História O Assassino - Interativa - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pânico (Scream), Scream (Série)
Tags Drama, Terror, Violencia
Exibições 25
Palavras 852
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


SURPRESA!

Pois é, eu sei que eu disse que demoraria a postar, mas como a viagem foi cancelada e não tinha nada pra fazer, resolvi escrever. Enfim, tive essa idéia ontem, pois eu estava em um churrasco e estava muito chato, e acabei tendo idéias pro capítulo.
Esse capítulo será meu presente de natal para vocês, sintam-se especial. Eu iria postar esse capítulo na véspera, porém não estarei em casa, então por que não postar agora?

Os 3 novos personagens que foram mostrados no "Who Are You?" e no "This Is Not Real" irão aparecer mais vezes, porém tenho que encaixá-los ainda.

Enfim, boa leitura e desculpa qualquer erro!

Capítulo 17 - The Reencounter


A turma estava reunida na casa de Natalia, se reencontrando, após terem ficado um tempo sem se verem. Eles estavam em um pequeno churrasco, rindo e se divertindo pela primeira vez.

— Finalmente alívio de toda aquela tensão. — Comentou Natalia se relaxando na hidromassagem da piscina.

— Tá bom, bonita, mas falar sobre o boy que conheceu você não quer, né? — Disse Lia dando um riso após ter dado um gole de sua bebida alcoólica.

— Tomar no cu você também não quer, né? — Disse Natalia mostrando o dedo do meio para a amiga, que apenas soltou uma gargalhada.

— Galera, algo está muito errado. — Comentou Shion.

— Nada está errado, tudo está certo. — Disse Maxiel dando uma mordida no frango.

— Não, Shion está certo, tem algo errado. — Concordou Mark. — Essa carne está com um puta gosto de sal.

— Ele não quis dizer da comida, Mark. — Disse Corey revirando os olhos, logo voltou a atenção ao celular.

— Sobre o quê você está falando então? — Perguntou Mik

— Sei lá, já faz um tempo em que o assassino não é comentado por nós ou até mesmo por outras pessoas. — Respondeu Shion olhando pra cada um dali.

— Você só está delirando, cara. — Debochou Mark.

— Enquanto ele ainda não ataca, ficamos de boa. — Disse Daniel e todos concordam.

— Er galera... Ouçam isso. — Disse Corey aumentando o volume do celular.

— Hoje à noite, as 01:00hrs da manhã, a jovem Ally Turner foi assassinada na boate "Night Club" da pequena cidade de Blakewood. No momento não se tem suspeitas de quem pudera ter feito isso. Voltamos para a notícia assim que se tiver mais provas. — Dizia a repórter do vídeo.

— Eu não estou acreditando nisso. — Disse Alana boquiaberta.

— Porra gente, vamos deixar isso de lado somente hoje. — Disse Natalia nadando até a beira da piscina. — Precisamos relaxar um pouco, não é?

— É difícil de dizer, mas concordo com ela. Passamos por muita coisa e precisamos esquecer um pouco dessa rotina, vamos nos divertir que é bem melhor. — Concordou Alana sentando-se no banco que tinha em frente ao balcão.

— Muito obrigada, Alana! — Agradeceu a morena.

— Nossa, parem com isso, o tempo está tão lindo, não quero que chova. — Brincou Mik, Natalia e Alana reviraram os olhos e começaram a rir.

Liana olhava para o seu copo que estava cheio de vodka, a mesma levantou seu olhar e viu Daniel a observando. Lia deu um sorriso de lado e o rapaz fez o mesmo. Ambos ficaram nessa por um tempo, trocando olhares e sorrisos. Alana, que estava perto deles, percebeu o ato dos amigos e sentiu-se enciumada. Rapidamente se levantou e foi até a beira da piscina, sentando-se lá.

— Sério que só vai ficar com os pés aí? — Perguntou Natalia.

— Sim, eu não estou muito afim de nadar. — Respondeu Alana meio cabisbaixa.

Natalia percebeu que a garota estava um pouco triste e pegou no pé da mesma, a empurrando pra dentro da piscina.

— Natalia! — Repreendeu Alana jogando água na morena que estava rindo.

— Ah, qual é? Pode entrar na piscina sem estar com roupa de banho? — Perguntou Mike caminhando até a piscina.

— Fique à vontade. — Respondeu Natalia.

Ao dizer isso, metade da turma pulou na piscina, enquanto poucos ficaram do lado de fora comendo e bebendo.

— Não vai entrar? — Perguntou Daniel se sentando ao lado de Lia.

— Não, não estou afim. — Respondeu ela. — E por que você também não entra? Sua namorada está lá. — Perguntou Lia observando Alana.

— Ela não é minha namorada, ainda. — Respondeu o rapaz dando um sorriso.

— O que tem em mente? — Perguntou a ruiva um pouco empolgada.

— No entanto nada, mas sei que tem ser algo bem marcante, certo? — Respondeu Daniel.

— Com certeza! — Concordou a amiga.

— Vocês estão muito sequinhos, não acham? — Perguntou Corey e Yuna, que ao contrário deles, estavam totalmente molhados.

— Galera, não, por favor... — Pediu Lia, mas antes mesmo de correr, haviam jogado um balde cheio de água nos dois.

— Surpresa! — Disse Shion e Mike que estavam com dois baldes na mão.

— Eu vou matar vocês! — Ameaçou Liana se levantando e correndo atrás deles.

— A donzela também está molhada, agora pode entrar na piscina. — Disse Corey rindo de Daniel, logo Yuna o acompanhou.

— Donzela? — Perguntou Daniel se levantando, já se preparando pra correr atrás dos amigos.

Corey e Yuna perceberam o que o amigo iria fazer e saiaran correndo até a piscina, Yuna foi mais rápido e pulou rapidamente na piscina, porém Daniel alcançou Corey e o pegou no colo, e o jogou na piscina. A turma começou a rir do que acabara de ver, mas logo puxaram Daniel pra dentro da piscina.

A tarde se passou assim, com todos se divertindo, mas mal sabiam eles que alguém os observou por todo esse tempo.


Notas Finais


Vejo vocês novamente em algum dia de janeiro. Feliz Natal e Feliz Ano Novo! Que em 2017 ninguém seja trouxa. Brincadeira a parte.

Amo vocês!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...