História O anjo da morte - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook Namjin Jinkook
Exibições 22
Palavras 1.300
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Desculpa o atraso, é que estava bancando o cupido mas estou aqui!
Boa leitura!

Capítulo 5 - Te protegendo


Fanfic / Fanfiction O anjo da morte - Capítulo 5 - Te protegendo

  Capítulo - 05- Te protegendo
      -Kook você deve dormi!-Dizia Jin revoltado andando de um lado para o outro.
      - Eu já disse Jin, eu não vou dormir nunca mais!- Falei bebendo mais de meu café.
       Já fazia três dias que eu havia sonhando com a morte de Jin e por conta disso eu não dormia mais, pois, já sabia que se eu dormisse eu iria o matar e isso era o que eu menos queria e o que eu mais temia!
         - Jungkook você vai acabar pegando uma doença se continuar assim, seu corpo precisa descansar para conseguir lutar contra as doenças e essas coisas! -Dizia agora me olhando.
          - Eu estou pouco me fudendo para isso, eu só quero que você fique bem!-Falei colocando o copo na mesa.
            - E do que adianta eu ficar bem se você não vai estar?- Disse vindo até mim- Jungkook todo mundo morre um dia e eu não sou diferente,  então por que não dorme logo e acaba com isso?! Por mim! -pedia em quanto segurava em meus ombros.
          - Eu não vou fazer isso, eu não vou deixar você morrer por minha causa!-Falei firme- Eu seria muito egoísta de te deixar morrer só para mim poder dormi! -Falei olhando em seus olhos.
           - Mas, Jungkook! -Disse me olhando com os olhos marejados o que me cortou o coração.
           - Nada de “mas, Jungkook "  eu já matei muita gente apenas por ter sido egoísta e ter dormido por causa de sua insistência! -Disse batendo o pé no chão - Eu já tomei minha decisão Jin! -Falei tirando suas mãos de meus ombros e indo até a cadeira e pegando minha jaqueta- Vou para o trabalho, volto mais tarde, te amo! -Falei ríspido e saí.
          P.O.V Seokjin:
      _Não, não, não, eu não posso deixar isso acontecer!-Eu pensava em quanto ajeitava o balcão.
      - O que preocupa essa cabecinha Jin?-Disse senhora Yang Mi me olhando do outro lado do balcão sorridente.
      Yang Mi era uma senhora de idade de estrutura baixa, cabelos castanhos claros, pele branca como neve, olhos pretos como a noite, uma mulher sabia e de muito respeito. Ela era a dona da floricultura que eu trabalhava, assim tornando ela minha chefe.
        - Jungkook! -Disse e suspirei apoiando meu braço no balcão e minha cabeça na mão.
         - O que ele aprontou dessa vez?-Perguntou me olhando ainda sorridente.
          - Ele já não dorme a três dias porque cismou que quer cuidar de mim em quanto eu durmo, mas eu estou preocupado com a saúde dele!-Falei emburrado.
          - Aish esse menino em?!-Disse revirando os olhos- Você já tentou conversa com ele?
          - Cinco vezes, mas nada!
          - Não se preocupe uma hora ou outra ele vai acabar desistindo!
           - Eu não acho, Jungkook é teimoso!
           - Desculpa me intromete, mas por que não tenta o colocar para dormir?-Perguntou Ji -Yoon aparecendo de entre as flores.
        Ji-Yoon era uma garota de 17 anos, estrutura média, cabelos pretos, olhos verdes -algo um pouco raro na nossa região, o que a torna uma das garotas mais considerada linda entre os meninos,  segundo ela- e pele muita branca ela trabalhava na floricultura comigo e a senhora Yang Mi.
           - Você está sugerindo que eu dope ele?-Perguntei erguendo a cabeça para a olhar.
            - Sim, mas calma deixa eu explicar!-Disse se aproximando de nós - Já que você já conversou com ele e ele não te escutou e também não vai escutar por que você não coloca algum remédio para dormir no meio da comida dele?-Perguntou sorrindo travessa.
           - Ah não sei, o que acha dona Yang?-digo olhando para a mais velha.
           - Não é o certo, mas é para a saúde dele então se for o último caso eu acho que tudo bem!
           - Bem acho que não tenho outra escolha então tudo bem, mas onde consigo esse remédio?  Vende em farmácia mesmo?-Digo olhando para Ji
            - Eu mesma tenho!- Ela falou, correu até sua bolsa, pegou algo e  voltou até nós - Aqui! -Me entregou a caixinha do remédio.
         - Por favor me lembra de nunca aceitar comida ou bebida vindo dela dona Yang Mi!-Digo rindo.
        - Aish eu nunca usaria isso em ninguém, apenas tenho por que eu preciso para conseguir dormir!-Disse fazendo bico.
        - Eu sei boba, só estou brincando!-Disse rindo e pego a caixinha em minhas mãos.
        - Bom mesmo Jin! -Disse sorrindo.
        Comecei a ler a bula para ver se não haveria problema de Jungkook tomar e não havia, levantei a cabeça sorrindo.
        - Já sei até como vou fazer para ele tomar! -falei e sorri mais- Só espero que funcione!
        - Vai funcionar!-Disse Ji-Yoon sorrindo.
             ~/Mais tarde\~
       - Jin cheguei amor!-Disse entrando na cozinha e seu queixo caiu ao ver a mesa cheia de comida- Uau quem tanto vai vir comer aqui?
       - Eu fiz para você em forma de pedido de desculpas por ter brigado com você hoje mais cedo!-Disse indo até ele e o beijando.
       - Eu também te devo desculpas amor, eu não deveria ser tão rude com você! -Disse me abraçando.
        - Tudo bem, eu sei que você só não quer me perder -Disse retribuindo o abraço e sorrindo- Mas, então vamos comer?-Digo nos separando depois de um tempo, peguei na mão do mesmo e fui até a mesa.
        Logo já estávamos terminando de comer.
         - Ainda tem sobremesa!-Disse colocando nossos pratos na pia.
          - Sério?  O que é? -Ele me olhava com os olhos brilhando _Vou sentir falta disso!_ Pensei sorrindo triste.
           - Pudim!
           - Sabia que eu te amo?
           - Puxa saco!-Digo rindo e vou até a geladeira, pego o pudim que já e estavam em potinhos, vou até a mesa e coloco os pudins ali- Aqui Kook! -Falo entregando o potinho que havia o remédio junto do doce- E esse é meu!-Digo pegando o outro e já começando a comer e Jungkook fez o mesmo.
           - Hyung está muito bom!-Falou sorrindo.
           - Que bom que gostou Kook!-Disse sorrindo.
            Assim que terminamos Jungkook insistiu em lavar louça então acabou que eu lavei e ele secou e guardou e depois fomos deitar.
           Eu estava terminado de arrumar e Jeon estava sentado no sofá da sala com o notebook no colo. Fui até ele e o abracei.
          - Boa noite Jeon Jungkook, eu te amo muito e não se esqueça disso! -Disse e o beijei, um beijo de tirar o fôlego cheio de amor, carinho e com um gostinho de despedida.
       -Boa noite Kim Seokjin,  durma bem e eu também te amo muito e não esqueça isso!-Falou assim que nos separamos o que fez meus olhos lacrimejar.
       O beijei mais uma vez e fui para meu quarto, me deitei e comecei a chorando baixo.
       Bem eu ainda não comentei, mas vocês já devem ter reparado que eu já sei sobre as mortes que ele causou e deve estar se perguntando por que eu ainda estou com ele e se não estou assustando com isso tudo.
      Bem eu ainda estou com ele porque eu o amo e não vou o deixar numa hora dessas ele precisa de mim agora e se eu não o amasse de verdade eu não ficaria do lado dele, eu correria para salvar minha vida, mas eu o amo e jamais correria dele! E sobre estar assustando, eu estou só pela parte que vou morrer, mas não pela parte que Jungkook vai ser quem vai me matar ou pela parte de ele ser especial não, pois, isso eu já meio que sentia desde que o conheci, sempre senti que ele era diferente e isso nunca me assustou então para mim não é novidade!
       Estava preso em pensamentos quando escutei Jungkook roncando, o que sempre acontecia quando ele estava muito cansado, o que significava que ele havia dormido e que minha morte estava perto!
      CONTINUA...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...