História O amor, nem sempre está onde você procura - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Drama, Original, Romance
Exibições 3
Palavras 706
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Lírica, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Ola gente
a foto do capitulo retrata o look que ela vai usar no capitulo, menos o tenis que não é esse
desculpe quaisquer erros de portugues

boa leitura

Capítulo 5 - Um pouco sobre o passado


Fanfic / Fanfiction O amor, nem sempre está onde você procura - Capítulo 5 - Um pouco sobre o passado

SAMANTHA ON

Segui meu caminho aos prantos, não conseguia para de lembrar daquela cena, era como se a mamãe e eu não importasse para ele, nós ficamos esses dias preocupada com ele, minha mãe mal comia só pensando no que poderia ter acontecido com ele, e isso é o que me deixa mais triste, o fato de minha mãe não se alimentar por causa dele agora está me dando ódio, mas já está decidido, não contarei nada para mamãe para não faze-la sofrer mais, mas assim que ele voltar, farei ele contar tudo para ela, não gosto do fato dele está enganando ela, e você pode pensar que eu estou acobertando ele, mas não farei ela sofrer, ele ficará sabendo tudo da boca dele.

Parei de chorar, decidida do que ia fazer, enxuguei todas as lágrimas e cheguei em casa, disse oi para minha mãe e fui direto para o banheiro tomar um banho e esfriar a cabeça, chamarei minha mãe para ir comigo ao cinema hoje a noite, só para tentar faze-la esquecer do safado do meu irmão.

Acabei o banho, vesti uma roupa leve e fui almoçar com minha mãe, ela novamente não iria comer, mas eu a convenci.

Sam- Mãe, eu estava pensando, quer ir ao cinema hoje a noite comigo?

Sara- filha, desculpa, mas eu não estou com cabeça para isso, só consigo pensar no seu irmão

Sam- Vamos mãe, você tem que se distrair um pouco, e não ficar em casa presa pensando no pior, tenho certeza que ele está bem, deve está na casa de algum amigo da faculdade

Sara- Verdade, eu tenho mesmo que esfriar a cabeça, vamos sim filha

Passamos o resto do almoço falando sobre que filme ver, minha mãe tinha se animado um pouco, mas dava para ver a presença da tristeza no seu olhar.

Logo após o almoço, eu subi para o quarto, afim de tirar um cochilo, esses dias de aula acordando cedo estão me matando.Deitei, e logo adormeci, o único problema foi o sonho/pesadelo que tive logo após dormi.

 

SAMANTHA OFF

AUTORA ON

 

SONHO ON

 

???- trás logo minha cerveja Sara, não tenho todo tempo do mundo para esperar

Sara- calma Matheus - diz ela enquanto leva a cerveja até seu marido- aqui

Matheus-...-ele abre a cerveja e dá um gole- essa porra está quente, eu ti disse gelada, GELADA!

Nesse momento Matheus se levanta da poltrona e bate em Sara, mas por pouco tempo pois Kayo vai para frente do pai, enquanto Samantha grita  mandando seu pai parar, com raiva da mulher e dos filhos, Matheus sai e vai para um bar.

Matheus - Bota uma para mim que hoje eu to com dinheiro- ao concluir essas palavras Matheus mostra uma carteira rosa, pertencente a Sara, que contem todo dinheiro que ela ganhou trabalhando no mes.

Após 20 minutos, dois homens encapuzados chegam e anunciam um assalto, e o bar, por ser pouco frequentado, não tinha muito dinheiro, e por esse motivo, os bandidos dispararam 4 tiros, onde um deles, acertou a cabeça de Matheus.

Sam- Paiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!!!

gritou Sam a presenciar toda a cena de longe.

 

SONHO OFF

AUTORA OFF

SAMANTHA ON

 

Sam- Nãooooooooooooooooo!!!!

Acordo em desespero, estou muito suada , não sei por que mas esse sonho tende a me perturbar, faz anos desde que isso aconteceu, mas só agora isso me vem como um sonho.

Desperto-me dos pensamentos ao ver o relógio dar 7:30, droga estou atrasada, marquei com minha mãe as 8, não posso deixa-la na mão.

me levanto, tomo banho visto um short jeans azul escuro, uma camiseta preta e um blazer transparente, calcei um tenis bege pequeno,deixei o cabelo solto e fui em encontro a minha mae, ela estava minha espera, ela estava vestindo uma calça preta nem muito apertada nem muito solta, e uma camisa social branca transparente , com uma sapatilha preta e cabelos soltos.

Sam- Voce tá linda mãe

Sara- deixa disso menina, vamos logo se não agente se atrasa

Ficamos conversando um pouco até que saímos, fomos ao cinema mais próximo , assistimos 2 filmes e fomos para casa, nos despedimos e eu fui para meu quarto, tomei um banho vesti minha camisola e deitei para mais uma noite de sono.

SAMANTHA OFF

 


Notas Finais


E ai gente,
gostaram? não?
deixa um comentário e diz

bjs sabor sorvete de baunilha


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...