História O demônio e a anja - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 4
Palavras 547
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Lírica, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Orange, Poesias, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Yo o/

fic nova, tudo novo pra mim, eu não tenho muita coisa a dizer. E eu só tenho algumas coisas.

• A fic será atualizada todas as sextas , segundas e domingos ( ou quando eu estiver muito animada )

• A fic contém palavrões, sexo, tortura e muita tragédia é violência caso se sinta ofendido ( a ) não leia e é pra + 18 se você não se sente ofendido ou nada do gênero boa leitura

• Vocês podem me chamar de Ana - Chan ou Ana ou Sook ( vocês escolhem )

• A fic tem até meia noite para ser postada ( no caso posso postar de surpresa)

Bom e só isso desejo a vocês boas - vindas ( o ) é :

Boa Leitura

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction O demônio e a anja - Capítulo 1 - Prólogo

Sook P.O.V 

Por onde eu devo começar?  Bom,  vou me apresentar. 

Meu nome é Sook tenho 20 anos,  meus pais morreram quando eu tinha exatamente 10 anos minha mãe morreu de câncer no pulmão e meu pai de overdose. 

Pra ser sincera eu até que não me senti muito triste, eles me batiam sempre até por uma coisa minuscula que eu fazia 

Um ano depois eu  fui adotada pela senhorita Andrade,  ela sempre esteve em busca de uma " filha " já que suas duas não a davam atenção. 

Bom é só isso, agora eu estou me arrumando pra ir a Seul morar lá e   eu e suas duas filhas : Megan e Molly estamos terminando de arrumar nossas roupas .

Aurora : não se esqueçam de me ligar meninas,  eu vou sentir muita a falta de vocês - disse com lágrimas nos olhos 

Megan : deixe de drama mãe - disse saindo deixando a mãe sem abraço 

Molly : bom mãe já estamos indo adeus - acenou entrando no táxi 

Sook : tchau dona Andrade vou sentir muita a falta da senhora e obrigada por tudo  - a abracei chorando ela tinha sido como uma mãe pra mim 

Megan : anda logo Sook até chegarmos ao aeroporto vai levar um século - gritou de dentro do táxi dei mais um abraço em dona Andrade secando suas lágrimas e então disse : 

Sook :  eu vou ligar pra senhora sempre - sai em direção ao táxi 

{...} na nova cidade... 

Já havíamos chegado em Seul a cidade era linda mais chovia e nossas coisas só terminariam de chegar amanhã a tarde. 

Corremos até a porta da casa,  Molly estava procurando as chaves dentro de sua bolsa.  Sete garotos corriam pela chuva todos pararam para nós ver Megan xingava Molly por não encontrar as chaves e eu tentava ajudar Molly a achar. 

Eles riam e diziam algumas coisas que nenhuma delas entendiam já que não se dedicaram para aprender coreano. 

Sook : vão se fuder - disse pegando as chaves e abrindo a porta a casa era grande. 

Entramos eu logo subi as escadas em direção meu quarto haviam 3 um no início do corredor outro no meio do corredor e um no último. 

Optei por ele caminhando em direção dele,  abri a porta o quarto tinha uma cama de casal dois criados mudos  dos lados um guarda roupas de tamanho médio. 

Em uma outra parede havia uma porta,  juguei pelo banheiro e de frente pra cama uma penteadeira.  Caminhei em direção ao banheiro. 

Precisava relaxar um pouco entrei no box e deixei a água cair sobre os meus cabelos que ia descendo para minhas costas .

Toc Toc Toc - três batidas na minha porta me fizeram sair de meus devaneios 

Molly : Sook a gente vai pedir alguma coisa pra comer você quer?  

Sook : não obrigada - ouvi seus passos se afastando. 

Voltei a relaxar então decidi sair enrolei meu cabelo na toalha e vesti meu roupão a chuva agora cairá menos. 

Então me lembrei dos garotos o de cabelos pretos que me encarava me chamou muito a atenção. 

Balancei a cabeça negando tais pensamentos vesti uma camisola de renda preta e deixei meus cabelos secarem sozinhos. 

Me deitei na cama e acabei por adormecer ali mesmo 


Notas Finais


Por ser o prólogo ficou pequeno mais os próximos seram maiores

Música que usei pra fazer o cap :

https://youtu.be/m8MfJg68oCs

Beijos da tia Sook


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...