História O Camisa 10 - Capítulo 20


Escrita por: ~ e ~brenda

Exibições 93
Palavras 773
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente, eu nunca escrevi um hot. Então relevem kkkk
Prometo que os próximos hot's serão mais Hot's! 😳👿😏💏

Capítulo 20 - Capitulo 20


   ◆ P.V.O Douglas◆


  Tava na hora de mostrar pra essa garota que quem mexe com fogo se queima. 

 Peguei ela e ela enroscou as pernas na minha cintura. Levei ela pro quarto dela, joguei ela na cama e já fui logo tirando a minha camisa. Segurei o cabelo dela com uma mão enquanto eu tentava tirar o sutiã dela com a outra, perguntei se ela tinha certeza daquilo ela só balançou a cabeça dizendo que sim, eu já tinha tirado a calça e tava só de cueca mesmo. Já tinha aberto o macacão dela e já tinha jogado em algum lugar, ela ficou só de camiseta e calcinha, arranquei a blusa dela e comecei a beijar os seios dela, uma hora eu beijava e massageava e outra hora eu chupava. Ela já tava louca e eu então nem se fala. Invertemos as posições e ela ficou por cima. Ela sentou bem em cima do meu membro que já estava duro igual uma tora e começou a rebolar e aquilo tava me deixando com um tesão danado. 


Douglas: que que isso novinha? rs

Brenda: eu tava na minha, e você provocou. 

Douglas: acho que foi ao contrário, hein gostosa?! 


Começamos a rir maliciosamente e num descuido dela eu já tava por cima de novo. 


   ◆ P.V.O Brenda ◆


  Que que é isso Brasil, que homem é esse?!

Douglas ficou por cima de mim de novo dessa vez ele botou a mão na minha calcinha e numa puxada só ele rasgou ela. 


Brenda: já sabe que vai ter que me dar outra. 

Douglas: Relaxa que agora a última coisa que vamos precisar vai ser disso. 


 Ele me olhou safado e pegou alguma coisa na carteira, quando eu vi era uma camisinha. Assim que ele abaixou a cueca pra tirar o membro dele saltou de dentro da cueca revelando sua excitação. Dava pra ver de longe. O Homem era todo gostoso cara. Ele colocou a camisinha com cuidado pra não pegar ar e já foi se ajeitando. Ele pegou as minhas pernas e abriu e eu falei. 


Brenda: vai devagar 

Douglas: deixa comigo gata. 


   ◆P.V.O Douglas ◆


Realmente essa menina tava me dando um tesão que eu não sei explicar, coloquei a camisinha e me ajeitei pra começarmos, ela pediu pra eu ir devagar pq ela era virgem. Mas também eu não era nem louco de entrar com tudo de uma vez e machucar ela. 

  Fui beijando ela e massagendo seus seios, então eu comecei a colocar nela devagarzinho ela já ficou um pouco manhosa e eu continuava colocando. Fui mais um pouco até que eu senti que seu hímen rompeu e ela gritou 


Brenda: aaaaaaaaaaah caraaalho Douglaaas. isso doooi muito.

Douglas: você pediuuu, não foi?! 

Brenda: ahaaaam, aaaah... pedi siiim. 


Ela já tava se acostumado e então eu fui aumentando a velocidade das estocadas e quando mais eu aumentava ela gemia mais alto, ela não tava sentido mais dor e dava pra ver de longe que ela tava gostando. 

Trocamos de posição dessa vez ela subiu em mim de novo e começou a cavalgar e eu já tava louco já. Depois eu voltei a ter o controle da situação e comecei a falar 


Douglas: fala quem é o seu homem gatinha?! 

Brenda: aaaaah... é sim, você Douglaaas gostosooo, só meu aaah... 

Douglas: tá gostando é, quem é agora que fala muito e nada faz, me diz?! 

Brenda: ning... ninguém... você faz sim, ahaam. Faaz...


 Aumentei os movimentos mais uma vez e ela se contorcia e ia puxando o lençol já tava tudo fora do lugar.E aquilo tava me deixando mais excitado, e fui aumentando as estocadas e ela parecia estar delirando. 

 Senti quando ela se contraiu e teve um orgasmo e parecia que ela estava no céu. Eu continuei os movimentos pq ainda não tinha gozado. Fiz mais rápido um pouco e gozei e quando percebi ela já tava tendo um orgasmo de novo. Ela estava cansada e eu confesso que continuar seria judiação com ela. Resolvi parar, ficamos nos olhando e nos beijamos. E eu perguntei.


Douglas: garota, tem certeza que tu nunca fez isso? 

Brenda: meu querido eu não tenho nem mais certeza que meu nome é Brenda. 

Douglas: nossa, eu quero replay. 

Brenda: eu não tô aguentando ficar em pé e tu quer replay?! 

Douglas: deixa pra amanhã então. 

Brenda: eu quero um banho pra apagar esse fogo que eu tô. 


Ela foi tomar um banho e eu queria ir junto mas na hora ela me barrou. Então fiquei jogado na cama esperando ela sair. E velho, que noite. Olhei no relógio já eram 4:15h e eu pensei, se eu continuasse eu ia matar essa menina rs. 






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...