História O caçador da morte - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Bruxa de Blair
Visualizações 14
Palavras 327
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Perdão pelos erros do 4° capítulo o celular também não ajuda kk

Capítulo 5 - Fugindo do medo


Fanfic / Fanfiction O caçador da morte - Capítulo 5 - Fugindo do medo

Fecho meus olhos com tanta força que parecia qu iam entrar pra dentro,o coração pulava ,sentia o corpo lento só tremia,aquela sensação era horrível.Nunca se sabe quando a morte está perto, até lá,você passa por treinos e esses " treinos " são mais adrenalina pulsando em meu sangue. 

Aqueles passos... chegavam mais perto de mim eu sentia em meu corpo a vibração do chão, dele se movimentando lentamente até à mim .Ele para,como se estivesse analisando tudo que fazia ,sinto sua respiração bem próxima de mim e a quentura do seu corpo próximo ao meu,me arrepiei tinha vontade de gritar ou fazer algo mas não sabia o que.

Não me atrevo olhar continuo sem ver nada ,ele toca lentamente os dedos em meu rosto alisando,suas unhas que pareciam ser garras,arranham de leve sem ferir.sua respiração ficava cada vez mais perto, não sabia o quanto ia aguentar aquela pressão em mim até que ouço barulho de alguém atirando.Era Michael! Assim que abri os olhos imediatamente aquele ser o encara e avança em segundos só tendo tempo de virar o corpo contra chão,a criatura o derrubara bem na hora que ia mirae novamente.

Estava muito nervosa  não consiguia pensar em nada para ajudá-lo,olho para a fogueira e pego a ponta de um galho grosso  e avanço na criatura acertando o galho nas costas,por sua vez não fizera nenhum efeito,apertava com força o pescoço de Michael o deixando sem ar tirando suas forças.Após acerta-lo ele se vira e me encara " me ferrei !"vou dando passos para trás devagar e ele observava atenciosamente.

Corro sem parar ,sem passar ,era a única coisa a se fazer mas estava tudo escuro a lua cooperava um pouco com minha filha mais não era o suficiente para fugir rápido o bastante e ele estava se aproximando.Via sombras me seguindo por toda parte era um delírio o medo era incontrolável cheguei à gritar mais  me lança com uma mão fazendo- me bater contra uma árvore enorme .

Depois continuo..


Notas Finais


Paro ou continuo?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...