História O bem e o mal - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Aventura, Bruxa, Elfos, Encanto, Fada, Fantasia, Ficção, Magia, Poderes
Visualizações 20
Palavras 1.317
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Misticismo, Universo Alternativo
Avisos: Canibalismo, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Olá, já digo que o proximo capitulo ira surpreender <3

Capítulo 1 - A Cabana


Fanfic / Fanfiction O bem e o mal - Capítulo 1 - A Cabana

— Anda Arizona vamos rápido para escolhermos o melhor lugar no ônibus.

Disse a Chloe enquanto pulava para dentro do ônibus escolar que nos levaria para o acampamento de férias, havia pessoas de varias pessoas do ultimo ano do ensino médio como nos, algumas de outras salas.Ela me puxou para dentro e sentamos nos últimos bancos do ônibus

— Espera, cade o Derek?.- Peguntei para a Chloe.

Derek, Chloe e eu somos o trio de amigos mais unidos que se pode existir,a pesar das nossas grandes diferenças.

— Eu sei lá, será que ele não vem?.

Logo vemos o Derek subir as pressas no ônibus caminhando em nossa direção transpirando aparentando ter corrido de mamutes.

— V-aleu por me esperarem em.- disse ele revirando os olhos e sentando-se ao meu lado.

O motor do ônibus começou a roncar e demos partida rumo ao acampamento Gween.

— Que nojo, você esta todo suado.-falou Chloe rindo alto fazendo com que todos parassem de conversar e direcionar o olhar para ela.

—  O carro da minha mãe  quebrou e eu queria tanto passar esses dias fora das brigas de casais dos meus pais que vim correndo.

Seguimos o percurso conversando, cantando, criando muitas expectativas sobre esses dias que passaremos fora de casa.

O ônibus parou e pela janela so se via arvores e mato,eu pensei que houvesse algum problema com o ônibus, mas logo todos foram descendo com pressa.

— Onde está o acampamento ?.-Derek perguntou.

— Tambem não sei.-respondi olhando tudo por volta.

Uma mulher alta com um bom porte físico  estava parada a beira da mata com uma roupa marrom clara, ela fica na frente de todos e começa a falar

— Boa tarde queridos alunos da escola... qual era mesmo o nome da escola ?Tanto faz, eu sou Alison e estou aqui para tornar suas férias inesquecíveis.

Chloe bate seu ombro no meu me empurrando de leve para que eu olhe para ela então revira os olhos e eu rio

— Sigam-me.

Começamos a seguir a Alison, ela foi entrando na floresta passando pelos troncos das arvores em ziguezague até que chegamos em um lugar mais amplo sem muitas arvores, haviam dois chalés e uma grama baixa.

— Criamos expectativas cedo demais nao acha ?.-Disse Derek.

— Talvez.-Respondeu Chloe.

A moça parou novamente diante de nós com uma bela postura.

-Meninos no chalé da esquerda, meninas na direita, vão para lá e se instalem quando terminarem de se aconchegar voltem para cá.

Eu passava o olho por todo o local, havia uma fogueira apagada cercada de troncos usados como bancos e uma tela media para reproduzir vídeos.

Chloe e eu fomos para o chalé da direita e o Derek seguiu para o da esquerda,lá dentro tinha varias beliches bem próximas uma das outras, cada beliche estava com duas bolsas e um bilhete amarelado,ele apresentava as regras

 

Regras do Camping:

-Não sair a noite

-Não entrar na floresta sozinhos

-Não alimente ou tenha contato com nenhum animal

-Durma e acorde nos horários passados

-Siga o cronograma

-Acima de tudo, não morra!

 

Meninas, vocês leram a ultima ‘’regra’’ ?.-olho para elas preocupada.

— Isso é realmente serio ?Quem coloca uma coisa dessas no meio das regras.-Disse Celeste olhando para o bilhete

— Ai gente, relaxa deve ser só uma brincadeira.-Disse Chloe

— Uma brincadeira muito estranha, confesso.-Falou Tayra.

Dou os ombros e abro o zíper revelando o interior da bolsa azul, uma barraca, lençóis ,colchão de ar. A outra contia repelente e um kit de emergência com curativos e remédios.Voltamos para encontrar os meninos

Fizemos algumas brincadeiras durante a tarde toda, passou tao rápido, agora já estava escurecendo. Alison colocava o projetor na tela e seu ajudante estendia alguns panos e jogava almofadas, íamos ter uma sessão cinema.

Todos sentaram no lençol e nos confortamos, logo um filme de animação começou.

— Meninas, vocês receberam um bilhete de regras—?

— Sim Derek.-Disse Chloe focada no filme.

— Leram a ultima ?Não é serio, é ?

Chloe olhou fixamente nos olhos dele e riu.

— Mas é claro que não seu cagão.

Derek era muito fácil de assustar, ele tem um extremo medo de coisas tolas, mas confesso que até eu fiquei assustada.

Depois disso ficamos em silencio prestando atenção na tela.Fomos cada um para sua beliche quando acabou filme, amanha começaria realmente nossas férias, faremos trilha e acamparemos na mata em nossas barracas.

 

Na manhã seguinte...

 

Fomos acordados as nove da amanhã e tomamos café até arrumarmos tudo eram onze horas, almoçaríamos quando montássemos as barracas, seguindo Alison começamos a trilha, estávamos andando a quase meia hora.

— Já estou cansada.-Disse Ária se rastejando.

— Voce é muito mole, sai da frente.-reclamou Thiago que passou em sua frente

A floresta era tao densa que apenas alguns feixes de luz passavam sobre as folhas das arvores.

— Gente, alguém tem agua ?Eu to morrendo de sede.-Celeste diz.

— Eu também estou.-Ryan

— Eu também.-Chloe faz voz de reclamação

— Cade a resistência de voces ?.-Pergunta alison alguns ate já estavam sentados no chão.-Tá legal, tem uma torneira do antigo local do Camping aqui perto, algum voluntario para ir lá buscar agua?.

Todos se entre olharam e eu me ofereci já que não estava com tanta exaustão como eles.

— Então eu vou com você.-Se ofereceu Derek

Olhamos para a Chloe e ela revisou os olhos.

— Ok, eu também vou.- Disse ela

— Otimo! Voces vao seguir a diagonal, o caminho esta meio fechado mas não é longe,peguem essas garrafas.

Der colocou as garrafas na sua bolsa e fomos caminhando como indicado

—Ok, temos que ir reto aqui depois virar a direita quando chegarmos a uma grande arvore seca.

—A gente já entendeu Arizona, já pode parar de repetir isso.

Chegando na arvore que tínhamos quase certeza de ser a certa pois estávamos andando por uns dez minutos já preocupados de termos nos perdido e era a única arvore seca daquela floresta. Viramos a direita e continuamos a andar.

A mara era fechada, tínhamos que andar em fila, Chloe na frente eu no meio e o Derek por ultimo, de repente a Chloe para.

—Olha ali, uma cabana!Ou uma casa de madeira sei la...

Estavamos meio longe porem dava para ver a silhueta de uma casa no meio das arvores.

—Não sei vocês mas eu já estou muito cansada de andar atrás de agua, eu vou ate aquela casa.-Disse Chloe apontando para as arvores

—Já era, estamos perdidos.-Disse Derek se lamentando por ter vindo junto comigo.

—Para gente, vamos até a casa depois retornamos.-Eu disse passando na frente da Chloe e seguindo em direção a casa.

Quando cegamos nos deparamos com uma cabana de madeira velha e úmida,ficamos em duvida se realmente entraríamos, mas a curiosidade era maior.

Gritamos por alguém , mas não havia ninguém lá dentro, Chloe pois as mãos na porta e tentou empurrar, mas ela não mexia um centímetro.

—Ta legal, se afastem.-Ela disse se afastando da porta e chocando seu pé contra a porta que abriu com tudo em um tremendo rangido.

Não era uma moradia, era uma biblioteca. Cheia de prateleiras de livros, tinha alguns caldeirões umas miniaturas de elfos, bruxos e coisas do tipo, tudo era coberto com muita poeira.

Nos separamos, olhando alguns livros. Me aproximei de um que estava posto sobre uma mesa,era o único livro que estava lá  sua capa verde era dura com letras em dourado, não dava para entender o que estava escrito no titulo por estar muito desgastado, comecei a folear e havia umas ilustrações de criaturas das trevas e alguns castelos pontiagudos.

—Derek, Chloe, venham ver esse livro.

Eles se aproximaram e voltei a folear o livro, os livros de todas as prateleiras começaram a ser jogados para fora caindo ao chão a gente se vira assustados, o livro verde começa a se desintegrar provocando uma forte luz dourada, sinto muita tontura e acabo desmaiando minha cabeça bate forte contra a madeira.

Depois de um longo sono eu acordo com Derek me balançando.

—Arizona, Arizona, acorda!!!!.-Ele gritava

Meus olhos embaçados se abriam lentamente...

 


Notas Finais


E ai?Gostou? Deixa a sua opinião nos comentarios
Não esquece de me seguir e favoritar a historia <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...