História O Dia Em Que Cruzei Com Um Alfa - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural, Teen Wolf
Personagens Aiden, Alan Deaton, Allison Argent, Benfeitor, Bobby Singer, Breaden, Brett Talbot, Castiel, Charlene "Charlie" Bradbury, Chris Argent, Claire Novak, Cora Hale, Dean Winchester, Decaulion, Derek Hale, Dr. Valack, Enis, Erica Reyes, Ethan, Gabriel, Gerard Argent, Isaac Lahey, Jackson Whittemore, Jennifer Blake, Jody Mills, Jordan Parrish, Kali, Kate Argent, Ken Yukimura, Kira Yukimura, Liam Dunbar, Lydia Martin, Malia Tate, Mason Hewitt, Melissa McCall, Meredith Walker, Natalie Martin, Noshiko Yukimura, Peter Hale, Rafael McCall, Ruby, Sam Winchester, Scott McCall, Sheriff John Stilinski, Stiles Stilinski, Theo Raeken, Vernon Boyd, Victória Argent
Exibições 48
Palavras 1.469
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Não sei quantas pessoas estão acompanhando a fic, mas pra quem estiver lendo isso, eu quero que comentem que ships vocês querem. Eu to em dúvida em que ships eu vou investir, então me deem suas opiniões.
Eu sei que aimagem ta meio estranha, mas fui eu que fiz. Então me digam o que acharam.
Bjs e boa leitura.

Capítulo 5 - Rescue and Ancor


Fanfic / Fanfiction O Dia Em Que Cruzei Com Um Alfa - Capítulo 5 - Rescue and Ancor

Quando chegamos a casa do Isaac, Scott é o primeiro a quebrar o silêncio.

- Se o Isaac não matou o pai, então quem matou?
- Ainda não sabemos. -Derek falou.
- Então como você sabe que ele esta falando a verdade?
- Porque eu confio nos meus sentidos. E é uma combinação deles, não só o olfato.
- Você viu o lance do lacross hoje?
- Não, eu contei pra ele. - Eu respondo.
- Pareceu tão ruim? - Scott pergunta.
- Foi hilario. -Eu respondi quase começando a rir denovo lembrando da cena com o Danny.

Derek mandou o Scott ver o porão pra testar seus sentidos.

- O que aconteceu aqui? - Scott pergunta.
- O tipo de coisa que marca. - Eu falo me lembrando de tudo que o Isaac me contou. Scott da mais uma olhada pelo porão até encontrar o freezer, então Derek manda ele abrir e quando ele faz isso consegue ver as marcas de unhas lá dentro de quando o pai de Isaac o prendia lá.
- É por isso que ele disse sim pra você! - Fala Scott alarmado com o que viu.
- Todo mundo quer poder. - Derek fala como se fosse a coisa mais natural do mundo.
- Se ajudarmos você, você tera que parar. Você não pode sair por ai transformando pessoas em lobisomens. - Scott fala.
- Posso se for o desejo delas. - Ele fala e eu limpo a garganta chamando a atenção dele. - Você sabe que o seu caso é diferente. - Ele falou e Scott não entendeu nada.
- Contou ao Isaac sobre os Argent e sobre ser caçado? - Pergunta Scott.
- Sim, e ele pediu do mesmo jeito.
- Então ele é um idiota.
- Fala o garoto que namora a neta do cara que gosta de cortar lobisomens ao meio. - Eu falo num tom sarcástico. E ele me olha surpreso. - É nós sabemos seu pequeno segredo. E se nós sabemos, quanto tempo você acha que vai levar pra eles descobrirem?
- Você viu o que acontece com um Ômega. Comigo você iria aprender a usar todos seus sentidos, comigo você iria aprender a se controlar. Mesmo na lua cheia. - Derek fala.
- Se eu me juntar à você eu perco ela.
- Você vai perder ela de qualquer jeito. E sabe disso.  - Eu falo. - Derek, ta na minha hora! - Eu falo sentindo o efeito da lua, e minhas unhas começando a crescer.
- Espere. - Scott fala quando nós dois começamos a sair. - Eu não sou da sua matilha, mas eu também o quero livre, ele é minha responsabilidade também. Porque ele é inocente.
- Eu vou prender bem a Hayley e depois eu vou com Stiles até a delegacia pra tirar Isaac de lá.

Scott concorda e diz que vai chamar a Allison pra prender ele. Derek e eu fomos até a estação de trem e ele me acorrentou dentro de um vagão.

- Então lobinha, você está sentindo o que agora?
- Eu olho pra sua cara, e quero destruir ela e a dilacerar com as minhas garras.
- Você tem que encontrar uma âncora. Pense em algo, uma coisa ou alguém que te faz humana. Pode ser um sentimento, um lugar, uma pessoa ou uma lembrança. Eu não posso ficar aqui, eu tenho que ir atrás do Isaac rápido, então pensa muito bem e ache sua âncora. - Ele fala e sai indo atrás do Isaac na delegacia.
Eu tento pensar em o que me faz humana, eu lembro da minha mãe e quando penso no meu pai eu começo a me lembrar de um parque que eu fui quando era criança, quando meu pai e minha mãe ainda estavam juntos. Ele e eu brincavamos de esconde-esconde naquele parque enquanto minha mãe arrumava o piquenique, Nós éramos próximos, eu era mais próxima do meu pai que da minha mãe, até que um dia um homem apareceu em casa e meu pai o apresentou como seu irmão e depois desse dia ele foi embora.

Eu quero encontrar meu pai.

Depois de pensar isso eu percebo que eu não quero mais matar ninguém e nem dilacerar a cara do Derek com as minhas garras. A cara dele é muito bonita pra isso.
Então agora eu fico aqui presa até o Derek voltar vom o Isaac? Não, eu não vou fica aqui presa não, eu vou atrás dele e vou ajudar com o "resgate do Isaac". Eu me concentro e puxo as correntes de uma vez fazendo elas quebrarem, e depois disso eu visto uma blusa xadres porque eu estava só com uma regata branca e calças jeans com um coturno, saio da estação subo na minha moto e vou pra delegacia.
Chegando lá eu ouço Stiles perguntando pro Derek como ele vai distrair a policial.

- Eu vou conversar com ela. - Derek responde.
- Vai começar com o quê? Me dá uma prévia. - Stiles pede e Derek encara ele em silêncio.
- Ótimo, silêncio mortal. Deve funcionar. Outra idéia?
- Pensando em te dar um soco na sua cara.
- Oi. - Eu falo chegando do lado do jipe e Stiles leva um susto.
- Já chou sua âncora? - Derek pergunta surpreso.
- Não não, você não ta vendo como eu to descontrolada matando todo mundo que eu vejo pela frente. E então precisam de ajuda?
- Nossa, quanta delicadeza. Por enquanto não, eu vou distrair a policial e vocês entram, o Stiles vai pegar a chave na sala do pai dele e você encontra a cela do Isaac, mas toma cuidado porque a Allison disse que tem um caçador vindo pra cá pra matar o Isaac.
- Tá bom, então vamos. - Eu respondo.

Derek entra na frente pra distrair a policial e começa a flertar com ela usando aquele sorriso lindo que ele devia mostrar mais vezes. Eu e Stiles entramos de fininho e vamos fazer cada um sua parte.

O Stiles foi pegar a chave que não foi necessária porque quando eu cheguei na cela Isaac tinha acabado de arrombar a porta e estava saindo, mas como ele estava transformado eu tentei impedir ele de sair aí nos começamos a lutar. Aí depois de uns dois minutos ele me joga na parede e parte pra cima de mim, mas ao mesmo tempo aparece o caçador e Stiles, então Isaac vai pra cima do Stiles e o joga dp outro lado da sala, e depois vai atrás do caçador, faz ele derrubar a seringa com acônito e depois bate a cabeça dele na parede e ele desmaia. Quando Isaac  vê Stiles caído no chão e parte pra cima dele, eu já havia me levantado e ia empedir ele, mas antes deu poder chegar até ele Derek aparece e rugi fazendo Isaac se encolher no chão.

- Como fez isso? - Stiles pergunta vendo que Isaac se transformou de volta.
- Eu sou o Alfa. - Derek fala. E depois vira e vem até mim. - Ta bem lobinha?
- Ótima, só um pouco dolorida pela luta com o Isaac mas bem. -  Eu respondo.
- Lobinha? - Stiles pergunta com uma expressão divertida no rosto.
- Qual o problema? É um apelido. - Eu falo.
- Nada não. - Fala ele ainda com uma expressão divertida no rosto.
- Vamos, a gente tem que levar o Isaac embora daqui. Stiles, você fica aqui e arranja uma desculpa pro seu pai. - Derek fala e sinaliza pra mim ajudar ele a levar o Isaac embora.
- Mas o que eu falo? Que eu cheguei e já estava tudo assim? - Stiles fala.
- Põe a culpa no caçador, ele não vai contestar nada que você inventar. Porque ele não pode simplesmemte falar que veio aqui pra matar um lobisomem, mas no caminho uma adolescente deu uma flechada nele e quando chegou aqui outro adolescente jogou ele contra a parede e ele apagou. - Eu falei já saindo, indo atrás do Derek e Isaac.

- Então, como achou sua âncora? - Derek pergunta depois de voltarmos ao nosso esconderijo e Isaac está deitado eu acho.
- Eu comecei a pensar em algo, um motivo pra eu ficar humana, um motivo pra eu não sair por ai matando todo mundo pela minha frente. Aí eu me lembrei de uma coisa de quando eu era bem pequena, e achei minha âncora.
- Não vai me falar o quê é que você lembrou, ou o que ou quem é sua âncora, vai?
- Não, ainda não.
- Então tá. E boa noite lobinha. - Derek fala já indo pra seu quarto improvisado.
- Boa noite Derek. - Eu falo e vou dormir também em um quarto improvisado na estação abandonada.


Notas Finais


Então, me falem o que acharam!
Comentem por favor!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...