História O conto trocado - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Flowey, Frisk, Mettaton, Napstablook, Papyrus, Sans, Toriel, Undyne
Tags Alphyne, Asgoriel, Charisk, Fontcest, Friskiel, Undertale, Universo Alternativo
Exibições 57
Palavras 854
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Fluffy, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Super Power, Survival, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


meh, esse cap não tava pronto mas meu PC deu ruim e vou ter que comprar uma nova memória '-' não vai dar pra escrever até lá, então pra não ficar sem fanfics minhas to mandando esse cap assim mesmo.
Também perdi meus desenhos incluindo a referencia dos personagens ;-; pelo menos vou fazer novos com meu novo traço pq ele mudou um pouco. E meu Asgore eu já tinha colocado no DeviantArt então foi muita sorte.
mas eu to com o PC funcionando pq coloquei outra memória que não é boa para o PC (trava pra porra isso) mas quebra o galho.

Capítulo 2 - Gorey


Fanfic / Fanfiction O conto trocado - Capítulo 2 - Gorey

trim...

- o-oi! s-sem nenhuma razão em particular, o que você prefere? frango ou carne? a-ah... Alphys falando! - ri do jeito tímido dela.

- frango.

- ah, entendo. Muito obrigada! - ela desligou, mas segundos depois recebi mais uma ligação. - olá? aqui é a Alphys. Você não ODEIA carne, odeia? eu sei qual é a sua preferência mas... você torceria o nariz se encontrasse isso no seu prato?

- não, na verdade... eu também gosto de carne.

- certo, certo. Eu entendo. A propósito, obrigada por ser paciente. - ela desligou

após passar por alguns puzzles  e enfrentar alguns monstros eu encontrei um fantasma (N/A: eu não tenho certeza mas acho que ele não vai ser um fantasma no AU, então pode mudar. As falas que se referem a ele como um fantasma também.) deitado no chão. Ele tinha chifres.... parecia triste. Ele é bem grande, parecia uma montanha perto de mim... Acho que não da pra mim passar.

- com licença, pode deixar eu passar? - perguntei, ele fingiu dormir.

- empurra ele a força. - escutei Asriel, me virei e vi ele flutuando atrás de mim. - ele não morreu para virar um fantasma. Por isso não me vê e você pode toca-lo.

- ok. - tentei empurrar o fantasma, acabei entrando em uma luta.

- Ai vem Napstasgore. - Asriel riu. Não vi a graça mas... meh...

como ele parecia estar triste eu tentei anima-lo.

- você não quer.... tomar um chá..?

- realmente não estou afim agora. Desculpe. - ele me atacou com chamas, eu consegui desviar de algumas mas outras me seguiam e acabou me pegando de raspão no braço. - oh.......Desculpe. - ele começou a chorar. As lagrimas me atingiram também.

eu disse para ele que estava tudo bem e resolvi contar para ele uma piadinha.

- *insira piada que animaria um Asgore emo gótico dos napstablook por que a autora não conseguiu pensar em uma*

- haha... - parece que eu deixei ele um pouco mais animado. Tentei de novo. - deixe-me tentar algo. - ele virou de costas para mim e pegou algumas flores amarelas que tinham do lado dele, e usou para fazer uma coroa de flores douradas. Ele colocou na cabeça. - eu chamo isso de "coroa de flores douradas". - acho que ele não é bom com nomes... - o que você achou....

- é lindo! 

- oh não... - saímos da batalha. - eu geralmente venho para as ruínas por que não tem ninguém por perto...... mas hoje eu conheci alguém legal........... oh........ eu estou falando demais.......... vou sair do seu caminho........... - ele sumiu.

- Azzy, aquele fantasma parecia com você... - falei, Asriel ficou paralisado. - Asriel?

- a muito tempo que não me chamam assim... - sussurrou mas eu consegui ouvir

- o que?

- n-nada... - ele finalmente "acordou" - bem, só vamos logo.

- okay... - continuei e recebi uma ligação da Alphys.

- o-olá? A-Alphys aqui! bem eu havia me esquecido de limpar as ruínas... então você pode acabar encontrando alguma tralha aqui e ali.... b-bem tem algumas coisas interessantes também. Acho que você poderia achar algo de seu interesse... m-mas não pegue tudo que vê por ai, acredito que você vai querer ter espaço nos seus bolsos.  - ela desligou.

- outro puzzle. - disse Asriel.

- aff.... pisos ocos? - eu fui na direção de um dos pisos.

- eu não iria por ai se fosse você.

- eu sei o que eu to fazendo cabritinOOOOOOOOOOOOOOOOOOOAAAAAAAAA!! - acabei caindo em um buraco, lá encontrei Asgore.

- oh...... olá..... eu acabei caindo nesse buraco e agora não consigo sair............ espera..... fantasmas podem voar e atravessar paredes.......... eu sou muito bobo............ - ele sumiu de novo.

eu encontrei uma passagem e escalei ela, quando subi vi Asriel rindo da minha cara.

- ta ta, pode zoar. - cruzei os braços.

- tinha que ver sua cara! hahaha!

- bom, pelo menos eu pude ver onde estava minha chave para sair daqui! - falei andando em direção a outro buraco, cai nele e abaixei a alavanca que tinha lá e então subi de novo.

- bravo. - Asriel batia palmas. - na segunda tentativa todo mundo consegue.

- pelo menos eu fiz algo.

e continuei meu caminho..... eu andei tanto que acho que minhas pernas não funcionam mais.... me sentei no chão para descansar, quando vi de novo a Flowey se escondendo. Eu não sei por que ela ta me seguindo mas eu acho melhor eu sair de perto...

depois de algum tempo caminhando eu encontrei o que parecia ser a casa de Alphys.

- bom, vamos lá. - já ia para lá mas Asriel me puxou de volta.

- não! acho que tem algo útil ali. - apontou para o outro caminho.

- bom... se você acha. - fui para lá e achei uma faca de brinquedo no chão.

- pega.

- ahm... acho que não vai ser util já que não estamos lutando.

- eu acho bem útil então só pega. - Asriel cruzou os braços.

- aff... tá... - peguei a faca.


Notas Finais


conseguem adivinhar o que a Alphys fez para Frisk? é facil, dica: Eu não sei fazer. (mintira..... ou será que não? >.> )

redes sociais (agora eu coloco essa porra):

DeviantArt: http://monstercandywv.deviantart.com/

Tumblr: http://candykidneyswolfv.tumblr.com/
podem me fazer perguntas sobre as fics por lá okay?

Twitter: https://twitter.com/CandyKWolf
na verdade eu quase nem entro no Twitter :'D

Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCL3FEsaxTJaY0zCkOghuRLA


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...