História O desafio. (Curta BTS) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Comedia, Desafio, Ficção Feminina, Sexo
Exibições 176
Palavras 607
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Ficção, Hentai, Josei, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá fanáticos de plantão! 👋
Último capítulo desse curta incrível!
Quero saber de vocês se perceberam os ester eggs que lancei dentro da fic… quis ver se estavam atentos. Deixem nos cometários se acharam algum.

Espero que gostem! 😘

Capítulo 9 - Prólogo final


Fanfic / Fanfiction O desafio. (Curta BTS) - Capítulo 9 - Prólogo final

Jungkook já havia ido embora quando resolvi tomar um banho para me arrumar para o programa, finalmente eu escolheria o que vesti, então optei por um vestido de alça justo até a cintura e um pouco solto na saia, ele ia até os joelhos, coloquei um casaquinho estilo secretária rosa e calcei meus scarpin pretos. Sequei os cabelos os deixando mais lisos, arrumei a franja e fiz uma maquiagem leve mostrando mais minha origem indígena, peguei as chaves e celular, tranquei minha casa e fui acabar com minha espera.

Ao chegar no estúdio vi Mia e ela me desejou boa sorte, já no palco o apresentador me cumprimentou e fez graça para a platéia, os sete rapazes também estavam lá, lindos e sorrindo, sorri para eles e meus olhos encontraram os de Jimin que piscou. Todo o programa foi muito divertido, rimos bastante dos vídeos dos meus encontros e finalmente tinha chegado o momento que eu tanto esperava, o prêmio, mas claro que não seria fácil, pois o apresentador só me daria o prêmio se os rapazes tivessem se agradado comigo.

Rezei em silêncio para que os meninos fossem bonzinhos e me tornasse merecedora, eu sei que Pã me ouviu naquele momento, pois todos os sete concordaram que eu merecia sim o dinheiro, sorri feito uma boba e abracei forte todos eles.

Com o dinheiro em mãos finalmente conseguiria salvar a vida do meu irmão e foi assim que aconteceu, ele começou o tratamento que foi um sucesso e em dois meses já estávamos voltando para o Brasil. Consegui recuperar meu apartamento e aos poucos meu carro, Teçá ficou morando comigo, o coloquei em uma boa escola e logo eu estava de volta ao trabalho. Os dias se passaram tranquilos e por incrível que pareça os sete rapazes continuaram a ter contato comigo pelas redes sociais, principalmente o Jimin, com ele eu falava todo dia.

Minha rotina de trabalho era a mesma, de sete da manhã até meio dia eu ficava na clínica veterinária e de duas da tarde às seis, ficava no zoológico, antes eu achava ruim a rotina, mas depois do que me aconteceu, estar perto dos meus amados animais era tudo. Em uma tarde ensolarada de sábado o movimento no zoológico estava grande, famílias levavam suas crianças para ver os animais e comprar lembrancinhas, carrinhos de sorvete e algodão doce tinham enormes filas de meninos e meninas.

Era uma tarde perfeita, peguei minha maleta para atender um chamado na jaula do urso, o pobrezinho deve ter comigo alguma coisa que algum menino jogou e acabou lhe fazendo mal, andei apressadamente até lá.
__ Oi Teobaldo?! Como vai? _falei com o urso acariciando seu pelo, Teobaldo era um urso pardo muito mansinho. __ Não devia comer besteiras fora de hora. _sorri.

Gostava muito do meu trabalho, sempre me dei melhor com os animais do que com as pessoas, e enquanto eu aplicava um analgésico em Teobaldo senti olhos me observando, olhei para cima e havia um rapaz de boné me encarando, fiz o mesmo e ele acenou. Fiquei um pouco perplexa com a atitude do rapaz, mas não me importei, o sol também não ajudou para ver direito, deixei Teobaldo medicado e saí da jaula, caminhei lentamente pelo zoológico até sentir meu braço ser puxado.
__ O QUÊ VO… _paralisei o rapaz de boné.
__ Oi Potira? _esse sorriso era inconfundível.
__ Jimin?? _meus olhos se arregalaram. __ O quê faz aqui? _sussurrei.
__ Vim ver você. _ele disse sorrindo, não me segurei e o abracei.
__ Por quê veio? _falei ainda abraçada a ele.
__ Eu já te falei, sou seu futuro amor.

Fim!!!



Notas Finais


E aí, gostaram do final??
Comentem aqui o👇que acharam.
Até a próxima 👋

💋💋💋 no ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...