História O Amor Proibido entre o Céu e a Terra - Capítulo 10


Escrita por: ~, ~Bella3107 e ~MyladySamy

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, André Bourgeois, Chloé Bourgeois, Félix, Gabriel Agreste, Hawk Moth, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathanaël, Nino, Personagens Originais, Sabine Cheng, Sabrina, Tom Dupain
Visualizações 13
Palavras 774
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Magia, Mistério, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Capítulo foi feito pra...
Shippar a vontade kkk.
Mas...
Lembre-se: Nem tudo parece ser o que é.
Boa leitura!!!

Capítulo 10 - Aposta


Bella on

O dia passou bem depressa. Confesso foi bem legal o dia na piscina, e agora sentia uma pena que os meninos já tinham que ir embora.

Henry: Adrien, onde você deixou minhas coisas?

Adri: Lá no meu quarto. Vai lá buscar.

Henry: Okay. *Ele já ia subindo as escadas, quando o peguei pelo o braço. Por que diabos eu fiz isso?!* Err, o que foi Bella?

Bella: E-Eu errr. Posso ir com você?

O que?! Não, eu estou completamente louca mesmo. Esse tempo de novo aqui na terra não esta me fazendo bem.

Henry: Err, pode?

Bella: Bora.

Puxo ele e juntos subimos as escadas.
Costumo ser... Digamos... Fria com pessoas Novas e que não conheço. Mas com o Henry era diferente. Conhecia ele desde criança e sinto muita falta dos velhos tempos.
Depois de subimos as escadas, andamos pelo o corredor até o quarto do Adrien em silêncio.
Aí silêncio maldito! É tao Chato.

Henry abre a porta e juntos entramos no quarto. Ele pega suas coisas na cama e eu não sei porquê vou pra janela do quarto olhar as estrelas.

Henry: Bella... Vamos?

Ele ao perceber que estava olhando pra estrelas, vem até mim e fica ao meu lado.

Henry: Sabe... Você se parece muito com ela.

Bella: Quem?

Henry: Com a minha Bella.

Coro na hora e sinto uma tristeza preencher meu coração.

Henry: As vezes fico olhando as estrelas e imagino que ela esteja lá no céu encantando a todos os anjos com seu sorriso... *ele suspira pesado* Sinto saudade dela.

Que pena que não posso dizer a verdade a ele. Seria tao bom... Por que tudo tem que ser tão difícil?!

Henry: E você? *ele olha pra mim*

Bella: Eu O que?

Henry: Por que não me conta sobre você?

Bella: Eu Errr. Acho que não tenho nada de importante pra falar.

Henry fica triste e depois volta olhar pra estrelas.

Bella: Desculpa por ter sido grossa.

Henry: Sem problemas. *ele sorri e depois olha lá pra baixo. Aí que sorriso lindo senhor!* Hey! Olha só!

Ele aponta la pra baixo, onde estava a Juh e o Felipe sozinhos. Vou ficar aqui só de olhos neles. Se ele fizer alguma coisa pra magoar a minha amiga ele vai ve só. 

Bella off
Juh on

Lipe: Preciso falar com você a sós.

Oh santo padroeiro dos pobres e opromidos, dai-me paciencia! Por que ESSE MENINO QUER FALAR COMIGO A SÓS, JÁ NÃO BASTA O TANTO QUE ELE ME ATENTA?!

Mari: A sós neh? Humrum sei.

Sim tô minhas bochechas arderem. Será que...? Estou corada?

Lipe: Grrr. Vem logo Juh.

Samy: Você que ouse fazer alguma brincadeirinha de sem gosto com ela... OU ENTÃO VOCÊ EXPERIMENTARÁ DA MINHA IRÁ! 

Ele sem se importa com o comentário da Samy, começa me puxa lá na pra fora da casa do Adrien, onde estava o carro dele. Ele senta no campus e fica me observando. E eu também fico o  encarando, esperando a hora dele me contar o porquê estávamos ali. 

Juh: Fala logo o que você quer.

Lipe: E-Eu err. Q-Quero...

Juh: Quero...?

Lipe: PEDI PERDÃO!

Até me assusto com a com o que ele fala.
Será que esse menino bebeu alguma coisa? Por que eu sinceramente acho que ele não estar agindo normalmente.

Juh: Felipe, você está bem? *pego na testa dele e não. Ele não está com febre*

Lipe: *segura minha mão que estava passando pela a testa dele* Eu estou bem. Eu so... Queria te pedir desculpas por ter agido tão mal com você. E também Por ter ti chamado de "nanica" e "baixinha".

Agora sim, eu estou surpreendida com o Felipe.

Juh: Eu Errr. Não sei o que dizer.

Lipe: Então não diga mais nada. *ele coloca o dedo em minha boca, em sinal de silêncio* Apenas isso... Bastará pra mim.

Juh: Isso o que? *pergunto meio receosa. Estávamos muito próximos um do outro*

Lipe: Isso.

Ele se aproxima mais ainda de mim. Acabando com o espaço que restava entre os nossos lábios. Selando assim um beijo. Um beijo calmo... Um beijo que sei la... Era bom.
Mas....
AH NÃO! ELE ESTÁ ME BEIJANDO!
Empurro ele com força e com raiva, até que escuto alguém abrindo a porta, era a Samy puxando o cabelo do Guilherme.
Ela vem até Felipe e da um tapa na cara dele.

Lipe: Como ousa...? 


Samy: Eu que lhe pergunto... Como você pode fazer uma aposta como essas?! *Ela que segurava o Guilherme pelo o cabelo, joga ele contra o Felipe* SAIAM DAQUI AGORA! 


Os dois começam a correr com medo da Samy. Por que ela fez aquilo?!

Juh: Por que...?! 


Notas Finais


O que será que eles aprontaram???
Veremos no próximo capítulo hehe
Agora é com vc Juh!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...