós vamos sair, quer ir para algum lugar específico??. Pergunta o Dean a mim esperando uma resposta.

Não Dean, não vamos sair, você tem quantos anos para dirigir um carro??. Pergunta ao Dean.

Eu tenho 17 anos, assim como você, mas eu sei dirigir, mesmo não tendo carteira ou idade. Responde Dean meio chateado com minha resposta.

Não Dean, sem desrespeitar a lei, aqui na sua casa é ótimo, aposto que vamos nos divertir um pouco. Respondo Dean tentando não o deixar mais triste com a situação.

Eu só queria ficar um pouco longe dos meus pais, mas tudo bem, vamos fazer algo legal. Fala Dean um pouco mais animado.

Nós fomos de mãos dadas em direção a um novo cômodo que eu não havia visto ainda, a cozinha, nesse cômodo estava a irmã do Dean, Dean me mandou ficar esperando ele enquanto ele fazia uma pipoca para comermos juntos, porque nós decidimos assistir algumas séries, o porém é que eu não sabia que a irmã do Dean ia pular de mim de braços abertos.

Você é bem bonito sabia??, Também é bem musculoso, parece meu irmão, você é bem atraente. Falas irmã do Dean que estava sobre mim.

D-Dean, a sua irmã. Eu falo para Dean que ainda não havia me percebido por que estava fazendo a pipoca para nós, essa irmã do Dean estava me paquerando.

Dean bota a pipoca em um balde especial de pipoca, aqueles de cinema, e se vira em minha direção e vê a cena e me ouve falando da irmã dele, que ela estava me paquerando.

O-Oque você está fazendo com meu namorado maninha??!!!. Ele fala estressado e a empurrando de cima de mim.

Dean. Falo feliz por estar novamente perto dele.

Vamos lá Dan, temos que assistir algumas coisas, e fazer algumas coisas. Fala Dean para mim querendo intimidar sua irmã.

Ele pega o balde de pipoca, eu pego dois copos de bebida.

Ao chegarmos no quarto, o Dean logo ligou a TV que está conectada ao seu pacote de filmes e séries, e eu não fiz nada, nem arrumar a cama, porque as empregadas sempre vem arrumar o quarto a manhã.

Nós nos deitamos na cama, nos cobrimos e colocamos o balde de pipoca entre nós, assim nós dois poderíamos pegar a pipoca.

Nós assistimos várias séries, quando o Dean quebrou um pouco o clima com uma pergunta.

V-Você e minha irmã fizeram algo enquanto eu não vi??. Pergunta o Dean envergonhado e atento a série, eu senti que ele estava realmente preocupado comigo.

Nós não fizemos nada, eu não a deixaria, mas porque a pergunta repentina, ficou com ciúmes por acaso??. Falo e começo a rir.

Eu, com ciúmes, nunca..., Ora, talvez um pouco, qualquer namorado ficaria preocupado, e você é bem brincalhão ainda perguntando se eu está com ciúmes.

Ei comecei a rir e ele também, o Dean parou a Série que estava passando e colocou o balde de pipoca sobre uma espécie de mesa ao lado da cama, nós juntamos nossas testas, assim as aquecendo, e começamos a rir um pouco.

Vamos manter nossas testas assim mais um pouco, está muito bom esse momento, não quero esquecê-lo. Falo animado.

Tudo bem, vamos dormir um pouco, sei que é meio dia, mas não dormi muito bem ontem, te usei demais, não deu para dormir quase nada. Fala o Dean com a cabeça dele encostada a minha.

Tudo bem então. Falo a ele desinibido nossas cabeças e o enchendo com um beijo bem rápido e intenso.

Beijo de boa noite. Complemento e começo a rir depois.

Eu te amo. Fala o Dean reunindo nossas cabeças.

Eu também te amo. Respondo ao Dean.

Em pouco tempo nós dois caímos em sono profundo.


Notas Finais


Esse capítulo não foi o maior da história, mas certamente, é um dos que mais me trouxe orgulho com toda a certeza.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...