História O anjo dos olhos azuis - Fic - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Kuroko no Basuke
Tags Aokuro, Kuroko No Basket, Yaoi
Visualizações 47
Palavras 1.808
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá galera, pra quem leu a minha oneshot de "O anjo dos olhos azuis", queria avisa que essa história téra o mesmo nome, só não mesmo conteúdo de Aomine dando o primeiro passo. Bom, queria agradecer pra quem está endo, e lá vai algumas explicações.

Essa história é baseada no anime de Kuroko do Basket, porém não será do mesmo genero que é esporte, claro que irá aparecer algo assim na fic em alguns momentos, mas era só pra deixar claro, e queria dizer também que a cada um dia irei postar um capítulo da história. Bom é isso, espero que se divirtam e que gostem desse romance. ♥♥

Capítulo 1 - Cap 1 - O aluno novo e o pequeno começo.


Fanfic / Fanfiction O anjo dos olhos azuis - Fic - Capítulo 1 - Cap 1 - O aluno novo e o pequeno começo.

"Um amor descontrolado."

 

Um barulho auto se fez presente no comodo inteiro, fazendo com que Tetsu despertasse no mesmo instant pelo susto que havia levado, ali suspirou chateado, não queria ir para a escola, estava com preguiça por ter dormido muito tarde na noite anterior, mas mesmo assim se levantou, afinal, o que podia fazer? Tinha que estudar para conseguir ter um futuro decente. Ali o menino foi para o banheiro em preimeiro de tudo, para poder se banhar, após terminar aquel banho rápido, se trocou colocando o uniforme do colégio, e pronto, estava arrumado, logo saiu de seu quarto após ver que já ia dar 07:00 horas, foi para a cozinha, pegando qualquer coisa para comer, e saiu de casa com sua mochila e comendo no caminho. 
 

- Kurokocchiii - Reconheceu aquela voz e logo se virou para trás, vendo seu amigo Kise corendo em sua direção, Tetsu estranhou, afinal Kise sempre chegava primeiro que ele na escola, mas deu de ombros e apenas esperou o amigo chegar mais perto.
 

- Bom dia Kise-kun - Falou com seu famoso sorriso angelical, sentindo os fortes braços do loiro o envolver e o apertar, o fazendo dar leves tapas sobre o ombro do maios. - Kis-kun, está me machucando - disse e logo sentiu o maior se afastar e pedir desculpas. Os dois garotos foram andando calmamente até chegar no colégio, onde entraram e foram verificar as coisas em seus armários.
 

- Tchau Kurokocchi, nos vemos no intervalo - Disse o amigo antes de sair pelo corredor até mudir da vista do menor, Kuroko também foi para sua sala, e ali chegando suspirou e foi em direção a sua carteira, encontrando Kagami sentado de cabeça baixa, e como sempre dormindo, Kuroko apenas ignorou e se sentou na frente do maior. Ali tirou de sua mochila um livro e comçou a ler, até ser interrompido po um ruivo qe estava atrás de si.
 

- Kuroko, lendo esse livro de novo? - Perguntou enquanto pegava seus matriais e jogava de qualquer jeito encima da mesa, fazendo o menor dar uma baixa risada, e ai fechar o livro que tanto gostava de ler.
 

- Você estava dormindo, e o professor ainda não chegou.. - Disse guardando o livro em sua bolsa e pegando seus materiar também já para deixar tudo pronto. - E você sabe que eu não gosto de ficar sem fazer nada - terminou sua fala ali, e antes que o maior pudesse responder o professor de Geografia havia entrado na sala, tomando a atenção de todos.
 

- Bom dia alunos - Saudou o professor enquanto deixava as suas coisas em sua mesa - Queria me desculpar pelo atraso, tive um problema no meio do caminho, mas agora estou aqui, ntão, vamos comçar a aula - Falou pegando em sua mesa um livro do terciro ano  o abrindo. - Abram na página 187 e leiam o texto, depois quero qu respondam em seus cadernos as perguntas da página 188, 189 e a 200 - Falou se sentando, quando todos comçaram a fazer a atividade, uma batida na porta foi ouvida, fazendo o professor se levantar e ir abrir.
 

- Licença, eu sou o aluno novo - Falou o garoto na porta, fazendo Kuroko tirar sua atenção no livro e por curiosidade tentar ver o menino que acaba de entrar, fazendo algumas meninas da sala cochicharem algo como "quem é esse garoto bonito?" e "nossa ele é muito lindo", Tetsu apenas ficou o olhando até que o mesmo começou a falar. - Prazer, me chamo Daiki Aomine, e a partir de hoje serei o novo colega de vocês, por favor, cuidem bem de mim - Terminou sua fala e logo foi se sentar em uma fileira de distância do azulado.

Kuroko o olhava ainda, meio curioso em saber do porque o garoto havia mudado ou entrado de escola no meio do ano, mas saiu de seus pensamentos quando aqueles olhos azuis a cor do céu escuro o olharam, fazendo o garoto rapidamente olhar para frente, e sentir as bochechas pálidas esquentarem, mostrando que havia ficado com vergonha, após isso decidiu que deixaria de olhar o garoto e se concentraria na atividade, e foi o que fez, até a aula acabar e o professor sair da sala. 
 

- Kuroko, me empresta sua borracha - Pediu Kagami que estava logo atrás dele, Tetsu suspirou em reprovação e logo tirou de ses estojo uma borracha azul, em seguida entregou para o maior que agradecu.

 

- Kagami-kun, quando vai começar a trazer todos os materiais? E o que está fazendo? - Fez duas perguntas, vendo um desenho na folha de caderno do mais velho.
 

- Haaaaa, tenho preguiça, não quero carregar mais peso - Respondeu e logo devolveu a borracha. - Isso é um pássaro, não tenho mais nada pra fazer então vou desenhar - O menor apenas revirou os olhos e logo se virou para frente, guardando o livro de Geografia e pegando o de japonês.

Antes da professora entrar, Tetsu ficou por um certo momento encarando o moreno que estava fitando o teto por algum motivo, alguma coisa naquele garoto havia chamado atenção do menor, talvez por isso não conseguia parar de o ncarar, ou então só estava curioso pra saber do porque ter entrado na escola agora. Tetsu virou pra frente se livrando logo dos pensamentos após a professora entrar, e foi assim até as aulas acabarem e o sino para o intervalo tocar fazendo todos comçarem a arrumar suas coisas e sair. Kuroko foi um dos últimos junto com o aluno novo e Kagami, e logo após terminar de arrumar as coisas, foi saindo da sala junto com Taiga e ali foram juntos para o pátio que logo foram parados por Murasakibara.
 

- Vocês dois, o idiota do Kise não para de encher o saco procurando pelo Tetsu - Falou com um pirulito na boca, o que lhe dava um leve charme pelo jeito que balançava o canudo, Kuroko sorriu e ali sem dizer nada foi andando até a rodinha de amigos, Kise, Midorima, Takao, Himuro, Akashi e Momoi, ali chegou com Murasakibara e Kagami e todos começaram a falar sobre qualquer coisa do dia a dia.
 

- Eu já volto, vou ir no banheiro - Falou o azulado saindo da rodinha e indo para o banheiro, onde encontrou Aomine lavando suas mão, Kuroko suspirou e logo antes de entrar em uma das portas foi se apresentar. - Prazer... - Falou meio desconfortável, era raro se apresentar primeiro para alguém. - Me chamo Tetsuya Kuroko, bem vindo a escola - Disse estendendo sua mão de pele macia, esperando o mesmo do maior.

 

- Hó, você é o garoto que ficou me encarando na aula - Disse com um sorriso sacana e logo apertou a mão do menor. Kuroko com aqueas palavras sentiu as bochechas queimarem, e logo abaixou a cabeça, pedindo um descupa baixo. - Fica tranquilo, agora vem cá, onde fica a cantina? - Perguntou após soltar a mão do menor.
 

- Há... Fi-fica do lado da escadaria - O menor corou mais ainda por ter gaguejar daquele jeito, mas a vergonha havia o tomado e não pode fazer nada, Aomine apenas agradeceu e logo saiu do banheiro, deixandoo azulado sozinho. Kuroko até tinha perido a vontade se fazer suas necessitades, então voltou para a rodinha de amigos, e não demorou muito para o sinal de fim de intervalo tocar e todos voltarem para suas devidas salas.
 

~~~ 

 

Já na sala Tetsu ficou pensando sobre o que havia acontecido no banheiro, estava morrendo de vergonha agora, mas logo respirou fundo e tentou se acalmar. O resto das aulas foram normais, tirando o fato de sempre se sentir observado mas acabar por ignorar isso. Quando o sinal bateu, todos arrumaram suas coisas e sairam da escola, Tetsu novamente foi um dos últimos, mas dessa vez estava apenas com Aomine na sala, quando estava saindo evitou o olhar, afinal, já tinha ficado com vergonha de mais para um só dia, então apenas foi saindo, até ser parado pelo moreno. 

 

- Oe, Kuroko né? Queria saber se tem como me emprestar o caderno de japonês, não consegui terminar a lição - Pediu educadamente, e Tetsu suspirou e tirou de sua bolsa o caderno e logo o entregou. - Obrigado - Agradeceu antes de sair da sala e deixar o menor sozinho de novo, Tetsu suspirou novamente e saiu tomando rumo do lugar onde ia a cada dois meses, visitar sua mãe. Chgando ao local, respirou fundo e adentrou, indo até o tumulo de sua mãe, ali se abaixou e tocou a lápide da mesma.
 

- O mamãe... Quanto tempo não é? descupa não ter vindo antes, fiquei muito ocupado com as tarefas da escola, mas agora estou aqui - Um sorriso triste se formou no rosto do menor. - Seu trigésimo quinto aniversário está chegando, quem diria que o tempo fosse passar tão rápido né? - Naquele momento lágrimas começaram a se formar nos olhos azuis claros, da cor do céu. - Mamãe, sinto tanta saudade sua... Por que teve de ir tão cedo? - Perguntou sentindo as lágrimas correrem por suas bochechas pálidas e molharem o chão, mas logo sorriu lembrando que seria pior ainda se chorasse,assim se evantou, e no mesmo momento que havia se levantado, sentiu uma leve briza balançarem seus cabelos claros, o fazendo fechar os olhos e sentir aquilo como se sua mãe estivesse falando, "Te amo meu filho", Tetsu sorriu novamente, e antes de sair respondeu. - Também te amo, mamãe. - Ali deu as costas e foi saindo daquele local, pegando a estrada novamente e indo rumo a sua casa, pensando nos dias feliz que teve com sua mãe. Ao chegar em sua casa, o menor suspirou e se jogou no sofá, estava tão cansado, e tão triste ao mesmo tempo, por se sentir tão sozinho dentro daquela casa, novamente lágrimas começaram a correr por seu rosto e soluços começaram a sair de sua boca, ali chorou sozinho até acabar por dormir no sofá fofo.
 

Mesmo que não quisesse era a vida, um dia todos vão partir, ninguém vive para sempre, e Kuroko sabia disso, mas a tristeza sempre fica em cada um que considera de mais aqula pessoa no qual se foi, mas sabia que tinha que erguer a cabeça  seguir a vida, não podia apenas se lamentar, as vezes devemos sorrir com o que temos e com as coisas boas que passamos um dia com alguém e levantar a cabeça, temos que andar por esse caminho, e um dia encontrar alguém que complete aquele pequeno vazio em nossos corações, fazer novamente uma familía e então viver feliz pensando no nosso presente e planejando coisas boas para o nosso futuro. 
 

"Mesmo sabendo que um dia a vida acaba, nós nunca estamos preparados para perder alguém."


Notas Finais


Olá galera, tudo bem? Bem esse foi o cap um, um pouco de tristeza, sim, desculpe por isso, kk, bom, espero que tenham gostado ^^ domingo irei postar o segundo e assim por diante ♥♥. Um beijão seus keima kids ;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...