História O Bad Boy - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias 07-Ghost
Personagens Frau
Tags Comedia, Gratsu, Romance
Exibições 189
Palavras 1.129
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Artes Marciais, Colegial, Comédia, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem :3

Capítulo 1 - Opaa, to dentro do time galeraa


Fanfic / Fanfiction O Bad Boy - Capítulo 1 - Opaa, to dentro do time galeraa

Natsu acaba de chegar a escola, mas não encontra sua amiga Lucy.

💭 Sera que ela faltou porque eu disse ontem que eu faria ela ficar com o Lyon? ( pensou Natsu ) 

Natsu escuta o sinal tocar anunciando a primeira aula que seria de português. Ele nem ligou, foi ate um painel nos corredores do colégio e colocou seu nome na lista de inscrição para o grupo de artes marciais do colégio e depois foi para sala. 

- Bom dia Natsu Dragneel - disse a professora

Natsu entrou na sala de cabeça baixa sem prestar atenção porem aquela boz era muito conhecida então ele levantou a cabeça e ....

- MIRAAAAAAAAAAAAA -- gritou Natsu e pulou para cima da professora

Miranajee ou Mira, como era chamada por Natsu, era a professora de português e uma grande amiga do passado para Natsu, eles se conheceram logo apos os pais de Natsu morrerem e ele ter ido morar sozinho com apenas 6 anos de idade, e ninguém mais sabe oque acontecera com ele nesse tempo. Porem Mira o achou andando na rua procurando por um tal de Igneel, e o levou para um orfanato no qual ela dava aulas e ficaram muito amigos apesar de Mira ser mais velha. Quando completou 12 anos foi adotado e nunca mais pode ve- lá.

- Nossa como você cresceu -- Disse Miranajee sorrindo

- É oque eu digo do seu cabelo, eram mais curtos na época, já faz tanto tempo -- ele sorri

- Verdade 4 anos, você esta com quantos anos agora 17 não é?

- Não, ainda 15 -- ele ri -- meu aniverssario  ainda não rolou

Os outros alunos entraram na sala e Natsu se juntou a eles esperando a seleção dos lugares.

- Natsu, cadeira 12. Gray cadeira 11....-- e assim foi se passando ate que -- Lucy ? Lucy? 

- Ela faltou -- Disse Erza -- Teve que resolver umas coisas

- OK. Ela fica na cadeira 18 ao lado de Lyon. Podem se sentar.

💭 Merda, fiquei logo perto desse Bad Bosta ( pensa Natsu )

- Bem, vamos começar a aula de hoje com o tema Romance...

Natsu não prestou muita atenção, ficou olhando pela janela quando passou uma leve brisa que balançou seus cabelos. Sentia saudades do seu tempo na floresta, o tempo que passou com Igneel, ele mantem sua historia em segredo como quem guarda a senha do whatsapp da namorada. 

💭 Igneel..

- Sra. Miranajee...-- alguem bate na porta e desperta a tenção de Natsu -- Preciso de um dos seus alunos, Sr.Dragneel.

O Treinador de artes marciais apareceu para chamar Natsu para o teste inesperadamente, mas foda-se ele ia arrebentar a boca do balão. Assim que chegou apareceu uma negão, 3 metros de altura, forte pra cacete e tinha uma cara de traficante horrível. 

- Então garoto, você acha que encara nosso melhor lutador? -- disse o diretor com cara de deboche 

Natsu não era tao alto mas tinha um físico bem sexy, ele percebeu que o treinador não botará fé que um muleke feito ele seria bom nas artes marciais, mas ele se enganou. 

- Claro - disse Natsu sério e estralando seus dedos

- Se você parar na enfermaria não chore -- riu o treinador -- FITH !!!

Natsu riu. O Negão deu vários golpes e Natsu desviou deles com facilidade quando percebeu um vulto de Gray passar e acabou levando um soco pois se distraiu com aquela bela silhueta...

- Seuuu filho duma mãe -- disse Natsu se levantando rapidamente e desferindo um soco no outro lutador, o qual o derrubou fácil.

No fim das contas o negão foi para enfermaria e Natsu entrou no time de artes marciais, o treinador não gostou muito da cara dele.

Indo para a terceira aula Natsu esbarrou em alguém, os dois caíram no chão.

- Aii, desculpa cara ...-- Natsu poe a mao na cabeça pra aliviar a pancada

- Não foi nada...

Quando Natsu abriu os olhos viu Gray, o Bad Bosta do pedaço...

💭Isso vai dar uma treta maligna cara ... ( pensa Natsu )

Gray se levanta e oferece a mao a Natsu para se levantar e ele aceita. Nunca reparou mais o Gray era muito lindo, mas tinha um rosto meio frio, mas os olhos tinha uma azul tao profundo como o mar. Eles se desculparam e Gray falou

- Lutou Bem, mas aquele soco foi feio hein 

- A-ah, não foi nada, já levei piores - Natsu ri 

- Imagino - Gray passa a mao na cabeça de Natsu -- Foi mal pela pancada, eu tava distraido

- A-ah, não foi nada - Natsu fica vermelho

💭 Por que eu to assim com o Toque de Gray? Ele é só um cara metido a besta...ou não? ( pensou Natsu )

- Bem, não vai mais ter aulas hoje, houve uma invasão de ratos no encanamento do colégio -- Gray coloca as maos no bolso -- Quer dar um role por ae?

- Nossa, o Bad Boy mais famoso do pedaço me chamando pra dar um role? Bebeu? Fumou umazinha? Sai dessa cara, isso não é vida não 

- Oque você ta falando ooh muleke ? 😒

- To falando que não sou seus amigos que você faz de capacho ooh Bad Bosta, não vou ser mais um da sua ganguinha 

Natsu sai e Gray puxa-o pelo braço e os dois ficam cara a cara um pouco próximos demais. Natsu fica corado.

- Me chamou de que? Eu só tô querendo ser legal. Não sou Nad Boy nenhum, as meninas que me deram esse apelido idiota e não faço meus amigos de capacho. Só te achei legal

💭 Nossa, esses olhos. Me lembram o céu da floresta, lindo, mas escondiam mistérios inexplicáveis. Igneel me contaram que as coisas mais belas da vida escondem segredos profundos... ( pensou natsu )

- D-Desculpe - falou sem jeito, ainda hipnotizado pelos olhos de Gray

- Ta tudo bem -- Gray não solta Natsu -- Quer Dar um role agora? 

- Pode ser ...-- Natsu volta a realidade quando percebe que seus olhos percorriam todo o rosto de Gray

Os dois saíram do colégio e andaram sem destino. Natsu como sempre fazendo palhaçadas e procurando confusão com os valentões da rua. Gray ria e Natsu se encantou por aquele sorriso.

- Nossa, você apronta hein, deve ter dado um trabalhão pros seus pais -- disse Gray

- Se eu tivesse tido... -- Natsu para derrepente de arndar e lembra da morte de seus pais

- D-D-Desculpa cara eu não... 

- Não tem problema - Natsu levanta a cabeça e sorri novamente , mas seus olhos o entregam pelas lagrimas -- Eu acho que eles não aguetariam 

Gray sorri timidamente e olha para Natsu, aquele sorriso mexia com ele. Gray resolve provocar uma luta para quebrar aquela tristeza, e acaba perdendo e pedindo uma revanche sem fim... 

Os dois se cansam e deitam na grama. Seria isso o começo de uma amizade ou...



Notas Finais


Vou postar os capítulos todos os dias , menos dia de terça e sexta :3 bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...