História O Amor Não Para - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Chanyeol, D.O, Jimin, Suga
Tags Bts, Chansoo, Chanyeol, Do Kyungsoo, Doença, Drama, Exo, Fluffy, Jimin, Kyungsoo, Min Yoongi, Minifanfiction, Park Chanyeol, Park Jimin, Romance, Suga, Tragedia, Yaoi, Yoongi, Yoonmin
Visualizações 43
Palavras 301
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Fluffy, Poesias, Romance e Novela, Slash
Avisos: Álcool, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Bom, estou aqui.
Usuária nova no Spirit, postando sua primeira fanfiction dentro dos temas EXO e BTS, meu grupos utt's. Chansoo e Yoonmin, motivos? Acho os dois shipps extremamente fofos e mesmo que não seja "real", a amizade entre eles ainda é muito bela.
É uma mini fanfiction, então não esperem capítulos muito grandes! Mesmo que meu objetivo seja escrever de 200 á 500 palavras, prometo que tentarei fazer valer a pena cada uma delas.
Essa fanfic aborda temas um pouco tristes, então se não se sentir bem lendo esse tipo de conteúdo, por favor, não leia! Dois dos quatro personagens principais são deficientes e pode ser que seja dada alguma informação errada sobre isso no decorrer da fanfic, mesmo que eu esteja me esforçando para assemelhar ao máximo á realidade. Caso perceba algum erro, por favor me comunique, pois realmente considero isso muito importante.
Tenho apenas 12 anos, então caso algumas coisas fiquem mal explicadas, precisarei dos seus comentários informando. Obrigada e boa leitura <3

Capítulo 1 - Primeira Hora, Por Kyungsoo


[Primeira Hora, Narração por Do Kyungsoo]

Bom realmente é muito estranho até hoje andar na rua, pelos menos para mim. Meu amigo, Yoongi ainda consegue mover seus braços e mesmo com a perda dos movimentos dos membros inferiores as pessoas ainda consideram “menos pior” do que o meu problema. Sou tetraplégico. Basicamente, só tenho controle sobre minha boca e olhos. Dizem que eu sofro mais.  Não que eu ache isso certo, o sofrimento de alguém não deve ser medido assim... Quando há sofrimento! Eu posso dizer que me sinto razoável com minha situação atual.

Por incrível que pareça, não sou um doente. Afinal, nem todo deficiente é doente. É como se alguém arrancasse as asas e patas de um pássaro e ele só conseguisse ficar em seu tronco observando seus outros amigos pássaros voarem pelo seu azul.  É assim que me sinto. Não é de um todo ruim na verdade. Pelo menos não essa parte. 

Como eu cheguei a esse estado. Essa é a parte que me chateia. Sofri um acidente de carro junto com minha mãe, Yoongi e seu pai. Estávamos á caminho do casamento deles, mas infelizmente minha mãe e o pai de Yoongi morreram  naquele acidente e eu e meu melhor amigo tivemos a má sorte de permanecer vivos nesse estado. 

Atualmente, vivemos da ajuda de pais e alunos da nossa antiga escola. Não gosto muito dessa ideia. Eles nos tratam com pena e insistem em sempre nos levar para fazer tratamentos e reuniões com outros portadores de deficiência e doença. Á primeira vista parecia terrível para mim e Yoongi visitar lugares como esse, mas hoje até que eu me divirto.

Aquela tarde seria mais uma aonde eu teria de ser levado ao fundo de uma igreja com meu amigo resmungando atrás de mim.

-Está pronto, Gi- ah!?

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...