História *O amor impossível entre imortais* - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fallen, Os Imortais, Os Instrumentos Mortais, Yandere Simulator
Tags Anjo
Visualizações 6
Palavras 881
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção, Magia, Mistério, Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - Anjo?


Fanfic / Fanfiction *O amor impossível entre imortais* - Capítulo 11 - Anjo?

Pov Sebastian

Ela estava escrevendo alguma coisa no diário que permiti que ela ficasse, já que não continha nada...  Não vou ler nada, isso é invasão de privacidade. Derrepente vejo como ela parece estar exausta, pego e arrumo suas coisas e guardo, quando eu fui pegar o diário ela acabou acordando.

- aí... Meu Pai do céu, a aula já acabou??

- Sim bela adormecida

- não enche!

- Kkkk se você quiser ver o filme é melhor se apressar...

Ela pegou o diário colocou na bolsa, me acompanhou até a saída da escola e disse:

- Será que podemos passar na minha casa antes para eu tomar um banho rápido?

- certo

Fui seguindo ela a casa dela não é tão longe da escola, acho que deu uns 15 minutos minha casa também mas eu venho correndo em minha forma de lobo...

A casa dela é bem bonita, tinha um jardim muito lindo um banco perto de umas árvores é uma casa bem de família riquinha...

- entra se não você vai acabar se molhando...

Fui até ela, ela ligou a mangueira e molhou rapidamente as plantas... 

- Você até que sabe cuidar de um jardim.

- obrigada gosto dessas plantas dão um bom ar para esse lugar... 

Ela fechou a torneira, pegou a chave e abriu a porta, bom abrindo a porta já vejo uma sala com uma tv e um sofá em L e duas partileiras quadradas com livros, chão que parece ter sido encerrado, um tapete com pelo...

- você com certeza tem uma das melhores empregadas Kkkk

- eu moro sozinha não tenho empregada então vou aceitar isso como um elogio

Ela saiu me guiando, ela tem uma cozinha linda e tem dois banheiros que estranho para alguém que mora sozinha... E enfim chegamos ao quarto, uma cama de casal perto de uma janela que tem um apoio que te permite olhar por ela sentado, um roupeiro e mais livros. E mais uma porta que resumi que era o outro banheiro.

Ela tirou o diário da mochila e colocou em cima de uma escrivaninha do lado da cama pegou umas roupas e se virou para me olhar

- fica a vontade não vou demorar mais do que 15 minutos.

- ok

Ela foi para o banheiro enquanto eu esperava e decidi ligar para minha mãe, ela supervisiona tudo com os lobisomens...

Ligação on

- mãe? 

- sim?

- Você tá em casa?

- não, tô resolvendo alguns problemas... Por quê?

- a nada só para saber... É que eu tô levando uma... Amiga para ver um filme comigo.

- amiga? Milagres acontecem você sempre parecia estar de TPM quando o assunto era suas amigas...

- mãe! Chega.

- só tô falando a verdade... Ela é mortal?

- eu ainda não sei...

Ela suspirou e falou

- cuidado para não se meter em encrenca e não se apaixone sabe que não pode se aproximar de mais de um mortal...

- eu sei... Tenho que desligar agora

- ok até amor te cuida

 Ligação off

Sophie está demorando será que tá bem? Resolvo bater na porta

TOC TOC

- ainda tá viva ??

- tô só tô arrumando meu cabelo 

- aí aí...

E derrepente ela sai do banheiro está  vestindo um vestido é uma sandália que deixa ela um pouquinho mais alta mais ainda tá baixa Kkkk 

- podemos ir agora??

- sim 

Ela fechou a porta e pedimos um taxi, estranhos e enfim chegamos na minha casa.

POV Sophie

( Agora ela está em negrito)

Chegamos a casa de Sebastian ele tem uma casa bem bonita me fez um tour pela sua casa, mas deixou o quarto por último.

Assim que ele abre a porta Rocky vai correndo em minha direção, me abaixo e faço carinho nele ele é muito fofinho

- traidor 

Diz Sebastian

- ele só tem bom gosto não é mesmo? 

- talvez só seja um pouco pervertido...

- cala a boca

Ele entrou no quarto o dele é maior que o meu é um pouco bagunçado mas nem falo nada tem uma cama de casal , uma escrivaninha, uma tv, um roupeiro e um sofá.

Assistimos um filme deitados na sua cama ele fez pipoca e assistimos só que não sei o que deu em mim acho que estou caindo de sono...

POV Sebastian

Ela acabou dormindo...  Chega ser até Angélical dormindo derrepente Rocky lati e sai correndo fazendo-a acordar em um pulo, ela tem um cheiro doce de baunilha e mais alguma coisa que emana dela, olho seu pulso e vejo uma marca que conheço muito bem...

- acho que....

Antes que ela diga alguma coisa a pouco em um beijo e ela parece surpresa mas retribui o beijo é tão estranho... Mas sinto como se... Estivéssemos ligados só nos separamos apenas para recuperar o fôlego.

- acho que perdi o filme...

- kkkkk talvez 

E volto a beija- lá 

- posso perguntar uma coisa? 

- pode

- por que não me falou que era um anjo?

Ela parece surpresa

- como você sabe?

- reconheci a marca no seu pulso e... De nada.

- de nada por?

- salvar a sua vida...

- espera... Você é o lobo que me salvou aquele dia?

- talvez...

- bem isso explica a marca na sua mão...

Falamos sobre várias coisas até que ela decidiu ir embora... Então acompanhei ela até a sua casa.

- bom até amanhã bela adormecida e vê se dorme...

- Kkkk ok e... Sebastian?

- sim? 

Ela me beijou e sussurrou em meu ouvi

- a gente se vê amanhã...

- claro

Ela entrou em casa e eu volto para a minha

Eu realmente gosto dessa garota.

Fim do capítulo











Notas Finais


Tô demorando para postar por causa...
De falta de tempo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...