História O dia do baile! - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Descendentes
Personagens Evie, Mal
Tags Malvie
Visualizações 397
Palavras 835
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, FemmeSlash, Festa, Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eu sei que tá uma bosta, eu fiz o melhor que pude mas espero que vcs curtam!!

Capítulo 1 - Capítulo único- O Baile!


Fanfic / Fanfiction O dia do baile! - Capítulo 1 - Capítulo único- O Baile!

"Que festa porre" pensei encostada na parede.

- Não vai dançar com a gente Mal?- Pergunto Carlos dançando com Jane.

-Não...-respondi secamente.

-Ui cuidado Carlos, ela pode te transformar em um sapo ou coisa pior.- Disse Jay, esse idiota, ele dançava com... e eu vou lá saber?! Tá escrito lista de estudantes na minha testa por acaso?!

-Não me provoquem...- falei entre os dentes- Mudando de assunto... onde está a Evie?- Os dois olharam em todos os lugares mas não viram nada.

- Achei Que ela estava com você.- falou Jay.

- Eu achei que ela estava com o Doug.- falou Carlos.

- Ele tá sozinho no canto... e não parece bem... eu vou procurar ela.-  Falei saindo. "Agora... se eu fosse pirigete desmiolada, onde eu estaria?" Pensava enquanto corria pelos corredores. Fiquei um bom tempo procurando aquela doida é nada, rodei a escola inteira e nada.

-Aonde você tá Evie?...- perguntei preocupada.

-Mal...- Me assusto ao sentir uma mão em meu ombro, me viro e dei de cara com Ben- Está procurando a Evie não é?- concordo com a cabeça- eu vi ela correndo por aqui agora mesmo e pela cara não parecia coisa boa...

- É... o mesmo com o Doug...- falei baixando o olhar.

- Então ele fez?!- ele perguntou surpreso.

- "Fez" o que exatamente?- falei cerrando os punhos.

- Ele me disse que as coisas não iam bem entre eles.. então ele resolveu terminar.

- Certo.- falei tentando me acalmar. Eu vou para o meu quarto procurar ela.

-Boa sorte.- Ele da um tapa amigável no meu ombro e eu saio correndo.

 Chego na porta do meu quarto, estava perto de abrir quando de dentro eu ouço alguns sons abafados, morrendo de preocupação eu abri a porta correndo, Evie, que estava com a cabeça no travesseiro, se levanta assustada ao me ver.

Mal...-ela corre até mim e me abraça- O... Doug... e-ele terminou comigo...- eu a abraço forte, que estranho... ela não parece estar tão triste quanto pensei.

- É... Eu to sabendo...

- O que eu fiz de errado?

- Escuta- a empurra e ela olha para mim- Você é perfeita Evie. E se o Doug não vê isso, bom... que ele mande o óculos para trocar a lente.- Eu sabia que ele não tinha culpa, mas eu sentia raiva dele por fazer a minha Evie ficar triste... espera "minha"?

- O-obrigada Mal.- ela agradeceu olhando nos meus olhos, por um segundo eu me senti perdida neles.

 ~POV Evie...

 Mal me consolou, igual quando éramos pequenas, o seu abraço era tão bom, tão quente e tao acolhedor que me fazia sentir a pessoa mais feliz do mundo e era lá que eu esquecia tudo de ruim que me acontecia. Eu ergui minha cabeça para poder olha-la, fiquei petrificada ao ver seus olhos verdes olhando diretamente nos meus olhos, eu me senti perdida em seu olhar.

-Deus, seus olhos são lindos...- falei sem pensar e vejo Mal corar.

- Isso... é verdade?- ela desviou o olhar.

-Não, estava brincando- Rio, mas ela não-  Desculpe- Eu me aproximo de seu rosto. O que eu estou fazendo?

~POV Mal...

Evie estava muito perto, eu podia sentir sua respiração eu olhava seus olhos e para sua boca, pensava em como seria beija-la... mas ela havia acabado de terminar um namoro podia simplesmente estar carente, foi o que aconteceu comigo quando Ben e eu terminamos.

- Não Evie... Não podemos...- Afastei ela.

-Por que não?- ela pergunta desanimada. 

-você acabou de terminar um namoro, está carente.- disse mas ela parecia não estar convencida.

- Mal, eu vou mostrar para você que eu não estou carente por homem nenhum.- ela me empurra forte, o que acaba fazendo com que eu bate-se as costas na porta, ela rapidamente coloca os braços em casa lado da minha cabeça, eu corei violentamente- E-evie... nao podemos e o Doug? Já esqueceu ele? A um minuto você estava chorando por ele.

- Correto. Eu gostava muito dele, mas...

-Mas...

- Mas quem eu amava, ou melhor amo, é você Mal.- ela se aproxima mais de mim- desde quando éramos crianças na ilha.

-....- minha mente ficou em branco, logo Evie quebra a distância que havia entre nós e me beija, sem nem pensar eu retribui o beijo, ela pede passagem com a língua e eu cedo, a sensação era muito boa... Eu senti algo no meios das minhas pernas, Evie havia levado sua mão até minha intimidade e me instiga por cima do vestido, eu solto um gemido e ela morde minha orelha, aquela sensação era ótima.

- Isso... é bom...- eu disse entre os dentes.

- Se deixar, eu te mostro muito mais...- ela da um sorriso sacana.

 Meu corpo se arrepia com a proposta.

- Você topa?- ela pergunta.

-... Uhum...- ela me puxa para cama.

~ Enquanto isso no corredor...

~Narrador POV...

-Será que ela a achou?- Carlos pergunta a Jay.

- Não sei, mas tomara, to preocupado.- Respondeu Jay.

-Vamos procurar lá fora.- os dois saem.


Notas Finais


Espero que tenha ficado bom!! Obrigado por ler!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...