História O acordo perfeito - Capítulo 8


Escrita por: ~ e ~AkariCrazy

Postado
Categorias Amor Doce, Mitologia Grega
Personagens Alexy, Castiel, Dakota, Debrah, Lysandre, Rosalya, Violette
Tags Castiel, Dakota, Lysandre, Mitologia Grega, Tretas, Violette
Exibições 31
Palavras 1.489
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Luta, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Hello!!
Como estão queridos mortais?
Espero que bem
Aqueles leitores queridos que odeiam a Ambre

Recadinho
Vão odiar ainda mais
Boa leitura

Capítulo 8 - Uma praga chamada Ambre


Fanfic / Fanfiction O acordo perfeito - Capítulo 8 - Uma praga chamada Ambre

- MAS NEM QUE A VACA TUSSA – resmungou Alexy

- Ah qual é Alexy – disse Rosa

- Você só pode estar louca Rosa, não faço dupla com essa aí – apontou – nem que me paguem

- O que disse ? – falou Ambre irritada

- Ambre pelo amor fica quietinha – pediu Louise

- Fica quieta você garota – falou com raiva

- Já chega né Ambre, você esta pior do que o de costume hoje – disse Rosa

- Pior do que o de costume ? – ironizou Louise – Essa praga todo dia está pior

- Repete isso – falou Ambre furiosa

- PRAGA – pronunciou Louise

- Você me paga – disse saindo da sala pisando forte

- Caramba você é demais – disse Armim

- E minha heroína – falou Alexy

- Não foi nada – respondeu Louise sorrindo

- Você é uma das poucas pessoas que desafiam a Ambrega – disse Rosa sorrindo

- É eu já ouvi isso – sorriu

  Faraize logo entra na sala e começa a dar sua aula, Ambre ficou fora de sala toda à manha, Castiel entrou somente no segundo tempo de aula, Li e Charlotte entraram se esbarraram em Louise durante o intervalo, e colocaram algo na bolsa dela, mas ninguém percebeu

- Então conseguiram ? – perguntou Ambre

- Sucesso total – disse Li

- E a idiota nem percebeu – falou Charlotte

- Ótimo – sorriu vitoriosa - quero só vê a cara do Castiel

  Ambre foi para sua casa enquanto Li e Charlotte foram para sala, logo todos retornam para suas salas, e Castiel parece procurar algo

- Castiel o que esta procurando ? – perguntou Lysandre

- Meu mp4, você viu ? – perguntou

- Não, sinto muito – disse Lysandre

- Juro que quando descobrir quem pegou eu mato – falou Castiel ameaçador

  A aula passa bem rápida e Castiel continua a procurar seu MP4, mas não encontra. Na hora da saída Louise, Rosa, Alexy, Armim e Iris vão para os seus armários juntos

- O que é isso ? – pergunta Louise pegando um mp4 que caiu de sua bolsa e logo atrás dela aparece Castiel e Lysandre

- Então foi você quem pegou meu mp4 ? – disse furioso tomando da mão dela

- Mais calmo tomate, eu nem sabia que era seu – se defendeu

- Não é nada legal pegar as coisas dos outros sem pedir – disse Castiel

- Será que dá para me escutar, eu não peguei seu mp4 – falou Louise ficando irritada

- Porque não pede para seu pai comprar um pra você ao invés de pagar o dos outros – falou irritado

  Rosa e Alexy tentaram se meter na briga, mas sem sucesso, Armim e Iris só ficaram olhando surpresos e Lysandre era o único que estava calmo, assim também como era o único de que havia dado conta da besteira que Castiel falou

- Quer saber, não ligo se você acha que fui eu quem pegou – disse fechando o armário – a verdade sempre aparece, uma hora ou outra, até Castiel – falou fria e saiu do local

  Castiel ficou surpreso por ser chamado pelo seu nome, já que Louise sempre o chamava de ‘tomate’, Rosa e Alexy começaram a brigar com Castiel

- Francamente Castiel, você deveria a ser mais paciente – esbravejou Rosa

- Acha mesmo que a Louise ia pegar algo que não é dela ? Acorda Castiel – disse Alexy irritado

- Ah claro vão defender ela – debochou Castiel

- Você não toma jeito Castiel – falou Lysandre levemente irritado – Acho bom você pedir desculpas para Louise – falou serio

- E porque eu faria isso ? – debochou

- Simples Castiel, talvez porque tenha sido outra pessoa que pegou seu MP4, e colocou na bolsa da Ize para incrimina – lá – disse Armim

- Quem por exemplo ?

- A pessoa que passou a manha fora da aula, sabe quem é ?

- E eu vou lá saber, não presto atenção em quem vem e não vem para aula

- A Ambre, Castiel – disse Iris – Ela não veio para aula hoje, bom na verdade veio mas foi embora depois de uma discussão com a Louise

Castiel não falou nada, apenas foi embora sem falar com ninguém, Rosa, Alexy, Armim e Iris foram para suas casas e Lysandre foi falar com Louise, que na saída se esbarrou em Ambre

- Espero que tenha aprendido a lição – disse Ambre

- Então foi você quem colocou o mp4 do Castiel na minha bolsa ? – perguntou irritada

- Não querida – debochou – apenas mandei que colocassem e se fosse você tomava cuidado com minhas amigas, sabe elas gostam de ver pessoas como você humilhadas – riu

  Louise foi tomada pela raiva e deu uma bela bofetada na cara de Ambre, que ficou irada mais foi embora sem fazer nada com Louise, apenas deu um recado

- Tenha cuidado com a floresta durante a corrida Louise – falou ameaçadora – Me encontre na floresta fora da barreira mágica pela parte da tarde, e nem pense em não aparecer – disse e foi embora  

  Louise foi embora para casa irritada com Ambre e com Castiel, chegando em casa jogou sua bolsa no chão e se jogou no sofá

- Por que eles sempre acabam me machucando ? – perguntou Louise se lembrando do que Castiel havia dito

Flashback on

- Porque não pede para seu pai comprar um pra você ao invés de pagar o dos outros – disse Castiel irritado

Flashback off

Louise estava chorando, não só pelo que Castiel disse, mas também por lembrar-se de seu pai, ela já tem fardos demais para carregar, a morte de seu pai, sua prima, seu tio, cada morte era um pedaço que se quebrava dentro dela. Alguém bate a porta de sua casa e ela vai ver quem era

- Oi Louise – falou sorrindo a olhando

- Oi Lys – disse triste

- Estava chorando ? – Louise abaixou um pouco a cabeça e Lysandre pegou o queixo dela levantou e delicadamente enxugou as lagrimas que caiam de seus olhos

– Você quer entrar ? – perguntou Louise

- Claro – disse Lysandre

  Louise e Lysandre entraram na casa, Lysandre deu um abraço em Louise, que ficou surpresa, mas o abraçou também

- Olha Ize, não liga para o que o Castiel fala, ele não nada sobre você – falou ainda abraçado nela

- Não tem problemas Lys – falou com a voz suave e triste – Será que pode me fazer um favor ?

- Claro que sim, diga o que precisa

- Pode entregar isso ao Boris – falou desfazendo o abraço e entregando um papel – não estou me sentindo muito bem para ir para aula hoje

- Mas ... – foi interrompido

- Por favor Lysandre – pediu

- Tudo bem – suspirou – Irei entregar para ele – sorriu

  Lysandre saiu da casa de Louise e foi para dele, Louise colocou uma blusa sem manga branca, um short jeans e seu tênis laranja, amarou sua blusa na frente e esperou a tarde chegar, não foi almoçar na casa de Jack como de costume, apenas comeu uma maçã. Depois de um tempo que a aula começou foi para fora da barreira cautelosamente, para não ser vista por ninguém, assim que saiu da barreira viu Ambre e a seguiu. A loira e suas amigas armaram uma armadilha para Louise

- Espero que aprenda a não se meter comigo Louise – disse com desgosto

- O que vai fazer Ambrega ? – falou sorrindo

- Li , Charlotte – falou e Li se aproximou de Louise e a olhou nos olhos

- Não se mexa – disse e Louise ficou parada feito pedra onde estava

- Ah acho que não lhe disse , mas Li é filha da deusa da obediência – riu

- Iriana – falou Louise

- E Charlotte é filha da deusa dos animais ferozes, Aiora – falou Ambre novamente

- O que quer Ambre ? – disse Louise nervosa

- Somente deixar claro que não se deve mexer com a filha de Atena, Charlotte – se direcionou para ela – pode chamar

- Pantera – sussurrou sorrindo, e logo uma pantera negra apareceu

  Louise ficou um pouco assustada, mas não baixou a guarda

- Isso vai ser divertido – disse Ambre sorrindo

~~~ Quebra de tempo~~

Louise estava caída no chão com sangue escorrendo pelo canto de sua boca e alguns hematomas roxos pelo corpo, Ambre se aproximou dela e pegou o rosto dela fazendo que Louise olhasse para ela

- Espero que não se meta mais no meu caminho – soltou Louise

  Ambre, Li e Charlotte foram embora, Louise com muita dor se levantou e foi para sua casa, cuidadosamente, para que ninguém a visse, com sorte, consegui chegar em casa sem ser percebida, se sentou no sofá cansada e logo alguém bateu a porta, com cuidado ela foi ver quem era

- Dake? Violette ? O que fazem aqui – falou os puxando para dentro e trancando a porta

- Louise, o que aconteceu com você ? – perguntou vendo o estado dela

- Bom. Não contem a ninguém o que viram aqui – suspirou - foi a Ambre – disse encostando-se à parede de costas, Dake percebeu que ela não estava bem.

 

 

 

 


Notas Finais


Então amores
Como sou uma autora bem legal, e a co-autora é meio esquentadinha, fizemos um acordo de que ou em janeiro ou em dezembro iremos postar toda segunda e sexta, mas preciso que vocês escolham se querem em dezembro ou em janeiro, okay?
Não esqueçam de comentar, please
Leitores fantasmas se manifestem
Eu amo seus comentários
Por mais pequenos que sejam


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...