História O despertar de um Amor - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Gaston, Luna Valente, Matteo, Nina
Tags Gastina, Lutteo, Romance, Vingança
Visualizações 153
Palavras 1.090
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Estupro, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Gente estava meio sem expiração, sem tempo, com preguiça de escrever e blá, blá, blá... Me desculpem mesmo tá. Mais enfim acabei por postar mais um capítulo. É tenho certeza que vcs acabaram percebendo pela foto da capa, o que vai acabar acontecendo entre Lutteo neste capítulo kkk pois é, o capítulo será dedicado apenas a cena deles. E Bom... Deixei nas notas finais, o link do meu Facebook, caso alguém queira conversar comigo, ou tirar alguma dúvida em particular. *--* Vamos ler então?

Capítulo 5 - Capítulo 4


Fanfic / Fanfiction O despertar de um Amor - Capítulo 5 - Capítulo 4

          Jardim dos andes - 4hrs15min pela manhã

A noite estava caindo, e com ela uma nova manhã estava por nascer. É bom... Luna acabou optando a sair de pé pelas ruas da Argentina, sabia que se usasse o carro de seu pai, acabaria fazendo um certo barulho e acordando a todos, e ela teria que dar explicações e blá blá blá... Aquele país pra Luna fazia gosto de morar, sim Luna sempre amou aquele lugar é nem foi sempre que morou por lá. Ela se lembra muito bem de quando teve que ir embora de Cacún por sua mãe está grávida de Nina, e pelo seu pai ter aceitado a proposta de ser sócio de uma pequena agência de automóveis que tinha na Argentina.

Vendo uma oportunidade perfeita pra melhorar sua situação financeira, Miguel acabou aceitando se mudar de Cacún com a família, mais trabalho acabou lhe causando mais prejuízo do que lucro, isso porque as coisas não deram muito certo, é pra piorar a situação, essa pequena agência acabou falindo.

Miguel acabou achando que deveria voltar pra Cacún, mais Mônica já se encontrava encantada pela Argentina, sem contar que Nina estava muita pequena, os dois já tinha uma casa própria por lá, e com tantas desculpas que Mônica acabou dando para que eles não fossem embora, Miguel acabou cedendo a insistência da esposa. Pra Luna também não foi nada fácil, por mais que fosse pequena, ela sabia que mudando de cidade, acabaria perdendo contato com os amiguinhos que tinha, mais com o tempo foi se acostumando, e ganhando novos amigos, é vivendo novas histórias naquela cidade.

Caminhar sempre lhe fez bem, mais Luna naquela noite se encontrava meio inquieta com tudo. Enquanto caminhava olhando para as belas casas que tinha por perto daquele Jardim tão conhecido na Argentina, ela acabou criando consigo mesma várias suposições do que Matteo falaria com ela quando se encontrasse. Sabia muito bem, de que não seria por um motivo qualquer que ele a convidaria para um "encontro" àquela hora da noite.

Luna se senta em um banco vazio, a espera de Matteo. Acabou vendo que como aquele lugar era tão grande, poderia até mesmo se desencontrar com ele. Ou poderia ele estiver a esperando em outro lugar. Luna acaba saindo de seus pensamentos ao levantar-se do banco, quando sente as mãos de alguém a segurando pelos ombros. Ela solta um suspiro, e sabia que era ele...

Aos poucos ela vai se virando, e com ela se encontrava um intenso medo do que poderia acontecer.... Luna e Matteo ficam se encarando por longos segundos, aquele lugar estava tão vazio.... É a noite já estava por cair.

-Luna? – Matteo pronúncia seu nome para acabar com aquele certo silêncio.

-Oi. – Luna responde forçando um sorriso, e com o semblante de preocupação exalava naquele lindo rosto.

Erá isso que ele pensava quando a via. Seu rosto a encantava de uma forma embriagante.

-Sente-se Luna. – Matteo responde em tom de exigência, sem reclamar Luna se senta a frente de Matteo no banco.

-Deve está curiosa pra saber porque pedir pra que viesse aqui, não é mesmo?

Luna assente com a cabeça, sem ter a miníma coragem de olhar em seus olhos.

-Preciso de você Luna!

Matteo responde com um sorriso triunfante estampado em seu rosto, nunca foi daqueles de rodeios em uma conversa. Por isso decidiu chegar logo ao ponto crucial do seu plano.

Luna fica um pouco surpresa com suas palavras, mais nada que ela não tenha pensando diante as suas suposições. Mais estar certa disso era realmente algo imprevisível pra mesma.

-Como assim você precisa de mim?

Luna pergunta enquanto sente suas mãos serem tocadas pelas de Matteo, que acaba por segura-las é as leva-las até seu peito... -Eu te amo Luna. Preciso de você comigo.

Ele responde enquanto se encontrava vidrado no par de esmeraldas que Luna tinha, naqueles tão belos olhos. Enquanto ela... Ela se encontrava imóvel e surpreendida com as palavras de Matteo. Erá isso mesmo? Ele está se declarando pra mim?

Ela pensava enquanto sentia seu coração bater ainda mais acelerado do que o normal. Sem perceber, os dois se encontravam mais próximos do que o normal, tanto que podiam até sentirem suas respirações... Sem permissão alguma, Matteo acaba roçando seus lábios nos de Luna, a tomando por um desejoso e tão esperado beijo...

A própria acaba relutando e tentando se afastar a qualquer custo dele, mais acaba cedendo ao beijo, sem hesitação ele a puxa para mais perto colando em seu corpo, com esse gesto a sentou em seu colo aprofundando mais o beijo.

Luna não conseguiu pensar no que estava acontecendo, queria apenas aproveitar o momento e torná-lo único. Porém a realidade invadiu sua mente, a lembrando que não poderia está fazendo isso... Tinha um compromisso sério com Simón.

Ofegante ela se afasta bruscamente dele voltando a se sentar em seu lugar.

-Isso não poderia ter acontecido... – Luna fala com a mão na testa enquanto as lágrimas caiam em seu rosto.

-Luna acalme-se. Desculpa se passei dos limites por ter roubado esse beijo... Mais eu precisava ter feito isso. Por favor me entenda. – Matteo falava com os olhos fechando, tentando se controlar pra não lhe roubar mais outro beijo.

-Eu posso até te entender... Mais eu não consigo me entender. Eu não podia ter feito isso.

Luna fala com tamanha raiva de si mesma. Sempre odiou traição, e acabou fazendo isso com seu namorado Simón.

-Porque não Luna? Pelo seu namorado?

Matteo fala deixando Luna um pouco assustada. Como ele sabia que ela tinha um namorado?

-Como você sabe? – Luna pergunta enquanto olhava pra qualquer lugar, menos pra ele, sim ela estava com vergonha...

-Luna... Eu acabei descobrindo. Não me pergunte como, apenas sei.

Matteo responde com certa reverência ao lembra-se de que Luna tinha um namorado. Mais não ria desistir... Luna era uma das chaves de sua vingança. É a mulher da suas maiores fantasias sexuais.

Ele toca em seu queixo, fazendo assim com que ela olhe pra ele. Seu objetivo era conquista-la e depois a sequestrar. Sabia que não seria tão difícil assim, viu isso quando a beijou, e mesmo relutando... Ela cedeu sem reservas.

Luna sempre invadia sua mente de uma maneira diferente. E ele se lembra muito bem do que precisou fazer pra que ela se tornasse sua secretária pessoal. Desde que bateu o olho nela, viu que seria a pessoa perfeita pra acabar com a vida de seu pai.

Luna ao invés de Nina foi a escolhida dele. É esse momento teria que chegar alguma hora.
 


Notas Finais


Aproveitem porque cenas desses dois assim, serão poucas kkk adiante aos coisas vão acabar saindo do eixo, se é que me entendem kkk Espero que tenham gostado, é venho dito... Só continuo com mais de oitos comentários, okay? Também queria deixar claro que no próximo capitulo, antes de continuar com a conversa Lutteo, escreverei um pequeno flashback lembrando de como Matteo conheceu Luna, a contratou como sua secretária, e soube que ela era uma das filhas de Miguel. Então era isso, bjs meus amores *-* #Lutteo #Gastina

link do meu facebook: https://www.facebook.com/mahjw.org


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...