História O amor cura o trauma


Escrita por: ~


Sinopse:
­- Youngjae, você precisa esquecer isso, precisa parar de ter medo e começar a se relacionar. - A mãe de Yoo sempre dizia isso à ele, porém ele nunca escutou.

Quando Yoo Youngjae tinha quinze anos acabou sofrendo um estupro após sair de uma festa entre amigos, depois disso ficou com um trauma de ter relacionamentos com outras pessoas e nem sentia atração por ninguém.

Mês passado completou vinte e dois anos, essa semana se mudará para Seul para tentar uma nova vida tentando esquecer o trauma e quem sabe não encontrar alguém.
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 2.145
Favoritos 51
Comentários 18
Listas de Leitura 1
Palavras 12.024
Terminada Sim
Categorias B.A.P
Personagens Bang Yongguk, Daehyun, Himchan, Jongup, Youngjae, Zelo
Tags Banghim, Bap, Daejae, Jonglo, Trauma

Fanfic / Fanfiction O amor cura o trauma
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Mudança
0
236
499
 
2.
Velho amigo
0
189
480
 
3.
Novos amigos
1
182
605
 
4.
Uma possível paixão?
1
163
978
 
5.
Hyera?
0
137
932
 
6.
Um novo amigo?
0
137
683
 
7.
Seremos bons amigos
0
129
638
 
8.
Entendimento
0
133
789
 
9.
Confusão
1
123
862
 
10.
Desculpas
6
121
992
 
11.
Confissões
2
109
715
 
12.
Tentando acertar as coisas
3
107
713
 
13.
Conseguimos?!
1
106
623
 
14.
Mãe?!
1
106
1.375
 
15.
Finalmente
0
89
649
 
16.
O casamento
2
78
491

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

O autor dessa História ainda não destacou nenhum comentário.