História O amor indireto - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Personagens Fionna, Marshall Lee, Principe Chiclete
Tags Aventura, Revelaçoes, Segredos, Yaoi
Visualizações 15
Palavras 464
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Continua aqui os capítulos. Se odiar me avise, eu tenho problemas mentais

Capítulo 3 - Amor incondicional


...nesse momento Marshall se declarou ao Príncipe Chiclete 

-Sabe Príncipe, eu não gosto exatamente de princesas. É que e-eu sou g-g-gay...

O quarto ficou em um silêncio absoluto, mas o Chiclete desabafou. 

-A-ah... E-Eu não s-sabia... É meio constrangedor falar sobre a minha sexualidade... e-e-eu também sou meio afemin-nado. Na verdade eu h-havia uma quedinha por você... 

Marshall ficou com as bochechas muito avermelhadas, mas ele tentou fazer algo novo e deu um beijo ardente no príncipe com seu lábio salgado. 

-----Visão do Marshall Lee----

Dei um beijo bem gostoso no príncipe e o gosto de doce dos lábios deles se juntaram ao meu. Estava muito delicioso sentir aquela sensação de doce e salgado. Estavamos dando apenas selinhos, mas foi cada vez mais ficando sério, chegando ao ponto que nós estavamos babando. A saliva doce do Chiclete se misturou com a minha fazendo uma combinação incrível; eu estendi minha mão até as regiões baixas do Chiclete. Ele segurou a minha mão levemente. 

-----Visão do Príncipe Chiclete----

Eu nunca tinha sentido aquela sensação deliciosa de ter beijado alguém, inclusive um homem. Quando Marshall havia descido a mão até minhas partes íntimas me senti excitado totalmente. Segurei a sua mão mandando um sinal de que não estava tão preparado. 

-Que foi Chiclete? Não tá preparado?- disse o vampirão num tom sádico- Você vai adorar

-Não sei Marshall, essa é a minha primeira vez em minha vida. Talvez possk tentar

Eu larguei a mão dele e fiz um aceno de preparação. Ele desabotoou meu short e eu fiquei muito mais excitado. Marshall pegou na minha parte íntima e começou  a me masturbar rapidamente.

Começei a soltar alguns gemidos, cada vez mais aumentando e eu fui ficando cada vez mais excitado. 

-Aahn...uui...ãan- derrepente eu ejaculei no rosto e na mão do Marshall. Assustado, limpei o rosto dele e ele disse que não havia problema.

Eu fiquei tão assustado e limpei o rosto dele, mas ele disse que não tinha problema. Estou totalmente sem noção agora, mas ainda apaixonado

------Visão do Narrador------

Depois daquele amor, os dois apaixonados dormiram enrolados na coberta. Aquilo havia sido tão romântico mas tão anormal. 

------Visão do Marshall Lee-----

Eu estou totalmente envergonhado com essa situação... me constrangiu mas ao mesmo tempo me romantizou. 

Ainda bem que consegui contar sobre minha sexualidade. Não aguentava mais segurar. Ufa, livre estou.

O Chiclete era legal, até, mas agora que eu tive tanta intimidade, ficou mais adorável que era. Ele é tão doce, faz esquecer minha acidez. O filme estava épico e a coisa da triologia é verdade. Eu amo. 

------Visão do Príncipe Chiclete---- 

Com essa situação, eu estou vermelho de vergonha, mas rosa de amor. Não sei o que o Marshall Lee pensa sobre mim, mas eu acho ele o máximo. Ele é azedo, mas tem um coração doce por dentro. Só precisa explorar o lado doc


Notas Finais


Certo, agora continua o próximo e último capitulo desse romance indireto


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...