História O Diário de Izumi - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Junjou Romantica
Personagens Misaki Takahashi
Tags Exo, Junjou Romantica, Love Stage
Exibições 42
Palavras 1.248
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Slash, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 12 - Um Príncipe Aparece


Fecho os meus olhos e vejo você , me aconchego em seus braços ouço as batidas de seu coração , em meio a esta noite chuvosa e fria , encontro calor em seu corpo , com seus lábios encontro a vida que me faltara , com sua voz , encontro a paixão que me cegara , qual o motivo para você me fazer sentir assim? , o que você possui que me atrai de forma tão violenta para o seu corpo? , o seu encanto me desfaz , o seu olhar penetra de forma tão profunda em mim que encanta meu coração , e como em um compasso de uma canção me rendo aos poucos em seus braços , quando dei por mim , você......Misaki já fazia parte de mim e isso eu nunca em toda a minha vida , jamais poderei negar.

 

Durante as noites chuvosas e frias sempre acordo com os leves gemidos que Misaki soltava enquanto dormia , seus gemidos ecoavam em mim , me causando grandes arrepios , todos os dias eu me surpreendia cada vez mais com o tamanho do meu amor por ele , ninguém jamais teve tanto poder assim sobre mim , e isso fazia de Misaki o homem da minha vida, enquanto estou em seus braços , me sinto seguro , sinto meu coração a cada respiração que ele dava , saltitar de alegria , meus pensamentos se embaralhavam quando eu punha meu ouvido em seu peitoral definido e escutava as batidas de seu coração , tudo aquilo corria em meu corpo provocando uma excitação inexplicável , aos poucos eu sentia meu pênis se endurecer e lentamente eu me aproximava ainda mais do seu corpo , fazendo movimentos suaves eu o agarrava fazendo nossos corpos ficarem colados , enquanto eu fazia isso , deixava sem perceber os meus gemidos saírem de minha boca.

 

Em meio aquela sensação de prazer , acabei perdendo completamente o controle do meu corpo , sem perceber acabei acordando Misaki , que ao abrir os seus olhos logo me olhou desconfiado do que poderia estar acontecendo , ao ver aqueles lindos olhos , rapidamente virei o meu rosto corado e o cobri com as cobertas da cama , porém eu ouvia Misaki rindo enquanto seus braços fortes me envolviam , ao sentir ele tirar as cobertas de cima de mim , senti seus lábios beijarem meus cabelos e com seu toque sensual , Misaki chegava sua boca bem próximo dos meus ouvidos e sussurrava dizendo.

 

-O que eu faço com você I-Z-U-M-I? , a cada dia você me faz ficar ainda mais apaixonado pelo seu jeito meigo porém envergonhador de se entregar aos seus desejos carnais.(Falava ele abaixando sua cabeça lentamente enquanto passava sua língua em meu pescoço me fazendo enlouquecer).

 

 Ao sentir sua língua molhar minha pele , rapidamente me virei e o beijei , todas as vezes em que transávamos era somente ele que dava a iniciativa , porém naquela noite eu queria que fosse diferente , enquanto minha boca beijava a sua , minhas mãos passeavam pelo seu corpo livremente , até que a enfiei dentro de seu short seda brando , e ali mesmo eu o masturbava , seus gemidos ficavam cada vez mais intensos conforme o seu pênis liberava uma baba , com minha mão tomada por aquele líquido , comecei a movimenta-la de forma mais rápida , enquanto eu chupava sua língua , sentia ele gozar em minha mão.

 

Com meu pênis pulsando de forma descontrolada dentro de minha cueca , me joguei em cima dele , deitados na cama , Misaki começava a beijar o meu corpo de cima a baixo , ao sentir ele tocar em meu pênis não aguentei , acabei gemendo mais do que eu deveria , a cada momento que ele o beijava , o tocava , meu corpo se contorcia por completo , por alguns instantes tentei recuperar meu controle mas já era tarde demais , nada em mim obedecia os meus comandos apenas aos toques de Misaki , com sua língua descendo e subindo em meu pênis , com suas mãos sobre ele , tentava a todo momento recuperar a minha fala.

 

-Mi......Misaki por.......favor...na-não faça isso.

 

Ele porém não me dava ouvidos e a cada momento em que tentava impedi-lo mais ele prosseguia até que não consegui mais me conter e acabei gozando em seu rosto , com seu rosto coberto de esperma , ele passa um de seus dedos sobre suas bochechas , com seu dedo coberto de gozo ele o coloca em sua boca e ao tira-lo ele me dizia.

 

-Hmm...... doce , assim como meu Izumi deve ser.(Falava ele enquanto lentamente limpava o seu rosto com a toalha que estava na gaveta do quarto ).

 

Após Misaki ter conseguido acalmar os meus hormônios conseguimos dormir pelo resto daquela noite , ao amanhecer logo acordo com o meu telefone tocando , era o meu empresário desesperado me dizendo.

 

-Onde você está Izumi?...... se esqueceu que hoje você ia cantar em um encontro da família real da Inglaterra?.(Falava ele enquanto gritava de forma baixa porém grosseira).

 

Sinceramente nem passava pela minha cabeça que eu ainda tinha essa porra pela frente , e ao lembrar disso logo dei um pulo da cama enquanto gritava com meu empresário pelo telefone.

 

-Puta merda........é claro que eu tinha esquecido né , e você somente para me lembrar disso agora....... vem cá pra quê que eu te pago mesmo?.

 

Ele ao ouvir isso logo começava a abaixar seu tom de voz , e de forma desesperada porém sem demonstrar meu empresário me dizia.

 

-Chegue o mais rápido possível , tentarei enrolar eles aqui.....com ..... essas gororobas que estão servindo aqui.......hm isso é escargo ?(Falava ele enquanto desligava o telefone na minha cara).

 

Não demorou muito para que eu pudesse ficar pronto , e dentro de quase uma hora cheguei ao palácio real britânico , e que lugar , porém algo inoportuno e inesperado acabaria acontecendo naquele local , enquanto os ricaços ficavam dançando no meio daquele maravilhoso salão , eu fui entrando no meio deles enquanto dizia.

 

-Ai... da licença , licença.......o seu cego não está vendo que estou querendo passar , da licença.

 

Após dar esse grito até os músicos pararam de tocar e todos pararam para me olhar , meu empresário que estava ao lado da rainha , logo ao escutar meu grito colocou uma de suas mãos sobre a cabeça e a balançou de forma negativa enquanto a abaixava. 

 

Com todos fora do meu caminho , apenas ajeitei as minhas luvas brancas , dei um sorrisinho básico e disse enquanto caminhava em direção a rainha.

 

-Bem pelo menos acho que todo mundo aqui deve ter me ouvido né......não fiquem em minha frente.

 

Quando todos da família real me viram , ficaram encantados , tanto que os príncipes se levantaram de seus tronos e me olhavam de forma encantadora , enquanto meu empresário pegava em minha mão para apresentar a cada um , um dos príncipes se aproxima de mim e beija a minha mão e com seus lindos olhos azuis ele me dizia.

 

-Então este é o famoso Izumi, encantado em conhece-lo....... você é mais belo do que imaginei , bem na verdade já nem sei mais se os meus olhos estão contemplando um ser humano ou um anjo.(Falava o príncipe enquanto passava uma de suas mãos de forma delicadamente sobre o meu rosto até que seu dedo médio ficou entre os meus lábios).



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...