História O Amor É Capaz De Vencer A Tudo - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 3
Palavras 519
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Distância não anula sentimento ( parte 1 )


Acordo com uma sensação esquisita vinda do coração, não sei bem que é mas nunca senti antes já se passaram três dias que não falo com o Peter deve ser isso

Ligo para Estela minha melhor amiga, uma garota Alta, cabelos encaracolados que lembravam anjo!

–Alo! Gostaria de falar com a Estela

–Oi Taylor reconheci sua voz- Ao mesmo tempo surpresa e feliz pela ligação inesperada

–Eu liguei para saber como estão às coisas por ai - Estela acabara de viajar para o Brasil

–Bem o pais é lindo de morrer

–Imagino. Quando você volta?

–Daqui uma semana, quando voltar podemos combinar de sair juntas

–Que tal irmos ao shopping?

–Combinado, quando voltar eu te ligo - ela disse encerrando o assunto

–Taylor agora preciso ir minha mãe esta me chamando

–Ok, Estela divirta-se

–Obrigada!

Liguei para Estela com a esperança dessa sensação esquisita no coração ter saído, mas não foi bem isso que aconteceu!

Arrumei-me e arrumei meu quarto, abri ambas as cortinas e vi toda aquela neve.

Uma coisa que tem me chamado muito a atenção, Por que será que toda musica que ouço me lembra ele? Por que será que todo filme romântico que vejo me lembra ele? Todo livro que leio de alguma forma me faz pensar nele? O tempo todo, Dois anos depois ele ainda permanece 24 horas na minha mente, sem descanso nem pra dormi! Ops! Pensamentos interrompidos pelo meu pai!

–Taylor , filha precisamos nos despedir

Meu pai, quase nunca temos tempos juntos ,na verdade ele não é meu pai,é o pai da empresa onde trabalha que eu costumo chamar de "Irmãzinha mais nova"

– Já vou papai

Desço as escadas rapidamente e pulo no meu pai dando um abraço forte, eu sei que ele vai demora pra voltar

–Hã Taylor me ajude a levar as malas para o carro? -ele me abraça tão apertado que eu penso que meus ossos vão quebrar

–Claro

Eu o ajudo e ele entra rapidamente no carro beijando levemente os lábios da minha mãe e vai embora!

–Ele volta rápido- Diz minha mãe colocando a mao no meu ombro

Nesse momento senti outro aperto no coração, mais agora eu sei o motivo minha mãe esta sofrendo, eu sei o quanto dói não pode tocar em quem você mais ama, eu sei o quanto dói se sentir desprotegida do seu amor

Eu admirava o relacionamento dos meus pais, Eles são casados por 19 anos e a 10 meu pai viaja constantemente e os dois continuam apaixonados, O amor supera tudo, eu sei!

Entramos para casa juntas sem falar nenhuma palavra e aquela dor no coração continua nada me agradava nem a televisão, nem meus livros, nem a neve lá fora e musica me fazia lembra dele

Foi quando Peguei uma revista perdida em cima da lareira

e la no meu horóscopo estava escrito

"distância não anula sentimento."

Não esperei mais nada e liguei para o Peter, quando comecei a discar os números tive a impressão de uma força me colocando para baixo... Muito estranho,parecia que ia desmaiar antes de ouvir a voz dele.

O que esta acontecendo comigo?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...