História O diário de uma vampira. - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~Miryamhf

Postado
Categorias Amor Doce, Death Note
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Dakota, Debrah, Dimitry, Iris, Kentin, Lysandre, Nathaniel, Nina, Rosalya
Visualizações 13
Palavras 932
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Hentai, Magia, Romance e Novela, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem e... Boa leitura

Capítulo 1 - Apresentações e uma dose de Yuri.


Fanfic / Fanfiction O diário de uma vampira. - Capítulo 1 - Apresentações e uma dose de Yuri.

    Acordo com o sol em meu rosto e com uma preguiça do inferno. Levanto e faço minha higiene pessoal e desço para tomar meu café com a minha irmãzinha linda  (sintam o cheiro de ironia no ar!).

   Desço e não vejo ninguém... Isso é estranho demais. Já que estou aqui, vou terminar o meu café, e depois eu vejo onde ela está.

    Depois de tomar café eu fui até meu quarto e peguei minha malas nós estamos de mudança... De novo. Eu digo de novo porque em nove anos já é a terceira vez que eu me mudo. Desta vez eu estou indo para Du Kiss na França, depois de morar em Nova Iorque, Portugal, Brasil entre outros lugares...

     Live: Ive! Cadê minha faca?

     [ Live, minha irmã gémea não idêntica e dois minutos mais nova. Como eu tem 116 anos e tem uma personalidade um pouco de tudo, mas muda de humor facilmente. Ela tem longos cabelos castanhos escuros, olhos azuis, é mais ou menos da minha autura e como eu ama comer. ]

   Ive: Tava... Não sei! Vê na sala de tortura. - sim nos temos uma sala de tortura e não me pergunte o porquê.

   [ Ive, eu mesma, eu me descrevo como uma garota "normal" levando em conta eu ser uma vampira, eu não costumo me importar com o que as pessoas pensão de mim. Mas eu não gosto de aguentar desaforo. Tenho longos cabelos brancos antes castanhos escuros, olhos azuis mas eu uso lentes roxas, sou alta e não sei como não sou gorda porque eu como muito... ]

  Ive: E você viu meu Death Note? - eu disse olhando em algumas gavetas e não o acho. - E cadê o Ratsune quando eu preciso?

   [ Ratsune meu Shinigame ]

   Live: Tava junto com o seu diário e seu livro de feitiços. - ela disse passando pelo corredor.

 Que bom então eu sei onde esta. Depois de pegar tudo eu fui até a sala onde estavam todas as minhas malas. Live logo desceu as escadas e com ela estava uma mala super pesada, que ela carregava sem problema algum.

 Ive: Vamos?  - eu disse jogando um feitiço nas minhas malas para elas irem sozinhas até meu carro. Porem meu celular tocou, era a Kayt.

  [ Kayt, minha melhor amiga, confidente e ficante já que eu sou bi, ela tem 16 anos e uma personalidade Kawaii gótica. Ela tem cabelo longo cacheado preto e rosa, olhos verdes e é um pouco mais baixa que eu. ] 

  Ligação on.

 Kayt: Ive eu tenho uma surpresa pra você.  vem até o seu quarto! - ela disse com uma voz... E depois ela desligou o celular.

  Ligação off.

  Eu fui correndo ate o quarto e quando abri a porta a Kayt estava deitada só de calcinha e sutiã e com uma cara de safada. Eu fechei a porta atrás de mim e entrei no quarto e fui ate ela.

  Ive: Eu não acredito que você tá fazendo isso comigo! - eu disse deitando encima dela.

  Kayt: Eu faço e você fica quieta essa é a regra e se você quebra-lá você será castigada. - ela disse ficando encima de mim.

 Ive: Ok dominadora. - digo com um sorriso malicioso.

   Kayt vai até o meu criado-mudo e pega minha venda e minha algema, ela volta com uma cara muito mais maliciosa.

   Kayt: Está preparada? - diz Kayt vindo em minha direção.

  Ela pega os meus braços e prende os meus pulsos na cabeceira com as algemas e a safada venda os meus olhos, e isso me deixa ainda mais excitada. Ela começa a me beijar de um jeito tão sedutor que eu fico com o desejo de toca-lá, só que depois eu me lembrei que estou algemada e não posso fazer nada. Ela começa a beijar a minha barriga e vai descendo, estou ficando cada vez mais molhada. Ela rasga meu short em dois segundos já que ela é uma demônio... Uma demônio muito gostosa por sinal. Ela chega bem perto da minha buceta e começa a fazer movimentos circulares com sua língua e eu me fico me contorcendo de prazer, sua língua faz movimentos perfeitos. Sinto que estou prestes a gozar.

  Ive: AAAAHHHH!!! - grito de prazer.

  Kayt: Que delícia, hein Ive! - diz Kayt beijando as minhas coxas. - Vou te soltar para você poder brincar comigo também.

    Ela abre as algemas e eu voo em cima dela. Quando estou prestes a tirar sua calcinha e dá algumas dedadas nela a porra da porta e arrombada (queria que fosse eu). Quando eu vejo aquela puta que eu chamo de irmã esta na porta (ou o que sobrou dela) morrendo de rir.

   Eu coloquei minha roupa e disse:

   Ive: Você tem dois segundos ou... - ela saiu correndo e eu fui atrás dela e como eu sou mais rápida eu a alcancei ela bem rápido e a imobilizei no chão. - Eu vou te matar sua Puta!

   Live: pelo que eu, os vizinhos e o bairro saiba a puta aqui é você! - ela disse com um pouco de dificuldade.

   Kayt: Eu vou ter que concordar com ela. Você é uma ótima puta - ela disse descendo as escadas já vestida. E eu sai de cima da Live e corri ate ela.

   Ive: Uma puta que você ama - eu disse ficando bem perto do seu rosto. E quando eu ia  beija-la....

  Live: Vamos? Ou vocês vão dar mais um Show pro bairro inteiro? - ela disse com uma cara de tédio.

  Ive: Estraga prazeres! Eu disse indo até a garagem.


Continua... 


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Bjs e obrigada por lerem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...